Festival de cerveja caseiro

“Lembra das antigas festas americanas? Resolvemos criar um festival de cerveja caseiro no estilo dessas festas americanas. Cada um leva uma cerveja artesanal.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (3 votes, average: 10.00 out of 10)
Loading...

Estou de volta nobres etílicos de plantão. Lendo esse título talvez vocês tenham ficado curiosos ou sem entender. Existem diversos Festivais de Cerveja mundo afora, nós do PdB já fomos em vários e gostamos muito, sempre com bastantes cervejas, etc. Mas isso não quer dizer que você não possa criar o seu próprio festival de cerveja caseiro.

Complexo isso, não?

Claro que não. Tudo é questão de uma data boa e ter amigos que gostam de cerveja. Feriado está chegando aí, portanto, é uma ótima data para reunir os amigos, beber uma cerveja, falar besteiras, experimentar cervejas novas, harmonizar petiscos com essas cervejas, dentre outras coisas mais. Vocês lembram das festas americanas que criávamos quando éramos pequenos?

Claro, festa americana…

festa americana

Reunião com a galera, geral levava refrigerante e algum petisco, seja salgadinho, biscoito, amendoim e afins. Mas agora nós já somos maiores de idade e evoluímos essa brincadeira 🙂 Com isso, resolvemos fazer uma festa americana cervejeira, o nosso festival de cerveja caseiro, o que acham da ideia?

E como funcionaria esse festival de cerveja caseiro?

Nosso Festival de cerveja caseiro precisa que cada amigo leve uma cerveja artesanal. Se você vai se reunir com 5 amigos, cada um leva dois rótulos diferentes, portanto, 10 cervejas. O interessante é não repetir o rótulo, quanto mais, melhor, pois será uma descoberta a mais, uma curiosidade a mais que será morta. Os estilos das cervejas têm que ser variados também, pra rolar um harmonização diferenciada, mexer com complexidade de aromas e sabores, pra aguçar todos os amigos. Mas claro, também pode ser um festival de um estilo só, pra descobrir mais cervejas daquele estilo específico, mas vamos criar um com vários estilos de cerveja 😉

E como podemos seguir com esse festival?

Simples, comecem pelo estilo de cerveja menos complexo, mais leve e vá progredindo para os mais complexos. Mas lembrem-se, falo de complexidade e não graduação alcoólica. Muitas cervejas com alto teor alcoólico são complexas, mas existem várias cervejas complexas com baixo teor alcoólico, como as do estilo Rauchbier, que muitas vezes podem ser bebidas por último, dependendo do rótulo.

Show, quais estilos e quais rótulos vocês recomendam?

cervejas artesanais

Créditos: McBroome

Chegou no ponto certo, nobre padawan. Separamos cinco grupos/estilos de cerveja diferentes para vocês e vamos mostrar alguns rótulos para você fazer o seu próprio festival de cerveja caseiro. Vamos começar…

Cervejas Leves

Como já tinha dito, vamos começar por esse grupo de cervejas, para nos acostumar com as cervejas e depois aumentar um pouco mais. Vamos beber uma pilsen de extrema qualidade e uma cerveja de trigo, nessa sequência mesmo. A pilsen nós indicamos a Pilsner Urquell, óbvio. Preço camarada no SuperPrix, uma deliciosa e clássica cerveja Pilsen.

Depois partimos para a Witbier Blanche de Bruxelles, com 750ml, boa para o seu grupo de cinco amigos, cerveja leve e que tem o cítrico da casca de laranja. Também com um preço sagaz no SuperPrix, principalmente por ser de 750ml.

Cervejas Escuras

Vamos para as cervejas escuras. Combinam também com esse clima mais agradável que tem feito no Rio de Janeiro, principalmente de noite. Cervejas escuras podem ser bem fortes, complexas, por isso nós vamos começar com cervejas mais tranquilas, nada muito forte.

Começaremos com a Eisenbahn Dunkel, que no nome já diz seu estilo, leva maltes torrados e que, com isso, faz com que seu aroma e paladar lembre chocolate e/ou café. Bem baratinha, cusa somente R$6,90 no SuperPrix, portanto, leve duas pois ela possui 355ml.

E a segunda cerveja será outra nacional e que eu gosto muito, a Colorado Demoiselle, uma cerveja escura do estilo Porter com notas de chocolate e que possui um leve amargor, o que muito me agrada, inclusive levou o prêmio de cerveja do ano em 2009. Bem barata no SuperPrix também, menos de R$15 e ainda tem 600ml

Cervejas Frutadas

amigos brindando

Créditos:

Começaremos a pegar mais pesado, já está na hora. Eu ia falar uma cerveja escura mais complexa, mas preferi deixa para as outras. Agora vamos sentir algo mais frutado nas cervejas, tanto no aroma quanto no sabor. Vamos colocar duas cervejas espetaculares, que estão entre as minhas favoritas.

