Guinness Storehouse Experience

“Conheça mais sobre um dos melhores pontos turísticos cervejeiros da Irlanda, quiçá do mundo, a magnífica Guinness Storehouse Experience.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (7 votes, average: 9.57 out of 10)
Loading...

O turista que caminha pela Thomas Street em Dublin poderia facilmente passar reto pelo beco estreito e perder a atração turística mais visitada da Irlanda, não fosse uma pequena placa anunciando a Guinness Storehouse Experience.  Ao caminhar por esse beco você se depara com o famoso portão de Saint James, mostrado em diversas propagandas da Guinness através dos anos e ponto obrigatório para uma foto.

A Guinness Storehouse Experience e o Portão Saint James

Portão de entrada

Uma dica importante para a visita, especialmente se for durante o verão europeu, é comprar os ingressos antecipadamente pelo site.  Você não só economiza 10% do preço do ingresso como também evita as enormes filas que se formam na porta do prédio.

Saguão de Entrada da Guinness Storehouse Experience

Contrato Guinness

Na parte central do saguão de entrada, onde todos começam a visita (deixe a loja do lado esquerdo para o final do passeio, você ainda vai passar por aqui), está o contrato de aluguel do prédio assinado por Arthur Guinness em 1759.  Esperto, o irlandês conseguiu o prédio por apenas £45 anuais pelos próximos 9.000 anos.  Do lado direito do saguão você pode pegar um guia em áudio gratuito (é preciso deixar uma identidade como garantia) em diversos idiomas, mas infelizmente o português ainda não é um deles.

Olhando para cima dá para perceber que o formato do interior é como um copo de cerveja tradicional, e seguindo em frente você começa a conhecer um pouco mais sobre os ingredientes e como os diferentes tipos de Guinness são criados em diversos países do mundo de acordo com os mercados locais.  Vários vídeos contam um pouco mais sobre o processo de produção, com direito à amostras da cevada pura e torrada e da água das montanhas Wicklow, usada na produção.

Hora de beber

Pints da Guinness

No segundo andar, a primeira parada para provar uma cerveja.  O bar serve um tipo diferente cada dia em copos de meia pint (cerca de 250ml), e vários cartazes mostram quando cada uma começou a ser produzida e em que países elas são vendidas.

Toneis Guinness

Seguindo em frente, vários toneis para armazenamento de cerveja e réplicas dos meios de transporte usados para a distribuição, incluindo alguns navios da empresa, comerciais da empresa através dos anos e, claro, em tempos de politicamente correto, uma apresentação sobre o consumo moderado de álcool (que estranhamente estava meio vazia nas duas vezes em que estive na Guinness).

O Gravity Bar

Bela visão, não acha?

Bela visão, não acha?

No quinto andar dá para aprender como tirar a cerveja perfeita, com direito a certificado e tudo mais, e tomar mais uma pint, mas a dica é guardar a cerveja para o sétimo andar, onde fica o Gravity Bar.  Como os prédios por aqui normalmente são baixos (o prédio mais alto da República da Irlanda fica em Cork e tem só 17 andares), desse bar todo em vidro dá para ver toda a cidade de Dublin e as montanhas Wicklow.

O único problema desse bar é que nos dias de maior movimento fica impossível se mexer lá dentro.  Se for o caso, volte para o quinto andar e aproveite sua pint gratuita no Brewery Bar, normalmente mais tranquilo.  Só não peça um Irish Car Bomb no bar (mistura de Guinness, Baileys e whiskey Jameson), os locais não gostam muito do nome por razões óbvias.

Novamente a Loja

Vamos às compras?

Vamos às compras?

Na descida, já com algumas pints na cabeça, você passa novamente pela loja, onde é possível encontrar desde um chaveiro até roupas e artigos de bar, passando, claro, pelos vários tipos de cerveja da Guinness.  A maior parte do que é vendido na loja pode ser encontrado em lojas por toda a Irlanda, muitas vezes por preços mais em conta.

  • Para chegar: Com ônibus normal, a linha 123 passa pela Rua O’Connell e leva cerca de 10 minutos. Os ônibus Hop on/Hop Off verdes e vermelhos passam pela cervejaria e custam €15 por dia sem limite de viagens. A Guinness oferece estacionamento gratuito na Crane Street.
  • Ingressos: Adultos €15, Estudantes e acima de 65 anos €11, crianças €5.
  • Horários: Diariamente das 9.30 as 17h, 19 em agosto e setembro.

Você também gostará desses

Receita: Provoleta Veja a receita de um petisco muito pedido nos botecos brasileiros, a provoleta, feita com o delicioso queijo provolone misturada na farinha de trigo, ...
Conheça as cervejas artesanais da África do Sul Você conhece as cervejas artesanais da África do Sul? Veja como funciona o mercado, os ingredientes e algumas cervejarias conhecidas por lá. Confira a...
Timidez e Álcool. Uma combinação que não combina.... Um paralelo entre a timidez e as bebidas. Como você pode perder a timidez bebendo com os amigos e que ela não combina com as bebidas alcoólicas.
A hora certa de beber água Uma pequena história engraçada sobre como o nosso corpo reage com a quantidade de cerveja que bebemos e de quanto a água é importante para nos manter ...
Por que temos tantos tipos de copos de cerveja? Saiba o motivo de cada estilo de cerveja ter seu copo específico. Veja por que não é recomendado beber cervejas artesanais em copos de geleia e requei...
Dr. Beer: Detalhes sobre os termos usados Ao degustar uma cerveja você acaba falando alguns termos e sensações ainda não descobertas por leigos. O objetivo desse artigo é tirar todas as dúvida...

