Beer Sommelier World Championship

Agora vamos falar um pouco sobre o Campeonato Mundial, como funciona? Segundo informações fornecidas pelo nosso correspondente diretamente das provas, Daniel Tortella.

Neste ano, pela primeira vez o BSWC (Beer Sommelier World Championship) vai ser fora da Europa.

Este campeonato surgiu há 8 anos e está na quarta edição. Desta vez, 50 profissionais estarão presentes representando países como Alemanha, Itália, Canadá e Estados Unidos. No total, se não me engano, são 10 países. A delegação brasileira contará com 22 pessoas. São os melhores colocados no Campeonato Brasileiro de Sommelier de Cervejas.

O campeonato é dividido em 4 fases:

garrafas cerveja

  1. A 1° é teórica e cobre todos os temas: desde processo de fabricação, insumos, história dos estilos de cerveja, técnicas de harmonização, copos e serviço, etc.
  2. Na 2°, os competidores tem que identificar o estilo de várias cervejas em um teste cego. No campeonato brasileiro foram 8 cervejas mas no mundial “ouvi dizer que serão 10 (só teremos certeza na hora)”.
  3. Para a 3° fase, temos que identificar off-flavors nas cervejas.

    “Off-flavors são sabores indesejados que vem de falhas no processo de fabricação, insumos de má qualidade ou falhas no armazenamento. Sim, sommelier também precisa tomar cerveja ruim! (rss). Isso é importante para o sommelier saber avaliar quando um lote de cerveja não está ideal para o consumo e não vendê-lo aos seus clientes. Também serve para quando ele tiver que trabalhar dentro das fábricas e precisar identificar problemas no processo de produção.”

  4. A última fase é a final. Teremos que apresentar uma cerveja para diversos jurados renomados e, de certa forma, encantá-los com a descrição daquela cerveja. Como diz Tortella “Deixá-los com vontade de tomar.

Todas as fases são eliminatórias e existem repescagens no meio. Essas repescagens são identificação e descrição de algumas cervejas.

E a premiação?

Com relação à premiação que com certeza deve existir, mas não sabemos o que é, mas como parâmetro a premiação do campeonato brasileiro foi uma viagem para acompanhar a colheita de lúpulo nos Estados Unidos, além de troféu e muito cerveja, é claro.

Dicas sobre cervejas e harmonizações

Harmonização de queijos e cervejas

Algumas dicas para o cara que está começando a se aventurar pelas cervejas e harmonizaçôes:

  • Primeiro: não existe cerveja boa ou ruim. Existe o que você gosta e o que não gosta!
  • Não tenha preconceito, experimente. Se não gostou, experimente outras vezes! Nosso paladar se acostumar principalmente com o amargor. Conheço várias pessoas que diziam que não gostavam de cerveja amarga e hoje só tomar Imperial IPA.
  • Existem técnicas de harmonização, que podemos falar em um outro post, mas para chegar em uma boa harmonização só tem um jeito: teste! Coloque a cerveja e a comida juntos na boca. Nenhum sabor deve se sobrepor.. eles devem se completar e formar um novo sabor, ainda melhor.
  • Cerveja vai muito bem com doce, sim! Na verdade, é mais fácil harmonizar com doces que com salgado. Algumas harmonizações certeiras: uma Porter com chocolate 70% cacau, uma Kriek (cerveja ácida maturada com cereja) harmonizada com chocolate branco, uma Duvel (ou qualquer outra Strong Goden Ale) com bolo de damasco com merengue.
  • Compare as cervejas que você gosta. Abra mais de uma, coloque os copos lado a lado e faça a comparação. Isso vai te ajudar a distinguir melhor os sabores da cerveja
  • Milho e arroz não são vilões! São usados para deixar mais leve e baratear as cervejas de massa mas também são usados em alguns estilos como o Flanders Red Ale para que a cerveja pegue ainda mais os sabores da madeira dos barris onde é envelhecida.
  • Cerveja de massa também é cerveja e boa como o estilo diz que ela deve ser. Mais uma vez: não tenha preconceitos.
  • Por fim, dê preferência para a sua cervejaria local. Ela gera empregos na sua região e ainda te dá a chance de tomar a cerveja mais fresca que você já tomou na vida! Os alemães tem um bom ditado: “só tome a cerveja se você estiver vendo a chaminé da cervejaria“.

Aquele abraço.

Você também gostará desses

O meu 1º St. Patrick’s Day sem uma Guinness A data de St. PAtrick's Day vista por uma linda mulher que não podia beber. Será que é possível se divertir? Pelo que diz ela, sim, confira!
Camarote da Brahma 2014: Abre-alas Um evento para mostrar as novidades do Camarote da Brahma 2014, que tem uma temática toda em cima do futebol, por ser um ano de Copa do Mundo no Brasi...
Pão de Açúcar e Wals lançam a Cerveja 65 anos O Grupo Pão de Açúcar e a cervejaria Wals lançam a Cerveja 65 anos, uma cerveja em comemoração aos 65 anos do Grupo. Uma Witbier bem gostosa e refresc...
Rio Gastronomia 2015 Nesse mês de agosto de 2015 está rolando o Rio Gastronomia, sua quinta edição. Está rolando no Jockey Club Brasileiro. Muita comida e bebida boa. Conf...
Heineken Future Bottle: Campanha para criação de u... A Heineken completará 140 anos em 2012 e já começaram sua festa. Lançaram uma campanha onde você pode criar a próxima garrafa da cerveja. Confira!...
Vin Première O evento Vin Première traz João Valduga e seus grandes produtores de vinho à Salvador. Serão 120 rótulos para degustação para todos os gostos. Confira...