Creme de Papaia do Pecado

Essa semana fui almoçar com o pessoal do trabalho. Aquela história: papo chato, mas tudo pago. A minha profissão de escritora não deveria permitir que eu fosse tão antissocial, mas eu sou.

Fazer o que? No fundo, eu preferia ficar em casa comendo miojo do que almoçar com pessoas que não fico à vontade. Até porque a arte de mastigar é algo extremamente feio. Detesto mastigar na frente das pessoas.

Almoço num Restaurante Brasileiro, aí sim!

Entrada de um restaurante brasileiro

Sejam bem vindos

Créditos: Flavio Chan

Bom, acontece que fiquei muito empolgada quando descobri que o almoço seria num restaurante brasileiro (pra que não sabe, eu moro nos Estados Unidos há 2 anos). Cheguei lá tirando onda, falando metade português com os garçons e metade inglês com a galera da “firma” (O-D-E-I-O essa palavra).

A cara da galera é impagável quando me vê falando português. Ficam querendo saber o que estou dizendo e achando tudo lindo. Coisa boa que é ser bilíngue. Dá pra tirar uma onda. Bom, isso hoje em dia não é muito surreal, considerando que aqui em Utah, mais da metade das pessoas (leia-se: mórmons) foram pra outros países fazer missão. Todas elas voltam bilíngues, coisa que acho muito legal.

Churrasco, feijão, pão de queijo, delícia…

Pote de Torresmo

Delícia!

Créditos: tutyland

E foi dada a largada para o rodízio de carnes. E vai limonada, guaraná, fraldinha, picanha, coração de galinha, feijão, arroz, polenta, ovo de codorna, banana frita, pão de queijo (e é por isso que agora meu exame de sangue está querendo me colocar com o pé na cova, mas deixa esse assunto pra outro dia) e outras maravilhas.

Eis que chega a sobremesa

Finamente é chegada a parte da sobremesa. Por que é que quando garçon pergunta “sobremesa, pessoal?” todo mundo fica se olhando, inventando desculpas e dando risadinhas como quem diz “sobremesa é coisa de gente gorda”, mas no final acaba sempre pedindo um bolo de chocolate com sorvete e calda quente?

Mulher deitada segurando um mamão papaia

Créditos: Alexander Medvedev

Well, well, well… Eu fiz questão de dar uma sugestão já que uma das garotas americanas da mesa estava sonhando com uma sobremesa brasileira. Eu disse pra ela:

  • – A minha sobremesa preferida no Brasil é creme de papaia.
  • – Papaia? Eu AMO papaia – ela respondeu eufórica

Então eu disse pra mocinha ques estava nos servindo e que falava português:

  • – Então, colega, traz um pá nós! (Mentira, eu não falo assim, mas pedi pra mocinha trazer a porcaria da sobremesa de qualquer jeito)

Fudeu, tem álcool…

Garrafa ficando furada com um tiro

Não fala que tem álcool não 🙂

Créditos: Alexander Nerozya

Quando chegou o creme de papaia todo lindo numa taça, banhado em licor de Cassis, tremi e escutei um anjinho soprando baixinho no meu ouvido:

  • – Essa garota é mórmon. Você tem que avisar a ela que tem álcool nessa sobremesa!

Breve pausa pra explicar o mormonismo: religião que não permite que seus fiéis bebam álcool. Pronto. Essa explicação é o suficiente pra esse texto.

Foi nessa hora que senti meu outro ombro coçando. Reparei que era o diabinho rindo:

  • – Tá louca. Não avisa nada! Deixa ela sentir o prazer do álcool pela primeira vez na vida.

Deixa ela beber e foda-se o anjinho

Cachorros vestidos de anjo e demônio

Vaza daqui anjinho de merda!

Créditos: Kostas Tsilogiannis

Devo ter passado o resto do almoço inteiro pensando nisso. Acontece que a garota estava se deliciando loucamente com o creme de papaia. Eu não podia contar pra ela. Porém, era como se eu permitisse que meu tio judeu ortodoxo comesse um sanduba de presunto sem saber. Era muita sacanagem!

  • – Mas ela está pecando sem saber! – disse o anjinho
  • – HAHAHAHAHA! Foda-se! – respondeu o diabo

De quebra, ainda perguntei pra ela:

  • – Aceita um café?
  • – Tá doida? Mórmon não bebe café! – ela respondeu nervosa

Finalizando

Acabou o almoço e fui incapaz de contar a verdade. Mais uma vez o diabo em mim venceu.  Ah. Quer saber? Álcool mata as bactérias e não faz mal pra ninguém. Tá tranquilo! E vocês, o que fariam? Contariam a verdade?

Você também gostará desses

Exercícios e Argumentos Errados Quando entra em questão o stress das academias e personal trainers bonitões e fortões dando trela pra sua namorada. Um história bem humorada sobre....
Rufião – O Rei do Rio: Capítulo 8 Confira o oitavo capítulo da novela etílica mais alucinante. Rufiao, o Rei do Rio, onde mostra que o governador gosta de pegar traveco e se entrega na...
Só não se mete na minha vida! Uma história de uma brasileira se aventurando nos EUA, enchendo a cara no bar até que a garçonete e o Dono do Bar começam a intervir e se meter na vid...
Amnésia Sabe quando você acorda e não lembra muito bem do dia anterior? A amnésia alcoólica, acontece com todos. O problema é quando você prepara toda uma sur...
A cerveja está em tudo, acredite! Não adianta, a cerveja está em tudo, seja com os amigos, seja em novos amores, nos momentos de alegria e de tristeza, junto com a família, na balada, ...
Rufião – O Rei do Rio: Último Capítulo Confira o último capítulo da novela etílica Rufião - O Rei do Rio. Armando encontra Kelly e Alexia com o político que o prendeu tramando planos e chei...