Cerveja. Beber até cair ou beber por prazer?

Quando eu estava na minha primeira faculdade, a inexperiência, juventude e liberdade recém conquistada no bar da esquina e a turma de amigos na mesma condição, eram a mistura perfeita para que aulas fossem matadas em busca do “néctar sagrado”.

Beber cerveja era algo que fazíamos por pura vontade de ficar bêbado. O medo de ficar muito bêbado ou de ter outros problemas, nos afastavam do consumo excessivo de água-ardente, porém, a cada vez que assentávamos àquelas mesas, éramos capazes de empilhar vários engradados de cerveja.

Copos Cerveja

Beber até cair? Tô dentro.

Nessa fase nossa motivação não era o prazer em beber cerveja, mas sim, simplesmente ficar bêbado.

Isso mesmo. Neste caso, a maioria das cervejas serviria e quanto mais baratas fossem, melhores seriam, já que a busca em quebrar recordes era incessante.

Bebíamos Skol, a cerveja da moda à época, e depois de um tempo Brahma. Com o passar do tempo nosso paladar foi se refinando.

Da Skol fomos pra Brahma, depois Original e Bohemia, a maioria dos meus amigos ficou por ai.

Caozinho com cerveja

Beber, cair e levantar…

Tanto a maturidade quanto a experiência nos fizeram procurar cervejas melhores, mais saborosas, mais encorpadas, com sabores diferentes, etc.

Enquanto a ordem era beber até cair, pouco nos importava o que bebíamos, desde que o gosto não fosse muito ruim, qualquer cerveja gelada servia. E quanto mais gelada, melhor era, já que isso diminuía o gosto ruim do que bebíamos.

Hoje eu não bebo com o objetivo de ficar bêbado, isso é uma algo que muito raramente acontece.

Opto por cervejas mais encorpadas, com sabores mais marcantes e que combinem com o que estou comendo ou com o clima.

A necessidade da cerveja estar ultra gelada também não existe mais.

Estar entre 5 e 3 graus é possível se refrescar e sentir todo o gosto proporcionado pela bebida, menos que isso o gosto começa a desaparecer.

Marca Eisenbahn

As cervejas que procuro beber nem sempre são baratas, mas pelo simples fato de eu buscar o prazer do sabor e não quantidade isso não me incomoda em nada. A que mais bebo é a Eisenbahn, feita em Blumenau/SC, com preferência pela Eisenbahn Weizenbier, que é feita de trigo ou a Eisenbahn Rauchbier, que é feita a partir de cereais maltados defumados.

Cervejas EisenBahn

Se comparada com as cervejas industrializadas por grandes marcas, como Skol, Brahma, etc, uma Eisenbahn custa o dobro do preço. A garrafa de 355 ml de Weizenbier custa, aqui em São Paulo, R$2,99 no supermercado, o mesmo preço ou pouco mais barato que as garrafas de 600ml das marcas mais consumidas.

Mestre Cervejeiro

Caro? Talvez. Eu não acho. O excelente sabor de uma cerveja como essa me faz optar por beber não mais que duas, três garrafinhas, enquanto se estivesse bebendo uma Original, da Antártica, eu provavelmente estaria bebendo muito mais.

Pelas contas da época eu beberia cerca de 10 garrafas, o que sairia mais caro, seria menos prazeroso, causaria dor de barriga no dia seguinte e ainda custaria mais caro que as 3 garrafinhas de hoje.

Finalizando

Faça o teste, experimente trocar a sua cerveja “amarelo transparente“, por uma de cor âmbar, mais encorpada. Claro, gosto não se discute, só o gosto ruim!

Num próximo post falaremos sobre o processo de fabricação, e por que as cervejas tem cores e sabores diferentes.

Você também gostará desses

Dia Internacional da Mulher com um toque alcoólico... Uma homenagem do PdB para você mulher. Mas com um toque alcoólico e bem safado, porque todos nós, inclusive homens, somos filhos de Deus e bebemos e f...
Bowser Beer, a primeira cerveja para cães Uma galera dos Estados Unidos lança uma cerveja exclusiva para os cachorros beberem, a Bowser Beer. Feita sem álcool e aromatizada com carne e frango,...
Dicas de presentes para o Dia das Mães Todo ano se comemora o dia das mães no segundo domingo de maio, certo? Dá tempo de sobra de comprar pela web, dá tempo de mandar entregar se sua mãe m...
Preço de cerveja pelo mundo inteiro Fique por dentro dos preços de cervejas pelo inteiro através de um site. Dica muito interessante para todos os que vão viajar, para se prepararem pros...
Como fazer cerveja em casa, da cevada ao copo Quer aprender a fazer cerveja em casa? Compre o livro Da cevada ao copo, Aprenda a fazer cerveja por apenas R$37 o ebook e R$57 o livro físico.
Conheça as cervejas artesanais da África do Sul Você conhece as cervejas artesanais da África do Sul? Veja como funciona o mercado, os ingredientes e algumas cervejarias conhecidas por lá. Confira a...