24h de carnaval – A procura dos bêbados perdidos

Não pessoal esse post não é a respeito do carnaval do Jack Bauer não, é o meu mesmo. Infelizmente tive que trabalhar na segundona e me restou apenas 24h pra curtir o carna de Ouro Preto e Mariana, mas essa história começa uma semana antes…

Uma semana antes nos porões do nosso querido bar…

Essa aí é só a entrada do porão...

Essa aí é só a entrada do porão...

Estávamos tranquilos começando os preparativos pra data mais etílica do ano quando chega o Dono do Bar e avisa que pelo quarto ano seguido viria pra Minas curtir o carnaval de Ouro Preto, quando nossa linda Lady Margarita também avisa que irá a festa na cidade histórica, Johnny Walker avisou também que iria trocar o whisky pelas cervejas dos blocos e Repúblicas da Terra do Nunca mineira e ficou formado o bonde carioca pra curtir o carnaval das ladeiras.

Então os mineiros resolveram aparecer também, Mr. Absoluto resolveu trocar a vodka pela cachaça e descer do norte do estado até as ladeiras históricas da nossa antiga capital e aproveitar pra conhecer a galera e eu morando ao lado não podia ficar de fora também.

Algum tempo depois ficou combinado o local do encontro que de acordo com o Dono do Bar seria “Sábado à noite naquela pracinha em frente ao bagulho que rola o Bloco do Caixão se não me engano. Aquele palco e tudo mais.”. Trocamos telefones e esperamos o grande dia…

No sábado…

Cheguei em Mariana às 19h, pouco depois Mr. Absoluto me liga confirmando o encontro, me acomodo então na casa dos pais da minha cunhada, algumas cervejas pra começar e então caímos pra Ouro Preto e então a aventura começa… Dezenas de milhares de pessoas espalhadas pelas ladeiras, sem conhecer os outros 4 bêbados e com o contato do Absoluto e do Johnny começou a caçada pelos bêbados perdidos.

Achar alguém aqui é difícil viu...

Achar alguém aqui é difícil viu...

Depois de subir e descer algumas ladeiras, muitos telefonemas e latinhas de cerveja depois eis que encontro o Absoluto com uma garrafa de Seleta com menos de uma dose e resolvemos tentar encontrar a pracinha do bagulho.

Mr. Absolut e Chico Salinas tomando uma procurando os bêbados...

Mr. Absolut e Chico Salinas tomando uma procurando os bêbados...

Mais ladeiras e algumas cervejas e nada dos nossos bêbados, infelizmente o Johnny Walker não conseguiu chegar a Ouro Preto e ficou bebendo em Itabirito mesmo e quanto ao Dono do Bar e Lady Margarita ainda não tivemos notícias…

Finalizando…

Com pouco tempo pra curtir o carnaval me despedi de Ouro Preto e voltamos à Mariana pra curtir um pouquinho também. Só fica a tristeza de não ter encontrado nossa Lady, fui até com minha camiseta da Tequila em homenagem à ela, mas ano que vem tem mais!

Eu, meu irmão e minha cunhada voltando pra curtir o carnaval de Mariana.

Você também gostará desses

Como sobreviver à Oktoberfest de Munique A Equipe do PdB esteve presente na Oktoberfest de Munique, a principal e maior Oktoberfest do mundo. Muita cerveja, comida, diversão e história pra co...
Carnaval 2011 no Rio de Janeiro: diversão e revolt... Um breve comentário sobre o carnaval 2011 no Rio de Janeiro, os pontos bons, diversão, fantasias, mas também as críticas por banheiros, cerveja e educ...
Casamento + gravidez = Carnaval divertido… I... E quem disse que futuro pai não se diverte no carnaval? Claro que se diverte e com muita confiança entre o casal. Afonso conta tua jornada no Carnaval...
Carnaval em São Paulo Passar o carnaval em São Paulo é uma ótima opção para fugir das praias lotadas. Praticamente tratamento personalizado nos bares e com direito a sambód...
Jack Drunk Games, a olímpiada dos bêbados Uma disputa etílica, onde se bebe vários copos de chopp, várias jarras de chopp, shots, drinks, entre outras bebidas. Esse é o Jack Drunk Games, um ev...
Comercial da Brahma com a J.Lo para o camarote e o... Cerveja Brahma lança o comercial oficial da vinda da Jennifer Lopez para o camarote da Brahma no carnaval carioca. Confira a produção e o comercial e ...