O Álcool e a Fome

Não é difícil ouvir alguém dizer que perde a fome quando consome álcool, ou que depois de comer algo não bebe mais, porém, tem aqueles que quando bebem ficam possuídos pelo espirito da gula e adeus dieta. Afinal, por que tanta variação? O que acontece com nossa fome quando a gente bebe? Qual a relação entre o álcool e a fome?

Busquei milhões de explicações cientificas pra tentar elucidar essas questões pra vocês e fiz algumas descobertas curiosas, todavia, nada conclusivo.

Grel o quê? Ina. Puxa…

churrasco e cerveja

Créditos: Paul Clifton

Sabe-se que a grelina é o hormônio responsável por regular nossa fome. Em condições normais, quando o estômago está vazio e o corpo carente de nutrientes, ele começa a sintetizar grelina que também poder ser sintetizada em outras partes do corpo, mas principalmente no estômago. Quando a quantidade de grelina sobe, o hipotálamo percebe e vem aquela sensação da barriga colando nas costas. Quando nos alimentamos os níveis de grelina baixam e a sensação some. Mas ok, onde fica o álcool e a fome aí?

Nenhuma pesquisa explicou ao certo porque perdemos a fome ou ficamos famintos ao consumir álcool, entretanto, encontrei umas explicações que se encaixam bem.

Algumas bebidas, como a cerveja, possuem valor calórico altíssimo o que seria reconhecido como alimento pelo estômago, cessando a produção de grelina, por isso a fome vai embora. Outra explicação seria o fato do álcool ter fácil absorção desde a mucosa oral até o estômago, se ele estiver vazio então a absorção pode ser ainda mais acelerada e dependendo da quantidade de álcool que você está consumindo o cérebro consegue sentir os efeitos logo, logo. O álcool causa uma confusão em varias funções cerebrais, e a sensibilidade a certos hormônios pode estar dentro dessas funções prejudicadas, então mesmo que os níveis de grelina estejam altos o cérebro não irá conseguir perceber.

Mas e a galera que fica com mais fome quando bebe?

Eu respondo só pode ser PACTO GULA. Não há uma explicação muito coerente pra continuar sentindo essa “fome” e na verdade conversando com alguns conhecidos que se identificam com a questão, eles notaram que não é fome, é somente vontade de comer, e como as bebidas estão sempre acompanhadas de petiscos de encher os olhos aciona nossa memória e pronto, comemos como se não houvesse amanhã. Atrelado a isso está o fato de que se o cérebro não está respondendo aos altos níveis de grelina, o contrário também é verdade e se a saciedade não vem… continuar bebendo e comendo é nossa única missão.

O elo que liga o álcool e a fome

Álcool e a Fome: frios e cerveja

Créditos: Mathias Praegant

Mas há um elo que liga os dois grupos, quando a ressaca e todo aquele mal estar resultado daquela confusão cerebral causado pelo álcool passa, vem a fome de verdade e a vontade de beber a bacia amazônica. A essa altura vocês já devem imaginar o porquê, mas eu vou explicar mesmo assim.

Eu falei que algumas bebidas possuem alto valor calórico, mas não disse que elas não possuem valor nutritivo significativo, ou seja, o corpo continua carente de nutrientes, e como o organismo tenta se livrar das toxinas diluindo elas na urina e suor, perdemos muita água, por isso a fome e a sede estratosférica.

Finalizando

Pra evitar os efeitos nocivos do álcool é recomendado nunca beber de estômago vazio e beber água entre um copo e outro de álcool, isso ajuda a se manter hidratado e absorver menos álcool, evitando a embriaguez.

Você também gostará desses

Algoritmo permite identificar bêbados em multidões... E se existisse uma tecnologia capaz de identificar bêbados em multidões!? Mais fácil controlar baderneiros? Seria invasão de privacidade? Venha debate...
Como é medido o teor alcoólico da cerveja? Um artigo mostrando como é medida a graduação alcoólica, o percentual alcoólico das cervejas através dos valores de densidade original e final, entre ...
Cerveja em pó. Pó bota o pó aê Mais uma novidade, digamos estranha, no mundo da cerveja. Lançaram uma cerveja em pó no saquinho. Boa para mobilidade, mas não contém álcool. Bola For...
Prazer e Cerveja – Como as coisas funcionam ... Prazer e cerveja? Claro, toda vez que bebemos sentimos prazer em fazê-lo, mas novos estudos mostram como o prazer e a cerveja se relacionam, no cérebr...
Gelando cerveja rapidamente: Chillsner Gelando cerveja? Isso é sempre de utilidade pública não é mesmo!? O que acham do Chillsner, o estalactite de cervejas? Vale o investimento?
Ressaca: Toda felicidade tem seu fim Atire a primeira garrafa quem nunca teve uma ressaca. Toda bebida dá ressaca, mais umas dão mais que as outras. Veja aqui a lista e o porquê dessas be...