Dilma e Obama decidem: Cachaça é brasileira, chega de Brazilian Rum

Fala, Sedento! Esta semana a Presidente Dilma assinou um acordo com o governo dos Estados Unidos, onde ambos reconhecem que a nossa tão querida cachaça é um produto genuinamente brasileiro, ou seja, bebidas destiladas de cana só podem ser vendidas como cachaça na Obamaland se forem fabricadas no Brasil. Em troca, reconhecemos que Bourbon e Tennessee são uísques “legitimamente americanos”.

Cachaça É TEEEEETRAAAAAA…

Dilma e Obama brindando

É nossa!

Para o Brasil, depois de dez anos de negociações, esta é uma decisão muito importante, já que os Estados Unidos são o terceiro maior mercado da cachaça brasileira, o maior mercado consumidor de destilados do mundo e têm grande influência na Organização Mundial do Comércio (OMC), o que pode facilitar a certificação da cachaça no mundo inteiro como produto genuinamente brasileiro.

Rum Brasileiro é o cacete, é Cachaça!

Isto ainda não acontece e queima o nosso filme lá fora. Sabia que nos Estados Unidos, por exemplo, a cachaça é conhecida por “Brazilian Rum” (rum brasileiro)? Por causa da forma de classificação das bebidas adotadas por lá, o nome deve ser de acordo com o seu produto de origem. Como cachaça e rum são ambos produzidos com cana, daí a heresia.

Garrafas de cachaça

Rum é o caralho, é cachaça

Créditos: Luiz Felipe Martins

Desde o ano 2000, as cachaças exportadas para os Estados Unidos foram obrigadas a estampar a ofensa “Brazilian Rum” em seus rótulos. Agora, o belo nome cachaça volta a aparecer e isso pode aumentar as vendas do produto naquele mercado. Sem a confusão de nomes o público não se engana.

Além disso, o rum tem proteção fiscal e a cachaça já entrava no mercado perdendo a briga por ser supertaxada e ser mais cara que os concorrentes. Agora a coisa vai ficar mais justa.

Vamos honrar a cachaça, ela merece

Depois de tudo isso, a influência para que consigamos a mesma decisão, junto à OMC e tenhamos o nome cachaça como exclusividade da bebida produzida no Brasil valendo para todos os países do mundo é grande e a nossa amada bebida terá a honra que merece.

O povo brasileiro ganha com isso?

Rapaz segurando copo cachaça

Ganhamos cachaça \\o/

Créditos: Fausto Genaro

Tudo bem, mas o que isso tem a ver com você, que assim como seu amigo que vos escreve, vai na venda da esquina e compra a sua cachaça do mesmo jeito que sempre fez, é bem informado e provavelmente está me chamando de imbecil por dar notícia velha?

Absolutamente nada. Para quem está no Brasil, não muda preço, nome, lugar que vende ou a careta que se faz quando bebe cachaça ruim. A única e importante fonte de inspiração para eu escrever este texto e não contar mais uma das minhas histórias ou apresentar rankings e receitas, é o orgulho de ver algo tão representativo da nossa cultura receber todo o respeito que merece. Sim, todo o povo brasileiro ganha com esse reconhecimento.

Um presentinho pro Obama

Cachaça cravejada com jóias e diamantes

Queremos também dona Dilma

E o nobre presidente dos EUA ainda faturou uma garrafa de cachaça orçada em R$200 mil reais. Com apenas 60 unidades, a “cachaça mais cara do mundo” tem a garrafa com uma armação toda em prata e ouro e cravejada por 212 pedras preciosas (sendo 211 brilhantes e um diamante). Tá explicado porque é tão cara, a cachaça nem deve ser lá essas coisas, principalmente por que é uma edição especial da cachaça Velho Barreiro, a “Velho Barreiro Diamond“.

Todo respeito pela Velho Barreiro, mas é que 200 mil é meio foda 😛

Finalizando

Agora falta organizarem o negócio por aqui e fazer uma classificação interna decente, com características do produto, região de onde saiu, aspectos da bebida e tal. Mas isso já é matéria pra outro artigo.

Até a próxima e não beba se for dirigir.

Você também gostará desses

Vinhos oficiais de Game of Thrones A HBO firmou uma parceria com a vinícola americana Vintage Wine Estates, para o lançamento dos vinhos oficiais de Game of Thrones. Confira agora!
Chinelo no pé e cerveja na mão Um desabafo de uma brasileira que vive nos EUA e vê como é diferente a cultura de bares e botecos pé sujo que são tão comuns assim no exterior. Confir...
Das cachaças e suas misturas maravilhosas! Jeremy disponibiliza algumas variedades e misturas deliciosas com cachaça. Desde batidas, até a famosa caipirinha. Pegue as receitas e se delicie.
Cachaça Pitu se veste para as festas de São João... A cachaça Pitu fez uma embalagem especial para São João. As latas tradicionais de 350 ml, vem com as cores já conhecidas da marca e com desenhos estam...
Vinho em lata: Será que a moda pega? A Scribe Vinery, uma vinícola situada na região de Sonoma, nos EUA, investiram no vinho em lata para permitir o transporte fácil da bebida. Confira!...
White House Honey Ale: A receita da cerveja da Cas... Eis que o presidente dos EUA Obama começa a produzir cerveja dentro da Casa Branca, a White House Honey Ale. Confira todos os detalhes dessa nova empr...