Aprenda a apreciar sua cerveja

“Veja dicas simples e diretas com um de nossos beberrões da arte de apreciar sua cerveja favorita. Confira!”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (17 votes, average: 7.82 out of 10)
Loading...
468x60 - Acessorios

Sim, meu amigo, beber cerveja é uma arte! E por mais que eu também adore pegar uma “estupidamente gelada” em um dia quente, virá-la na goela, lamber os beiços e dizer “ahhhh”, é preciso um pouco mais de cuidado para realmente apreciar uma boa cerveja.

Primeiro passo: sirva

Colarinho

Lembre-se: mesmo as cervejas Pilsen brasileiras mais populares devem ser servidas em uma temperatura de 2ºC a 6ºC. Menos que isso, suas papilas gustativas ficarão amortecidas.

A maior parte das cervejas requer um colarinho – algo em torno de dois dedos – para que ela conserve o gás carbônico e retenha a maior parte dos aromas. É simples: despeje, com o copo reto, uma pequena quantia de cerveja. Espere a espuma parar de subir e então encoste a boca da garrafa na borda do copo, despejando lentamente em um ângulo de 45º.

Algumas cervejas importadas chegam a trazer no rótulo as instruções de como melhor servir a cerveja. Fique atento.

Segundo passo: olhe

Olhe

Com muita calma, eleve a cerveja à altura de seus olhos e aprecie a beleza do que você está prestes a tomar. Não olhe-a contra a luz, observe-a com luz indireta para que as suas cores não sejam distorcidas.

Terceiro passo: agite

Agite

Gire sua cerveja suavemente no copo. Isso fará com que a cerveja libere seus aromas e ligeiras nuances, além de estimular levemente a formação e liberação de gás carbônico e permitir observar e testar o colarinho.

Quarto passo: cheire

Cheire

Cerca de 60% de seu paladar é formado pelo cheiro. Portanto, é mais do que importante aproveitar essa sensação. Primeiro, aspire o ar através de seu nariz rapidamente duas vezes. Em seguida, aspire o ar com a boca aberta e finalmente, somente com a boca. Isso fará com que os aromas se encontrem em suas células olfatórias. Certifique-se que não há outros cheiros no local que possam atrapalhar sua experiência.

Se for necessário, agite novamente o copo e aprecie o buquê da melhor maneira possível.

Quinto passo: aprecie

Aprecie

Agora beba a cerveja. Tente resistir em engoli-la imediatamente. Deixe-a vaguear na boca e aproveite todo o paladar. Deixe seu paladar falar… aprecie a consistência e o sabor, expirando o ar através de seu nariz. Esse procedimento é chamado de “retro olfação”: as sensações não são as mesmas que as percebidas no passo anterior, ao cheirar a cerveja diretamente. A cerveja foi esquentada na boca, possibilitando a descoberta de outros aromas com o desprendimento de compostos menos voláteis.

Experimente detectar gostos doces, sabores salgados, ácidos e a amargura. Tente descobrir o que são, ou com o que são parecidos.

Tente beber um pouco da cerveja quente. Quando a cerveja está gelada, alguns de seus sabores ficam mascarados. Quando ela aquele, eles são liberados e tornam-se mais acentuados.

Livremente adaptado daqui.

Você também gostará desses

Cervejas Fruit Beer: Bacchus Frambozenbier e Bacch... Veja mais sobre as cervejas Bacchus Frambozenbier e Bacchus Kriekenbier, cervejas no estilo kriek beers, cervejas feitas com frutas, como framboesa, c...
Carnaval em Muriquí Crônica divertidíssima de um carnaval em Muriquí, com direito a fantasia e altas peripécias baseado em fatos reais.
Faça sua própria cerveja Você gosta de fazer a sua própria cerveja? Conheça o mini-kit caseiro da Coopers. Qualidade e diversão garantidas!
Cerveja em pó. Pó bota o pó aê Mais uma novidade, digamos estranha, no mundo da cerveja. Lançaram uma cerveja em pó no saquinho. Boa para mobilidade, mas não contém álcool. Bola For...
A diferença na qualidade da cerveja em diferentes ... Uma visão geral sobre a qualidade da cerveja em diferentes lugares do Brasil e a mudança da qualidade com o passar do tempo das cervejas nacionais.
As Casas temáticas da Rio 2016 Confira algumas das Casas temáticas dos Jogos Olímpicos Rio 2016. As que mais se destacam pela diversidade, bebidas e gastronomia. Confira agora!

Tags:

Compartilhe:

  • Esse post é sério???