Compartilhe:

  • Aloha!

    É de pequenininho que já se ensina a ser bebum!

    Puts, não acredito q o povo leva criança lá!

    XD~~

    Não sabia desse lado "moderno" da Irlanda. Quem tem medo de altura poderia ir morar lá!

    ***

    Adorei o post, estou bêbada só de ler!

    Aloha!

  • Muito legal esse lance da visita na Guinness… até de uma vontade de viajar…..eheheh

    Será que aqui no Brasil existe algo mesmo que de longe…semelhante?

  • Simplesmente sensacional ver este comentario IRISH no papo de bebado. Acabei de voltar da irlanda em Dezembro, e me apaixonei pela cultura deles, principalmente pela bebedeira. Os irlandeses são demais e a GUINNESS então, nem se fala.

    Gostaria de agregar só uma coisa a este post: A MELHOR GUINNESS DO MUNDO só é tomada na irlanda. Tomei no Brasil e em outros lugares, enquanto viajava, e pude confirmar a "história" de que a GUINNESS na irlanda é diferente, única. VERDADE! E não é por causa de formula diferente nada, é por alguma mágica inexplicável!

    CHEERS LADS!

  • É Marcelo. Agora você me deixou curioso sobre isso. Terei que ir visitar meu nobre Irish Drunk na Irlanda para experimentar.

    Allan Bic, creio que nesse nível não tenha, mas creio que a da Eisenbahn seja bem interessante de se visitar, assim como outras artesanais brasileiras.

  • ehehe…Como bom bêbado, favor encher a cara na irlanda então. E beba uma guinness antes no Brasil, você vai ver como lá é o único lugar onde ela é cremosa de VERDADE….Unica!!

    Rola vários outros tipos de Irish Stout(Tipo da cerveja Guinness), outra que eu recomendo é uma bela Pint de Murphy's, mas em Galway.

    E se for pra Dublin, vá no PUB PorterHouse Brewing co. e beba uma PLAIN, outra irish stout, bem mais forte que guinness, com relação ao sabor, não ao teor alcoólico. Mas, DELICIOSAMENTE FODA. Poucos a conhecem, mesmo estando na Região do Temple Bar, onde se situam os principais PUBS de Dublin, mas é algo único.

    *Dica importante de Irish: A melhor forma de beber a MELHOR PINT DE GUINNESS possível, é ir em um PUB onde a grande maioria está bebendo GUINNESS. Pois isso garantirá oque eles chama de um ''Good Flow for your beer'', em outras palavras, ela não ficará parada no Barril, embaixo do PUB, mas sim sempre em movimento, garantindo ainda mais cremosidade(não sei se existe essa caracteristica..rs) à sua Pint. E não DEIXE de jeito nenhum que a pessoa coloque a cerveja na Pint de uma vez só, tem que colocar…dessa forma: http://www.youtube.com/watch?v=d15lJn1r0Mk

    Espero ter agregado….

    Abssssss

  • A Eisenbahn tem visitação sim…. pode ser uma boa alternativa pra gente aqui, que não tem ainda oportunidade de ir para a Irlanda…

    http://www.eisenbahn.com.br/cervejaria/visitas.ph

  • Show de bola a Guinness em Dublin, o único problema é o preço: em Dublin vc paga 6 euro numa pint, sendo que em outros países da europa vc paga 3 euro (ou 2,50 libras), e já ouvi falar que em Portugal é apenas 1 euro.

    Essa estória de que a melhor Guinness está em Dublin tem um pingo de verdade, até porque os barris saem "fresquinhos" da fábrica diretamente para os pubs. No Brasil eu não gostei, aprendi a gostar da Guinness na Irlanda.

  • Valdir, concordo…

    Fora do centro da cidade, nos bairros mais distantes, você encontra pint de guinness a EUR 3,60…EUR 4 no máx.

    O único lugar que eu conheço próximo ao centro, onde uma pint é EUR 3,60 é aki no final da Foley Street: http://migre.me/23H

    *Mais informações sobre Dublin, posso sempre ajudar…é só dar um toq!

    Abssss….

  • Aqui no sul (Cork) uma pint custa €4 na maior parte dos pubs, mas eu recomendo a Murphy's http://migre.me/2bJ, local.

  • €4 é um valor bom. Ouvi dizer que na alemanha você consegue garrafas de erdinger a €1!!(500ml)….imagina q alegria

  • ehehe…Como bom bêbado, favor encher a cara na irlanda então. E beba uma guinness antes no Brasil, você vai ver como lá é o único lugar onde ela é cremosa de VERDADE….Unica!! Rola vários outros tipos de Irish Stout(Tipo da cerveja Guinness), outra que eu recomendo é uma bela Pint de Murphy’s, mas em Galway.
    +1