Cervejaria recicla resíduos e produz energia para um hospital

Fábricas de cerveja geram resíduos, assim como qualquer outro tipo de fábrica. Como estamos em tempos de cuidar do planeta, nada melhor que uma dessas fábricas começar a dar o exemplo de como ajudar o planeta. Na cidade de La Crosse, próxima da área rural de Winsconsin, a economia é sustentada basicamente por uma grande cervejaria, que além de produzir aquilo que pessoas do mundo inteiro consomem diariamente (alguns em grandes quantidades, inclusive) vem mostrando que é bacana ajudar o próximo, cuidar do planeta e ainda se livrar de um problema com um ato único.

Cervejaria La Crosse

Durante o processo de produção da loira, é gerado um gás que antes era dispensado diretamente na atmosfera. Agora, todos esse volume de gás alimenta alguns geradores que produzem energia elétrica e essa irá alimentar o consumo de um hospital local. É ou não é um passo bacana rumo a sustentabilidade?

Com certeza, Modafoca. Conte mais a respeito.

Isso nasceu num projeto de uma fábrica, que visa contribuir para a comunidade como um todo. A energia produzida sustentará um hospital, Gundersen Lutheran, e gera uma economia para o planeta equivalente a plantar 951 acres de floresta ou afastar 670 carros das estradas . O Objetivo principal da ação é “poupar os recursos valiosos da comunidade e gerar economia para os pacientes do hospital”, conforme explica Corey Zarecki, um dos diretores da empresa.

Bacana, e como é o tal processo?

cervejaria recicla

Os resíduos da fabricação de cerveja precisam passar por um processo antes de serem liberados para o esgoto local. A cervejaria tem um digestor anaeróbico, que durante o processo gera alguns gases (inclusive gás metano), que antes era liberado na atmosfera. Agora, os gases são conduzidos para geradores que o utilizam como combustível e produzem energia elétrica. O calor gerado nesse processo também é reutilizado, evitando completamente o desperdício de combustíveis derivados de toda produção.

Complexo, mas bacana. O que podemos entender com isso?

Acredito que tudo na nossa vida pode acontecer, basta para isso que você tenha vontade de fazer. Isso é apenas mais uma mostra de que com poucos investimentos as pessoas podem tornar esse planetinha um lugar melhor para habitarmos. Infelizmente, não consegui descobrir a marca das cervejas fabricadas nesse lugar, mas assim que conseguir descobrir vou com certeza tomar uma delas com gosto.

Da mesma forma que gostamos de estar próximos dos amigos numa mesa de bar hoje, devemos zelar pelo futuro de nossos filhos e netos, para que eles possam fazer exatamente a mesma coisa que tanto gostamos de fazer hoje em dia.

Vi no WorldChanging, dica da Maffalda

Você também gostará desses

Skol Beats Spirit A Ambev lançou mais uma versão da família Skol Beats, a verde Skol Beats Spirit, que tem 7,9% de graduação alcoólica, fermentada e destilada.
Cerveja hidrata que nem água depois da prática esp... Estudos mostram que a cerveja consumida, moderadamente, após exercícios físicos tem o mesmo efeito de hidratação que a água. E mostram que cerveja mel...
Cerveja WayDog, feita pela Way Beer A Way Beer fechou uma parceria com a BrewDog e criou a WayDog, uma cerveja exclusiva para o Bar da BrewDog em São Paulo. Session Pale Ale, com 3,8% de...
A Revolução Cervejeira é Feminina! A cerveja artesanal está cada dia mais na moda. Mas cadê as mulheres fazendo cerveja? Elas foram as primeiras a fazer, merecem destaque novamente!
Prazer e Cerveja – Como as coisas funcionam ... Prazer e cerveja? Claro, toda vez que bebemos sentimos prazer em fazê-lo, mas novos estudos mostram como o prazer e a cerveja se relacionam, no cérebr...
BardoBier: conheça a cervejaria baiana com toque n... Cervejaria Baiana BardoBier tem conceito diferente na produção de seus rótulos e pretende trazer muita história e cultura Nerd para o universo cerveje...