Copa do mundo, cerveja e o espírito brasileiro

“Copa do Mundo, maior evento futebolístico e quiçá do esporte mundial. Evento que para países, que para pessoas, une torcidas rivais atrás de um único objetivo... Beber cerveja... Ah sim e ganhar o mundial também.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (3 votes, average: 7.00 out of 10)
Loading...

Bom, que o futebol é o esporte mais popular e mais amado aqui no Brasil todo mundo já sabe. Já comentamos por aqui a sua importância e influência tanto nas pessoas como nas marcas.

O futebol é forte, tanto no Brasil como no mundo. Se tratando de Copa do Mundo então, nem se fala.

Copa do Mundo, o maior evento esportivo?

Dizem que a Olimpíada é o maior evento esportivo do mundo. Bom, se tratando de estrutura, organização, entidades, esportistas, categorias, premiações, entre outros, sim, realmente a olimpíada é o maior evento esportivo mundial.

Mas…

Não adianta, a Copa do Mundo, onde quer que ela seja, para UM “mundo” ou UNS “mundos”. E principalmente o “mundo” de onde essa copa está sendo realizada. A África do Sul ganhou repercussão mundial, não somente o país, mas o continente africano todo. Seja com sorrisos, com danças, com jogadas, com vuvuzelas, eles marcaram esse evento chamado Copa do Mundo.

Revoluções, realização, visualização, dinheiro, repercussão, tudo que se pode conseguir numa copa eles conseguiram, menos o título, lógico 😀 Mas também não entrarei em méritos de desigualdade social, roubos dessa grana, super faturamento de obras e tudo mais, não é meu papel, mas sabemos que isso ocorre em tudo quanto é local.

E bem que eles poderiam dividir mais essa grana toda e resolver os maiores problemas do país e ajudar, também, o continente.

Não falarei sobre o mundo inteiro, mas falarei aqui sobre o Brasil, que é onde estou e onde estamos, pelo menos grande maioria dos leitores do Papo de Bar.

Jogo do Brasil é feriado nacional

Para uma boa parte isso é verdade, muitas empresas param, geralmente as menores, o dia inteiro. Mas PRATICAMENTE TODAS, grandes ou pequenas, param durante o jogo do Brasil.

Aquela tensão, nervosismo, euforia, até mesmo tesão, de estar todos vidrados, seja com seus amigos de infância ou seja com seus colegas de trabalho. Ou até mesmo sozinho, por que não?

Sozinho? Não…

Sempre tem uma gostosa por perto

Por mais que você não esteja com a família, não esteja com os amigos, não esteja com a mulher, pai, mãe, filho, eu também sou da família também quero… Ops, me empolguei, esquece.

Você estará com aquele caboclo(a) que você mal conhece do lado, torcendo, com o copo de cerveja na mão, para finalmente, soltar aquele grito, bravejar, vuvuzelar, berrar, beijar, beber, que se foda, o que vier na hora, o grande grito de GOL.

O espírito brasileiro…

O grande espírito brasileiro, eufórico, seja pela festa, seja pela cerveja, mas principalmente pelo futebol. Existem pessoas que não gostam de futebol e não curtem essa época, mas isso é bem raro. Até mesmo o cara que nem sabe o que é impedimento, quando chega uma copa torce pro Brasil.

Uma festa de lotar arenas como a Fan Fest em Copacabana. De fechar uma rua importantíssima como a Conde de Bonfim das 9h até às 22h por causa do fênomeno chamado Alzirão. A famosa rua que vira uma festa, praticamente um carnaval, digamos, micareta até para os mais empolgados.

Um evento que une corações, emoções e o mais impressionante, torcidas rivais. Uma coisa que pode parecer impossível, mas não, isso acontece na copa. Está todo mundo de amarelo, todos torcendo pro Brasil. Mas claro, sempre tem a rivalidade e provocações, mas todas saudáveis.

