Filé flambado no conhaque com pimenta verde

Salve salve amigos e companheiros de mesa de bar. Sempre achei que a França era terra de gente fresca que não fazia questão de ser gentil com ninguém. Nas primeiras vezes que estive por aquelas bandas, só confirmei esse pensamento. Mas como dizem os antigos, o mundo dá voltas e tudo pode mudar. E a mudança veio em um pequeno restaurante em Nice, na Côte D`Azur, ao pedir um prato de Filé mignon ‘au poivre vert, e devo confessor que estava de olho apenas no conhaque que a simpático garçom descreveu com tanta gentileza.

França é lugar de Filé flambado no conhaque

Já ne primeira garfada resolvei parar com o #mimimi contra francês e me rendi de corpo e alma à degustação. Para você terem uma ideia de quanto era bom, deixei até gorjeta para o garçom e elogios por escrito ao chef. Atitudes anda comuns para o meio de mochileiros. Mas não importava, pois estava com a barriga e o coração cheios de bons sabores e sentimentos.

Ingredientes para o Filé flambado no conhaque

Medalhão de filé mignon flambado no conhaque

  • 400g de filé mignon
  • Azeite de oliva
  • sal
  • 50ml de conhaque
  • 1 ramo de manjerona
  • 2 colheres (sopa) de pimenta verde
  • 4 colheres (sopa) de creme de leite fresco sem soro

Modo de preparo do Filé flambado no conhaque

Panela pra fazer o filé mignon flambado no conhaque

Fogo nessa porra…

  1. Limpe o file eliminando toda a capa de gordura, deixando a peça bem vermelinha e divida em dois.
  2. O segredo de uma carne suculenta é uma frigideira bem quente. Por isso, aqueça bem a frigideira antes de selar por 2 minutos cada um dos dois lados principais do filé com um fio de azeite.
  3. Tempere com sal apenas os lados já selados. Deixe selar por mais um minuto cada lado lateral.
  4. Hora de tacar fogo!! Flambar alguma coisa significa que você precisa colocar a bebida, no nosso caso o conhaque, na frigideira e incliner levemente para que a chama do fogão alcance o álcool e tudo pegue fogo. Tome cuidado para que apenas e panela pegue fogo e não você 😉
  5. Deixe flambar até que o álcool tenha sido consume e as chamas abaixarem. Retire os filés e baixe o fogo, pois vamos usar a gordurinha deixada na frgideira para fazer o molho.
  6. Adicione o ramo de manjerona no conhaque restante. Acrescente a pimento e o creme de leite e deixe reduzir um pouco, para que fique mais cremoso.

Sirva o filé acompanhado de purê de batatas, batatas assadas ou apenas coradas. De qualquer forma, fica delícia 🙂

Finalizando

Agora me digam: é ou não é uma daquelas receitas marotas que pode-se fazer rapidinho para até quem sabe um jantar romântico? Além de tudo, suja pouca louça e sobra tempo para algumas surpresas gastronômicas adicionais. Para acompanhar o pré-coito perfeito, você ainda pode fazer essa outra receita molezinha de torta de maracujá http://www.cakesmaximus.it/dessert/torte-mousse-maracuja/. E se tudo sair como planejado, você ainda terá que pensar no café da manhã 😉

Você também gostará desses

Paleta Suína com cogumelos ao vinho Aprenda a preparar uma receita de carne de porco bem barata, a Paleta Suína com cogumelos e ai vinho branco. Uma deliciosa receita etílica que você ap...
Pão de cerveja: Não é só por pão Veja a receita e como preparar uma deliciosa receita francesa de um pão de cerveja com alecrim. Uma receita criada em homenagem a Revolução Francesa, ...
Rosbife ao molho de vinho e shoyu Veja os ingredientes e como preparar uma deliciosa receita de Rosbife ao molho de vinho regado ao molho shoyu. Fácil e rápido de se preparar. Confira!...
Fudge de Jack Daniel’s Conheça o Fudge de Jack Daniel's, um doce feito de açúcar, leite e manteiga, a que se adiciona sabor, que pode ser uma bebida, chocolate ou frutas sec...
Paella de Montanha Aprenda a fazer um prato típico da Espanha, a nobre Paella de Montanha, que não é como as tradicionais e não leva frutos do mar. Aprenda agora!
Pastel de Feira Aprenda a fazer um dos mais simples e desejados aperitivos de final de semana, o pastel de feira. Mas nosso pastel de feira leva cachaça e pode ser co...