Heineken chega à Fórmula 1

Olá amigos PdBs! Grandes eventos, sejam esportivos ou não, estão sempre associados a grandes marcas. É o momento de unir-se a algo consolidado, que possui um público certo e uma oportunidade para a marca que se trabalhar direito, conseguirá entrar na cabeça dos fãs do evento e sempre que eles pensarem naquilo, lembrarão daquela marca. Com esse pensamento, a Heineken chega à Fórmula 1.

Na verdade, sobre a relação Evento x Patrocínio sempre fiquei na dúvida se o evento acontece independente dos patrocínios ou não. Uma Fórmula 1, apesar de estar perdendo espaço na mídia, ver uma queda constante na sua audiência e consequentemente no numero de patrocinadores, é um evento estabelecido e além de acontecer, fará lucro com certeza.

Mas e um evento menor?

Uma festa sem patrocínio! Rola? Um festival de cinema, uma feira gastronômica… Sempre achei que eles garantiam a verba de patrocínio, para depois efetivamente colocar o projeto em prática. Agora já acho que há eventos tão certos de serem sucesso que primeiro ele são lançados e automaticamente os patrocinadores “brigam” para aparecerem ali.

Mas e a parceria?

Max Verstappen

Voltando à F1, o anúncio (não oficial ainda) acontece pouco após um piloto holandês vencer um grande prêmio pela primeira vez na história. E foi logo marcante, já que Max Verstappen se tornou o piloto mais novo a vencer uma corrida, com 18 anos apenas. 2 dias após a grande vitória no Grande Prêmio da Espanha, a F1 celebrou o aporte de 100 milhões de euros da Heineken.

Três vezes campeão mundial da categoria, Jackie Stewart parecia prever o futuro quando afirmou recentemente que:

Muito em breve, uma grande empresa de renome internacional entrará em F1 como patrocinadora global.

Sábio o cara 😉

Falando em nome da Heineken, David Pugh, explicou:

Como uma marca premium líder, estamos constantemente avaliando potenciais oportunidades de patrocínio e parceria. Isso inclui a F1, bem como muitas outras propriedades esportivas. Atualmente, temos uma excelente carteira global complementar de patrocínios e parcerias, incluindo Uefa Champions League, Copa do Mundo de Rugby e a franquia James Bond.

Finalizando

Como vocês já sabem, acho sensacionais parcerias desse tipo. Ações incríveis acontecem e o evento acaba sendo melhor divulgado e tornando-se mais simpático ao público. Nesse caso, parece que humaniza a Fórmula 1. Já pelo lado da Heineken, eles seguem apoiando os eventos mundiais, dando uma visibilidade incrível a marca da garrafa verde.

Aquele abraço!

Fonte: The Guardian

Você também gostará desses

Biritis, a cerveja do Mussum Sandro Gomes, filho do ilustre Mussum faz uma homenagem pro pai e cria a Biritis, a cerveja do Mussum. Uma Viena Lager com 4.8% e que promete ser um s...
Campanha Camisinha AA Veja uma campanha inteligente dos Alcoólicos anônimos, onde numa camisinha AA tem um dispositivo que quando a cerveja é posta no copo, toca um som de ...
Ronda Rousey e Budweiser: Obstinados por sonhos Confira a parceria entre Ronda Rousey e Budweiser, dois obstinados por sonhos. A Budweiser patrocina a lutadora de UFC, a atleta foi eleita a melhor l...
Aprontando novamente, Heineken colocou torcedor nu... A marca Heineken colocou torcedor num dilema incrível, brincando com ele e seus amigos em jogo da Champions League.
Skol lança latas nas cores das medalhas olímpicas... O Marketing trabalha forte novamente e a Skol lança latas nas cores das medalhas olímpicas. Três versões: ouro, prata e bronze. Confira agora!
Praias de Florianópolis patrocinadas pela Kirin A Brasil Kirin fechou novamente uma parceria com a prefeitura de Florianópolis e venderá suas cervejas com os quiosques e ambulantes. O que você acha ...