Uma época onde alguns podem até preferir ver a final do mundial do que transar com uma mulher gostosíssima. Não sei se chega a tanto, mas acredito que muitos deixariam de transar se o Brasil estivesse na final. Mas isso não vem ao caso agora.

Uma coisa bem modafoca, pelo menos aqui no Rio aconteceu, foi que muitas ruas se enfeitaram, tiveram concursos para tal, muitos apartamentos enfeitados, com bandeiras, luzes, qualquer coisa que fosse verde e amarelo.

E a velha cerveja…

E claro, a cerveja ajuda, e muito, nesse espírito. O calor humano, a tensão, nervosismo, a euforia, é muito bem aliviado com a cerveja, chopp gelado. Ela socializa, com certeza se você estiver indo comprar uma cerveja, durante o jogo, vc consegue um papo com o vendedor ambulante, se já estiver com a cerveja e vendo na TV do boteco, o camarada ou a garota vai socializar contigo. É a soma do copa com cerveja, uma ótima combinação.

E não é só a cerveja. Vimos também que o licor Amarula criou uma garrafa própria para a Copa do Mundo de 2010 na África do Sul e também vimos a versão especial da Orloff hexadestilada, onde ela é destilada normalmente cinco vezes e nessa versão destilaram seis vezes. Não foi dessa vez, mas fica pra próxima.

E a tendência é sempre melhorar…

Não foi dessa vez que conseguimos levar o hexa, mas eu já estava conformado com isso, nossa seleção estava fraca, com a cara do Dunga, limitada e sem criatividade e sagacidade. E a próxima copa do mundo vem aí, 2014 é a vez do Brasil sediar essa copa e o espírito brasileira da copa extrapolar, parar o Brasil, quiçá o mundo inteiro.

Essa copa promete e acredito que dessa vez o Brasil não deixa escapar essa oportunidade de ganhar dentro de casa. O Maracanã não terá mais 200 mil espectadores como eu gostaria que tivesse, mas os 70, 80 mil que couberem lá vão gritar muito e festejar o hexa.

Vamos pegar a corneta e chama-la de qualquer nome que seja, menos vuvuzela e vamos torcer e fazer barulho, mas sem tiros, por favor…

Mas não é só porque o Brasil não ganhou que não vamos brindar e beber uma cerveja certo? Pegue a sua e venha conosco. Abraços.

Você também gostará desses

Festival Brasileiro da Cerveja 2013: O futuro, à c... Confira o que rolou no Festival Brasileiro da Cerveja 2013 por uma outra visão, mais cervejeira, empreendedora e sobre a economia do país sobre a cerv...
Cerveja e Marketing Digital Uma ótima campanha feita para uma cervejaria, um desafio feito pela cervejaria Spendrups à sua Agência para conseguir uma Campanha diferenciada, total...
Toma, chucrutz: Brasil já é 4º maior produtor de c... O Brasil se tornou o quarto maior produtor de cerveja do mundo, superando a Alemanha e ficando atrás somente da China, EUA e Rússia. A Ambev lidera co...
Rapidinhas etílicas Veja um shot das últimas notícias etílicas, o que está rolando no mercado das cervejas, etc. O lançamento da Heineken, a cerveja Desperados, a Cerveja...
Cervejas em garrafa da Academia Barbante de Cervej... A Academia, em parceria com a Krug Bier, de Belo Horizonte, lançou seu primeiro lote de garrafas da Primavera (Witbier) e da Autunno (Tripel), receita...
Cerveja com mel, chocolate e especiarias. Tem cois... O MAPA (Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento) liberará produção de cerveja com mel, chocolate e especiarias, algo que não era permitido ...

Compartilhe:

  • Leonardo Rechberger

    copa do mundo eh uma perfeita ocasião pra tomar mtaa breja , sou viciado em futebol , mas esse patriotismo hipócrita que se propaga junto com a copa eh ridiculo.