10 coisas que não se deve dizer ou fazer diante do barman

“Vamos ver algumas regras, uma lista de 10 coisas que você NUNCA deve fazer na frente de um bartender. Preste muita atenção aos pontos.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (28 votes, average: 7.36 out of 10)
Loading...

Fala galera do PdB, beleza? Cara, para tudo! Vamos combinar uma coisa: Daqui pra frente ninguém fará ou dirá uma dessas 10 coisas para um barman:

1 – Nunca pegue a garrafa no balcão

bartender fazendo drink

Larga que é minha!

Créditos: Cristian Negroni

Jamais, em hipótese alguma, pegue a garrafa no balcão para se servir. Brother, imagina alguém chegar na mesa do teu escritório e tocar o zaralho. Ou pegar a sua marmita e tocar o foda-se com ela. Imagina alguém entrar no seu quarto e mexer nas suas coisas. Não seria legal, né?

Pois é, isso para um bartender é desconfortante demais e lamentável. É como se o profissional estivesse ali de figuração e ele não tivesse autonomia e nem poder para nada, como se todos pudessem chegar e fazer o que bem entender.

2 – Jamais pegue as frutas

Jamais pegue com a mão uma fruta. Se você quer comer uma fruta (se for um balcão de open bar. Isso não acontece em estabelecimentos), simplesmente peça. Sim, isso mesmo, é só pedir, meu bebê! O barman ficará muito feliz em encher um copo pra você com quantas frutas você quiser. Só não mete a mão porque é anti-higiênico, pois não sabemos a procedência da suas mãos. 😀

Como é o mesmo que meter a mão na garrafa e fazer cocô na cabeça do barman/figurante.

3 – Caipirinha é de limão

caipirinha

É uma receita registrada pelo IBA (Associação Internacional de Bartenders). Se você quer uma de abacaxi, diga QUERO UMA CAIPIRINHA DE ABACAXI, se for morango: “Caipirinha de morango, senhor barman educado e feliz em me receber“.

4 – Caipirinha é com CACHAÇA e Caipivodka é com VODKA

Fácil essa né? Então diga o nome correto. Sério, dá vontade de chorar quando preparamos a Caipirinha e só depois de experimentar o cliente diz que quer com vodka ou então pedem “me vê uma caipirinha com vodka“.

5 – Coquetel com pouco gelo

Não peça, é sério! Melhor não pedir um drink se você não quiser com gelo. A base importantíssima de um coquetel para se manter agradável até a última gota que consumir é através da temperatura e textura que se mantém através do gelo.

O barman sabe exatamente a quantidade necessária. Não faça como alguns que pedem pouco gelo, não aguentam beber porque esquenta rápido e depois joga fora.

6 – Pedir um beijo ao bartender.

Ele está rindo porque é simpático, não quer dizer que ele quer te beijar

Ele está rindo porque é simpático, não quer dizer que ele quer te beijar

Créditos: Mint Images

NÃO FAÇA ISSO!!! É sério. Se eu entrar no seu escritório, no meio de um dia normal de trabalho, virar sua cadeira e te pedir um beijo, você irá gostar? Não é porque trabalhamos com festa que é uma zona. Temos que ter postura. Senão o patrão manda embora. 😛

7 – Mais um pouquinho ou chorinho

Cara, me peça 3 coquetéis e beba todos de uma vez, mas não me peça um e encher de álcool. Sério, se quer se matar você está indo pelo caminho mais longo. Eu estou no seu evento para te proporcionar uma bebida com sabor diferenciado. Quero que você curta a bebida e não que beba álcool puro.

Mesma coisa na boate, restaurante, etc… A carta de coquetéis foi feita de forma pensada. Com medidas exatas e e em equilíbrio para combinar em harmonia. Se você quer álcool puro pra ficar bêbado mais rápido, compre só a dose. Será mais barato pra você, te garanto.

8 – Jamais peça mais açúcar

Jamais faça o item anterior e depois volte ao bar pedindo pra colocar mais açúcar. Se quer mais álcool, sustenta a moral, combatente. Não sabe brincar não desce pro play.

9 – Jamais tente ~ensinar~ um barman

bartender no bar

Me deixa quieto aqui

Créditos: Trefla

Jamais tente ensinar um clássico ao barman, ou dizer como deve ser feito. A não ser que você saiba mesmo o que está fazendo ou que saiba um receita desconhecida, que não seja popular. Estamos aqui para aprender o tempo todo e não sabemos tudo. Mas a maneira que você fala pode soar arrogante para o profissional à sua frente.

10 – Não tente preparar a sua bebida

E não menos importante: JAMAIS ENTRE NO BAR QUERENDO AJUDAR OU PREPARAR A SUA PROPRIA BEBIDA. Sério, me manda seu currículo e marcamos um dia para conversarmos e te passo um treinamento.

Encher a cara e achar que vai ajudar tem a grande possibilidade de você atrapalhar demais o profissional. A não ser que seja uma festa de bartenders e você sabe exatamente trabalhar em um bar. Daí flui que é uma beleza. 🙂

Finalizando

Sério, daqui pra frente sigam essas regrinhas. Me ajuda a ajudar vocês. Todos somos mais felizes bêbados, mas que entendamos que a sua diversão não pode atrapalhar o serviço e ganha pão de outros. E caso você veja algum amigo errando em alguns itens, mostre esse texto pra ele.

Abraço e fui.

Você também gostará desses

Drinks e Receitas: Russian Bear Receita de um excelente drink, o Russian Bear. É bem doce, leve e fraco. Leva Vodka, creme de leite e licor de cacau. Lembra um pouco um milk shake. I...
Drinks e suas finalidades Você sabia que drinks não servem só para te deixar bêbado? Existem diversos tipos cada um com uma finalidade, como os digestivos, aperitivos, refresca...
Teaser Dose Certa. Aguarde… Nosso primeiro Teaser, um vídeo de 30 segundos mostrando um pouco do local, uma cervejinha tomada. Esse será o programa Dose Certa, nosso primeiro con...
Receita de Licor de Café Veja deliciosas receitas de Licor de Café. São três diferentes receitas: licor de café em pó, cremoso e em grãos. Confira agora!
Milk Shake de Cerveja – Como preparar? Descubra os segredos e as manhas envolvidos no preparo de um milk shake de cerveja. E não deixe de assistir o hilário vídeo no final do artigo e apren...
Drinks e receitas: Bellini Receita do famoso drink Bellini. Fácil de fazer com os ingredientes: suco de pêssego e espumante. Drink que veio da Europa, Veneza na Itália pra ser m...

Compartilhe:

  • Pedro Marlan

    ótimas dicas para não criar climão

  • Jonathan W. Cunningham

    Garçom/Barman há uma razão pela qual vc aceita ser um empregado nesta sociedade enquanto eu procurei ser um empregador, nossas opiniões são imiscíveis. Porém até mesmo um coquetel com essas características sabe que haverá sempre alguém que ficará por cima.