Garota segurando lata de cerveja com o Bebaki

Beber direto da lata sem morrer no dia seguinte

“É lançado um protetor para latas de alumínio, o Bebaki. Ele serve para proteger latas de cerveja de impurezas, sujeiras que se alocam em isopores e outros locais.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (7 votes, average: 10.00 out of 10)
Loading...

Mão segurando o Bebaki

Ali por volta do ano 2000 circulou um spam afirmando que o pai de uma modelo famosa teria morrido por leptospirose após beber cerveja direto da lata de alumínio. Digamos que foi este o início do fim do hábito de beber nas latas de alumínio, apesar da versão fantasiosa boa para conversar no bar.

Veja o que o pessoal do Quatro Cantos fala disso:

Segundo alguns especialistas, a Leptospira interrogans, bactéria causadora da leptospirose, teria sobrevida de poucas horas após ser expelida pelo rato e toda essa história não passa de fantasia. Além disso, o período de incubação dessa doença varia de 4 a 19 dias e, segundo uma das versões da lenda, a pessoa já apresentava sintomas da leptospirose no dia seguinte.

Fonte: http://www.quatrocantos.com/LENDAS/18_leptospirose.htm

Inovar para atender bem

Mulherada vai adorar essa ideia

Garota segurando lata de cerveja com o Bebaki[ /caption]

Usando este medo de se contaminar, algumas cervejarias decidiram inovar. Em especial, podemos falar da Itaipava, que comercializa suas latas com um elegante lacre de papel-alumínio.

Gráfico

Há quem diga, porém, que mesmo as latas protegidas pelo papel podem estar contaminadas. Pois nada garante que lata e papel estejam limpos. Aí que entra outra inovação. Trata-se do Bebaki, um protetor feito em plástico higienizado para latas de alumínio que isola a bebida da boca do vivente.

E não apenas isola, como também é bastante lavável e pode ser utilizado várias e várias vezes, sem o revés de poluir o mundo com lacres e trancas de papel alumínio.

Beba cerveja sem morrer

Bebaki[ /caption]

Você pode adquirir o Bebaki entre R$ 2,50 e R$ 5 na melhor loja do mundo, Mulher, Cerveja & Futebol.

Você também gostará desses

Copo térmico de cerveja Stanley Experimentamos um copo copo térmico de cerveja da Stanley que deixa sua cerveja gelada por até 4 horas e meia. Exatamente, confira agora essa novidade...
Cervejas Fruit Beer: Bacchus Frambozenbier e Bacch... Veja mais sobre as cervejas Bacchus Frambozenbier e Bacchus Kriekenbier, cervejas no estilo kriek beers, cervejas feitas com frutas, como framboesa, c...
As bebidas ideais para servir no seu casamento Vai casar e não quais bebidas oferecer no seu casamento? Veja agora nossas dicas do que oferecer para seus convidados. De cerveja a drinks.
Presentes e dicas pro Dia dos Pais: Meu pai merece... Todo coroa merece mais do que um simples presente não é verdade? Veja algumas dicas e sugestões de presentes para seu pai, quem sabe ele não te dá um ...
Mulheres e bebidas Por que, em geral, as mulheres preferem uma bebida mais docinha?
Compartilhe sua Guinness com os amigos. Mulher fazendo propaganda de cerveja no Brasil é super comum, mas como nesta propaganda da Guiness, estou pra ver tamanha ousadia!

Compartilhe:

  • gui

    nao adianta nada…
    toda vez que a pessoa tirar a lata da boca, o líquido passeia pela superfície da latinha, levando diretamente para sua boca no próximo gole, todas as impurezas e bactérias da tampa da latinha.
    ótima forma de falar que voce é um fresco retardado, isso sim. 🙂

    • kardim

      Discordo.
      Existem fotos na web que mostram uma latinha cortada, de modo que se pode ver que o como o bebaki atua dentro da lata, isolando a bebida, deixando claro que o líquido não tem contato com a parte externa da lata. Não sei explicar muito bem, mas é como se fosse um “canudo” bem curto, no formato exato da abertura da lata. Não sei se é permitido postar links, mas se for, veja todas as fotos do link abaixo se saberá do que estou falando:

      http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-170338716-protetor-para-latas-bebaki-s-chaveiro-_JM

  • kelvis

    ñ axei nada boa essa ideia, pois o liquido vai passa da msm forma para a nossa boca, levando todas as bacterias !!

  • Há várias vantagens de usar o Bebaki. Primeiramente é preciso entender que é o contato que carrega a sujeira. E com ele não se tem contato com a parte externa da lata.

    O líquido realmente passa pela lata, mas não há esforço mecânico ali. Portanto, a transferência de sujeira é, na pior das hipóteses, muito inferior.

  • Verdade Bender. O contato direto da boca com a lata é que aumenta a contaminação, não tendo o contato, diminui e muito a probabilidade de contaminação. Ainda mais se a pessoa estiver com a boca ferida, herpes, entre outros.

    A única reclamação mesmo que eu faria é que não vem a menina no pacote do Bebaki. Talvez fazendo um Chupaki com a menina de brinde seria uma ótima pedida pra loja

  • Luiz Carlos

    É bem verdade que possuam batérias na parte da lata em que encosta-se a boca, entretanto, a bactéria Leptospira só consegue sobreviver em ambientes aquáticos, como um peixe.
    Logo, podemos concluir que não existe a possibilidade de haver a a transmissão da Leptospira através da urina seca de um rato.
    Por mais que seja sujo

  • Marcio Ivair

    Tenho o desenvolvimento de um produto que está bem a frente do BEBAKI, dentro da proposta apresentada. Produto patenteado cuja a bebida não circula sobre a tampa da latinha, e ainda, devido a sistema de ventilação natural a bebida sai de forma contínua, como uma “torneira” aberta, além de ser bem mais discreto! Quem estiver interessado em conhecer e ser um sócio, favor deixar contato.

  • Recco

    merda de ideia… a sujeira de qualquer jeito entra em contato com o amuminio…

    ideia estupida

  • Paula Couto e Silva Simões

    Gostaria de ter acesso para revenda do produto em meu estabelecimento. Se for possível,gostaria de receber no meu e-mail as informações e contato do representante. Obrigada!!! Paula