    Será necessário passar na manicure e fazer as unhas para combinar com a cor da cerveja? Devemos tomar um coquetel de frutas enquanto a cerveja esquenta e liberar odores???

    Na boa cara, seu negócio é tomar 'keep cooler' de canudinho. De mãozinha dada com o autor gringo que escreveu essa frescuraprimeiro,hehehe…

    • julia

      é serio sim sou a julia trabalho com cervejas especias é uma alegria descubrir que tem tantas novidades!!! esse post esta certissimo toda a forma de aprecias uma cerveja !!! vai aprenda vc nunca mais vai querer parar !!! bjus ahh beba com moderacao e sabedoria !!!

  • Ah, meu amigo Romário… como eu disse lá no começo, eu também bebo Belco (!) ou Nova Schin (!) do jeito que vier. Mas não vale a pena pagar U$ 40,00 numa Eisenbahn Lust ou mesmo U$ 10,00 numa Westmale se não souber aprecia-las…

  • Sei não… Continuo discordando.

    A cerveja, a bebida de macho, não tem essas frescuras do vinho, só precisa ser honesta (gelada e com preço decente para o local).

    Não quero transformar aqui no meu palanque, mas esse negócio de pegar a cerveja e tomar cuidado com a papilas gustativas, olhar na luz indireta e fazer retro olfação, eu não sei não… Lá no seu padrinho, o PdH, costumam chamar isso de 'coisa de mulherzinha'.

    Também faço extravagância as vezes, mas quando tomo uma caneca de Guinness eu o faço como um hooligan e não como a Rainha no chá-das-5, hehehe…

    Obrigado pelo espaço, []'s!

    • julia

      Cerveja sao para mulheres tbm pq as mulheres quem comecaram antigamente com as cervejas em casa!!ai vc decide ou fica com uma barriguinha de bolinha e bebado sem apreciar uma cerveja ou entra na rotina e aprecia com sabedoria conhecimento e muito gosto !!!! eu falo isso pq alem de mulher tomei varias melhor dissendo degustei varias e trabalho com isso e amo meu trabalho !!! vai em frente comece e nunca ira para!!

  • @Romário Jr.

    Rapaz, isso "vareia" de cidadão pra cidadão. Tem pessoas que estão felizes com um sangue de boi, enquanto outras só ficam felizes se estiverem tomando um Miolo e tudo mais.

    Tem horas em que você quer é encher a cara, não interessa a cerveja. Mas tem vezes em que você quer tomar uma Guinness, uma Eisenbahn, por mais que sejam bem mais caras.

    Qualidade, pelo menos pra mim, vale bem mais que quantidade. Tendo dinheiro, vale mais tomar 5 Eisenbahns do que 20 Skols da vida.

    E sobre a forma de beber, vai de cada pessoa. Não vejo mal nenhum em seguir os passos, assim como também não vejo mal se o caboclo virar o copo inteiro de uma vez 🙂

  • TOTAL ALIEN

    Degustar é uma arte!!

    Degustem cervejas como Belle Vue, Licher, Konig, Waterloo Tripel e outras……..

  • Margareth

    Agora preciso saber com quais peixes essas cervejas podem ser "harmonizadas" …

  • Darwin

    Meu pau!! Que ignorância do amigo Romário (com todo o respeito) … beber é uma arte. unica regra dessas que eu não respeito é a temperatura, mas geralmente no final a cerveja(quando é uma cerva boa) você sente mais os aromas.

  • Calma Darwin, calma 🙂

    cada um na sua, com alguma coisa em comum 😉

    aquele abraço

  • julia

    Meantime chocolate ,backer brown, varias outras ideal para essa pascoa ,fazer uma harmonizaçao com um chocolate humm que delicia

  • nataniel metz

    Discordo um pouco… pra mim (que não sou formado em porra nenhuma, apenas sou um bebedor) o correto é primeiro cheirar a cerveja.
    Os aromas, principalmente os dos compostos organicos dos lúpulos são muito voláteis e se desprendem fácil da bebida.
    Se tu for olhar a ficha de avaliação do BJCP (Beer Judge Certification Program) vai ver que o primeiro item a ser avaliado é o odor do nosso querido líquido, justamente por causa disso.

    No mais, o amigo Romario não deve conhecer o maravilhoso e gigantesco mundo que da cerveja. Muita gente no nosso país ainda não descobriu as diversas opções acerca da cerveja… culpa das grandes cervejarias industriais, que gastam mais dinheiro em marketing do que no próprio produto…