Drinks de Halloween: Martini de abóbora

Faaaala galera do Papo de Bar!!!

E ae, doces ou travessuras?

É uma pergunta retórica, já sei qual a resposta de vocês… safaaadjeeenhos!!! Peço desculpas pelo sumiço, estava/estou na correria por causa da minha empresa. Pra quem não sabe, abri uma empresa que presta serviços de coquetelaria (open bar) para festas e eventos!

Sigam lá porque QUASE todo dia estou postando fotos com a história, curiosidades dos coquetéis, clássicos, modernos e famosos, e postarei minhas receitas também:
Instagram: @yourdrinks.bar e Facebook: /yourdrinksbar

Barman X, chega de papo furado! Tem o que pra gente hoje?

Martini de abóbora

Que isso, pequeno gafanhoto ansioso?!?! Já que estava com saudades, hoje venho falar um pouco sobre o Halloween e criei um coquetel especial para combinar com essa data tão importante na vida dos Americanos e europeus.

O Dia das Bruxas (Halloween é o nome original na língua inglesa) é um evento tradicional e cultural, que ocorre nos países anglo-saxônicos, com especial relevância nos EUA, Canadá, Irlanda e Reino Unidos.

Estudiosos dizem que a palavra Halloween surgiu da seguinte forma:

O nome é, na realidade, uma versão encurtada de “All Hallows`Even“, (Noite de Todos os Santos), a véspera do Dia de Todos os Santos (All Hallows Day).

Hallow é uma palavra do inglês antigo para “pessoa santa” e Dia de Todos os Santos. Com o tempo, as pessoas passaram a se referir à noite de Todos os Santos, “All Hallows`Even” , como “Halloween“.

Uma das lendas de origem celta fala que os espíritos de todos que morreram ao longo do ano voltariam à procura de corpos vivos para possuir e usar pelo próximo ano. Os celtas acreditavam ser a única chance de vida após a morte.

Como os vivos não queriam ser possuídos, na noite do dia 31 de outubro apagavam as tochas e fogueiras de suas casas, para que elas se tornassem frias e desagradáveis, colocavam fantasias e ruidosamente desfilavam em trono do bairro, sendo tão destrutivos quanto possível, a fim de assustar os que procuravam corpos para possuir.

Bom, se quiserem saber mais sobre o porquê das crianças correrem atras de doces com a famosa frases “Doces ou Travessuras” e o porquê da abóbora, bruxas, entre outras curiosidades, entrem no Além da Imaginação:

Vamos a receita do Martini de abóbora

drink martini de abóbora

Então galera, seguindo a minha mania de procurar doce pra comer depois do almoço, fui no pote roubar uns doces de São Cosme e Damião da minha filha. Quando eu vi o doce de abóbora, pensei que eu poderia batê-lo no liquidificador com 40 ml de água e eu teria algo aproximado de um xarope de abóbora (aproximado, porque de fato não é a mesma coisa).

Daí tive a ideia de fazer esse coquetel para o Halloween, o Martini de abóbora. Olha que gênio! #sqn

Dei uma olhada e vi que a origem da história vem da Irlanda, mas os Americanos comemoram sempre em grande estilo. Pensando nisso, vi que o coquetel poderia ser feito em uma taça Martini que é chique e tem outros grandes coquetéis americanos que também são servidos neles.

Vamos a receita:

  • 50 ml de Gin (Eu ia colocar Jack Daniel por ser Americano, mas Gin e Vodka tem mais a cara de um bom Martini)
  • 20 ml de Contreau (Licor de Laranja)
  • 30 ml de Suco de limão
  • 40 ml de Xarope de Abóbora (Ou aquela gambiarra que descrevi acima. rsrs)

Para preparar esse coquetel, você precisará de um stranier (coador), uma faca, um espremedor, um dosador e uma coqueteleira.

Modo de Preparo do Martini de Abóbora

  • Adicione gelo a taça Martini para resfriá-la.
  • Acrescente 4 pedras de gelo em uma coqueteleira, seguido dos ingredientes citados acima, não impostando a ordem.
  • Bata vigorosamente e depois coe já despejando na taça (depois de retirar o gelo).
drink martini de abóbora

Tae meu Martini de Abóbora.

Depois de umas tentativas pra encontrar a melhor quantidade para aplicar os ingredientes de forma que harmonizassem, encontrei nessa combinação a que melhor se enquadra no Estilo Martini de Ser. Caso façam, poderão notar uma acidez gostosa do limão, a presença do gin e da laranja do licor. E um aroma bem legal da abóbora. Mas, caso queira o coquetel um pouco mais doce, é só acrescentar um pouco de açúcar.

Finalizando

Essa foi a nossa tentativa de sucesso para o Halloween etílico do PdB. Vocês gostaram? Fizeram alguma experiência diferente?

É isso galera, por favor, curtam e sigam a empresa pra saber um pouco mais sobre coquetelaria e fiquem de olho aqui no Papo de Bar, pois vem novidade por aí!!

Grande abraço e bebam com moderação!

Você também gostará desses

Receita de Licor de Café Veja deliciosas receitas de Licor de Café. São três diferentes receitas: licor de café em pó, cremoso e em grãos. Confira agora!
Drink Rain Delay Veja como preparar um drink apimentado e com ingredientes inusitados e diferentes, o Rain Delay. Feito com pimenta preta, cerveja, rum, dentre outros ...
Receitas & Drinks: Amaruva? Como assim? O primeiro drink exclusivo do Papo de Bar, inventado pelo Barmaniac e batizado pelo Dono do Bar. Se chama AmarUva. Pelo nome já dá pra ver do que se t...
Drink: Por una Cuba Libre! A história e a receita de um drink muito famoso e consumido por aqui no Brasil. A mistura de coca-cola com Rum faz o Cuba Libre um drink com uma histó...
Drinks e Receitas: Kamikaze e Amore Mio Aprenda a preparar o drink Kamikaze. Batizado em homenagem aos nobres japoneses que davam sua vida pelo país. Leva vodka, Contreau e suco de limão. Ka...
Drinks e Receitas: Céu Azul Receita de um drink nacional feito com cachaça, blue coraçao e suco de abacaxi, o Céu Azul. Um drink bem suave, leve, mas que pega depois de algumas d...