Cachaça: Tudo o que você precisa saber

É amigo, você pode até ficar chateado, triste com essa informação, mas não fomos nós brasileiros que inventamos a cachaça. Ou pelo menos não inventamos o processo de feitura. Registros existentes indicam que os primeiros a saborear algo parecido com o que hoje conhecemos como cachaça foram os Egípcios. Mas como a maioria das bebidas alcoolicas, eles não saboreavam, realmente, usavam como remédio! Acho que devemos agradecer aos médicos e curandeiros por termos nossa bebida nacional! Gregos (acqua ardens – a “água que pega fogo”) e romanos (água da vida) também usavam esse destilado como remédio. UM VIVA À MEDICINA DA ANTIGUIDADE!

Cachaça e seus diversos nomes

Pinga, cana, marvada, catiça, branquinha, mé (saudoso Mussum)… é uma aguardente feita de cana-de-açucar, leveduras e água. Tem mais uns 300 compostos, mas eles só ocupam 2% do total de uma garrafa, então nem vale a pena citar. A forma como é feita foi aperfeiçoada na europa e veio dos destilados de frutas e ervas. Com a expansão do império romano, esse tipo de bebida chegou à Arabia e foi lá que os equipamentos que são usados até hoje na feitura foram inventados.

O nome Cachaça tem várias origens, mas o que se tem certeza é que cachaá era o nome da primeira espuma que saia da feitura do açucar. A segunda espuma, mais concentrada era consumida por escravos. Quando começaram a destilar essa espuma com o melaço fermentado, dando origem às cachaças de baixa qualidade, essas também foram chamadas de cachaça. Esse produto era dado aos escravos ou adquirida por pessoas de baixa renda.

Cachaça, produto tipicamente brasileiro

Apesar do processo não ser nosso, a aguardente de cana-de-açucar, famosa CACHAÇA, é um produto tipicamente brasileiro. Já foi moeda, já foi nome de revolta e símbolo da resistência contra os portugueses. Também já foi glamurizada pelos intelectuais do início do século XX e hoje em dia virou um negócio rentável e com diversos rótulos, tanto artesanais como comerciais. Sem contar que é a base da deliciosa Caipirinha!

Leia mais sobre Cachaça: