A bebida aproxima as pessoas

Nós do Papo de Bar recebemos um email tempos atrás sugerindo um tema de artigo. O email acabou ficando no esquecimento e só fui lembrar dele há pouco tempo, nem tenho mais o email do cara solicitando esse artigo. Mas deixando o lenga lenga de lado, vamos falar sobre algo que é totalmente inevitável, que a bebida aproxima as pessoas.

Quando a bebida aproxima as pessoas inesperadamente

E antes que você venha falar “mas eu não bebo e tenho amigos, me aproximo das pessoas“, ok, ninguém é perfeito, mas não é somente sobre o “eu bebo” que estou falando. A bebida aproxima as pessoas no geral, tanto no bar quanto andando pela rua. Quantas pessoas você já não viu na rua usando a camisa do Jack Daniel’s e mal sabe ela que a camisa dela é sobre um dos mais famosos whiskey? Isso também vale pro Ramones 😛

Uma tequila

Uma das frases que o cara mandou no email sobre a bebida aproximar foi o que ocorreu com ele no aeroporto, vamos ao caso:

Tipo o dia em que um segurança do aeroporto de Brasília ficou rindo da minha camiseta sobre tequila e não se incomodou com minha cara de muçulmano.

Achei isso genial. Não garanto que nos EUA isso possa acontecer, mas aqui no Brasil felizmente acontece. E sim, realmente é verdade, a bebida aproxima até em casos mais inesperados como esses.

A bebida aproxima as pessoas na gastronomia

Hambúrguer com Cheddar de Jack Daniels

Hambúrguer com Cheddar de Jack Daniels

Tem casos em que você come um hambúrguer maravilhoso ou então qualquer outro prato sagaz, aí a pessoa fala que leva tequila, whisky ou cachaça. Pronto, era o que faltava, surge assunto, as pessoas fica totalmente descontroladas querendo saber como fazer aquela delícia e provavelmente você ganhou alguns amigos ali naquela hora.

E claro, aproxima quando você chama seus amigos pra sua casa no final de semana, aquela hora sagaz de fazer uma comida, petisco, hambúrguer, seja lá o que for, aí você diz pra galera levar umas cervejas. Pronto, já bastou pra reunir os amigos, independente do que eles estejam fazendo. Terá um violão zoeira, videogame e se você não tomar cuidado, uma multa caso você não more numa casa no fim do mundo sem vizinhos te aloprando, somente micos e capivaras, aí é tranquilo.

A bebida aproxima as pessoas com camisetas

Camiseta do Jack Daniel's

Cara, esse é um ponto deveras engraçado. Camisetas chama atenção, seja sobre bebidas ou não, se ela for engraçada, pronto, você já arranca um sorriso da pessoa, sempre. Ela fala com a pessoa do lado dela, fica geral rindo, muito foda isso. Mas é impressionante, e até normal, que quando a camiseta tem algo relacionado com bebida a probabilidade das pessoas gostarem é alta. Se a pessoa que viu a camiseta beber, pronto, certeza de sucesso e aproximação. Caso não beba, a coisa pode ser um pouco diferente, a pessoa somente rir quando fizer algum sentido pra ela.

Resumindo, se uma camiseta for de bebida e a pessoa beber, ela gostará e dará um sorriso, se a pessoa não beber ela gostará mais da camiseta caso ela faça sentido pra ela ou seja engraçada. A camiseta sendo sobre bebida e engraçada, aí foda-se, ela fará sucesso até com o cachorro da pessoa que estiver passeando na rua.

A bebida aproxima as pessoas no bar

Brinde de amigos no bar

Cara, isso é 100%, não adianta. A bebida aproxima as pessoas de qualquer forma, principalmente num bar. Se você estiver bebendo uma coca-zero num boteco cheio de gente bebendo aquela cervejinha gelada, provavelmente você será alvo de alguns comentários e possivelmente que a galera, se for simpática, vá lá te abordar. Pronto, arrumou companhia, risadas e mais uma história pra contar no futuro.

Se você está bebendo sozinho também tem muita possibilidade. Todo bêbado que se preze não deixa um camarada beber sozinho. Mas claro que existem regras, e elas não são 100%. Tenha calma na abordagem, não esteja completamente bêbado, senão você será um inconveniente, e isso é péssimo.

A bebida aproxima as pessoas na vida

Vidal, Aline e Dulcetti no Carnaval do Rio de Janeiro

Verdade. Qualquer bebida, não precisa ser necessariamente uma. Em qualquer lugar, não precisa ser na praia, Las Vegas, você se aproxima das pessoas, as pessoas se aproximam de você, parece uma regra vital, um estilo fodasse de ser. E você nem precisa estar bebendo, de repente vê algo relacionado a bebida, tanto as camisetas etílicas como informei ou então alguém bebum passando. Seja uma prato com bebida, seja alguém que parece o Jeremias muito louco, seja lá o que for e em que momento for, a bebida vai te aproximar das pessoas caso você queira.

Um grande exemplo disso é o carnaval. A música combina cerveja, aliás, combina com qualquer bebida, com qualquer coisa. O carnaval une as pessoas, momento único, felicidade, o espírito de festa, aquela música que você não consegue ficar parado. Lógico que tem seu lado ruim com os vagabundos que furtam, etc, mas enfim, no geral é algo surreal, de prazer imenso. É a música, é o carnaval, é a bebida, é o hakuna matata, é o fodasse, vamos viver <3

Finalizando

E você, o que acha da bebida? Ela te aproxima das pessoas? Te aproxima do quê?

Beijo na alcatra.

Você também gostará desses

Nossas marcas favoritas de cerveja Confira outros produtos que tem o #EstiloPdB, estilo cervejeiro: bandejas para você servir cerveja para seus convidados e uns jogos americanos feitos ...
O que desejar em 2016 Sobre o que desejar em 2016... Desejamos que 2016 venha com muitas bebidas, risadas, amor, sucesso, fodasse e muito mais. Vem com a gente que é sucess...
Somos todos Papo de Bar O #EstiloPdB é um marco, um nível de comportamento acima do normal, onde se aproveita a vida de forma saudável, sem preconceitos e com grandes amizade...
A importância das pessoas que não bebem O mundo das bebidas também é feito com pessoas que não bebem. Essas pessoas têm seu papel, sua grande importância no mundo etílico.
O que NÃO falar no primeiro encontro? Você sabe como proceder num primeiro encontro? O que falar, como abordar? Veja algumas dicas do que não fazer na hora do primeiro encontro com aquela ...
Parece que, aparentemente… Aparentemente é uma palavra espetacular, que serve para várias coisas e situações de um bêbado e seus amigos. Tanto ela como "caralho", "parece que",...