A primeira é a Tripel Karmeliet, claro. Uma explosão de aroma e sabor, tanto cítrico quanto frutado como eu já havia dito. A garrafa de 750ml está num preço acessível no SuperPrix, mas eles também possuem a garrafa de 330ml, caso prefiram 😉

A segunda cerveja nós até lançamos no nosso Twitter, é a Ballast Point Sculpin, com cor meio alaranjada e balanceada, possui um amargor ao final, mas o retrogosto é bem maltado e frutado, como a cerveja se propõe, e o melhor, vai muito bem com carnes vermelhas. Preço bom lá no SuperPrix também, principalmente pela sua qualidade.

Cervejas Lupuladas

Um dos meus grupos favoritos de cerveja. Antigamente não gostava tanto, mas hoje em dia eu não consigo não beber alguma quando estou bebendo cervejas artesanais. Às vezes tendem contra a preferência de algumas pessoas que estão começando, mas depois cai no gosto da galera, principalmente as cervejas IPA’s S2

Copo cheio de lúpulo

Começaremos com a excelente Anderson Valley Heelch O´Hops Double IPA, bastante lúpulo, típica de uma Double IPA, combinação boa de alto amargor com uma bela base de malte utilizado nessa cerveja. Preço bacana no SuperPrix, principalmente pela sua qualidade.

Mais uma nacional na parada, agora é a minha preferida da cervejaria Colorado, a Vixnu. Se a primeira cerveja já era amarga e Double IPA, essa então é mais porrada ainda, uma Imperial Double IPA, praticamente uma porrada na cara ao beber essa cerveja, mas claro, no melhor sentido possível, excelente. Um ótimo preço no SuperPrix, principalmente por ter 600ml.

Cervejas Complexas

Chegamos no último grupo, talvez você já esteja bêbado. Caso não esteja, provalmente ficará depois dessas duas últimas. Complexidade é difícil na primeira experiência, mas às vezes cai muito bem até mesmo para pessoas que nunca beberam cerveja artesanal, pois tem vezes que se aproximam do vinho, dentre outras coisas.

Vamos atacar com uma clássica cerveja, do país mais cervejeiro de todos, a Bélgica. Estamos falando da Piraat, que é refermentada na própria garrafa, ganhando mais corpo ainda. Bem complexa, equilibra amargor com algo mais doce, perfeita. Essa você também consegue lá o SuperPrix.

Eu ia finalizar com a Piraat, mas quis terminar com uma nacional, excelente, a terceira da cervejaria Colorado, a Ithaca. Uma Imperial Stout, bem escura mesmo e que leva rapadura queimada. Complexa e saborosa, possui 10.5% de graduação alcoólica, finalizando muito bem o nosso festival de cerveja caseiro. Essa também é encontrada no SuperPrix.

Finalizando

Gostou da ideia? Gostou das cervejas? Tem sugestão? Mande pra gente. Participe você também, poste no Instagram e Facebook as fotos das cervejas que você bebeu no seu Festival de cerveja caseiro com seus amigos. Coloque as hashtags #FestivaldeCerveja #EstiloPdB que daremos uma olhada nas fotos e postaremos aqui depois 😉

Aquele abraço.

Você também gostará desses

Experiências etílicas na Patagônia Veja algumas experiências etílicas que se pode fazer na Patagônia.
Explorando vinícolas chilenas Você conhece alguma das vinícolas chilenas? Já visitou o Chile e descobriu os diversos tipos de vinhos disponíveis? Confira a experiência de diversas ...
Como aprender sobre inovação falando de CERVEJA? Você conhece Design Thinking? Gosta de inovação? Que tal aprender sobre inovação falando de CERVEJA? Melhor impossível, certo? E mais ainda, falando s...
Cervejas que substituem o vinho no frio Com inverno se aproximando o clima fica mais agradável. Muitos preferem beber um vinho, mas veja agora algumas cervejas que substituem o vinho nesse c...
Pronto para “La Batalla Del Vino” na Espanha? Confira um evento fodástico que ocorre na Espanha, a La Batalla Del Vino, uma experiência etílica regada a vinho, diversão, pessoas bonitas e muito ma...
PdB Visita a cervejaria Bier Hoff O PdB segue suas visitações em cervejarias e visita a nobre Bier Hoff, localizada no sul do país, em Curitiba. Ótimos rótulos, um mestre cervejeiro de...

Compartilhe: