isoporzinho

Isoporzinho na cerveja dos outros é refresco

“A febre do Isoporzinho chegou ao PdB. O que você acha? Isoporzinho é certo ou errado? O que o movimento anda causando nos bares do país? Descubra agora!”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (5 votes, average: 7.60 out of 10)
Loading...

Não é de hoje que a cidade maravilhosa vem vivendo dias de tormenta. É ônibus que vai aumentar, é inflação  exorbitante em todos os cantos. É ~bolha~ imobiliária. É imagina na Copa… E eu só queria imaginar isso tudo no copo! Enfim, motivo pra gente beber é o que não falta. O que fode a mariola, é que até o nosso chopp está ficando caro demais!

Isoporzinho é certo ou errado?

Veja bem meu caro e erudito leitor. Eu não vou defender nenhum dos dois lados dessa bodega, pois vejo pontos positivos e negativos dos dois lados. O que posso dizer, é que simpatizo com o movimento. Olha só: o dono do estabelecimento, tem que pagar uma caralhada de imposto, conta de luz, funcionário e mais um monte de outras coisas que eu iria ficar com calo nos dedos digitando aqui… Da mesma forma, o povo não tem nada com isso. Quem abre um negócio, abre porque quer, e porque acha viável, não é mesmo!? O fato, é que dá para se ter uma ideia do que é justo e o que é ~facada~

Isoporzinho para baixar os preços abusivos

Achei a pegada do movimento legal! Gostei mesmo! Eles em conjunto com o pessoal do Rio $urreal, conseguem de certa forma mudar o panorama atual.

E seguindo essa linha de valorizar quem pratica preços justos, a Veja Rio lançou uma lista com o valor dos 25 chopes mais baratos no Rio.

isoporzinho Fonte: Veja Rio

Finalizando

O que anda fazendo os movimentos de fato funcionarem, é que as páginas em questão cresceram muito, e nenhum estabelecimento quer figurar lá.

É um puta impacto negativo, que para “tirar do currículo” dá um trabalhão…

O que eu sugeriria, é que vocês nos ajudassem a produzir um conteúdo colaborativo: os maiores e menores valores da região onde você mora.

E aí, topa?

Mete a boca no trombone (ui) nos comentários!

Você também gostará desses

Review App: The Beer Recommender Terça-feira, fim de noite, 25º, e você não tem a menor idéia do que comer e beber... Essa situação as vezes é corriqueira né!? Mas relaxa, seus proble...
A arte de beber em pé nos botecos Veja algumas teorias sobre a galera que gosta de beber em pé. Desde o cansaço, flerte, dentre outros motivos para se beber em pé nos botecos.
Vamos beber um shot? Todos conhecem e todos gostam de um shot. Veja várias formas, oportunidades de como se tomar um shot com os amigos, mulheres, locais, dentre outros. C...
Vivendo melhor através do álcool Muitos condenam uma vida de alguém que beba álcool, uma vida ativa e com muita cervejas, bebidas alcoólicas em geral. É possível viver melhor através ...
5 bares desconhecidos do Rio de Janeiro que você p... Veja uma lista com 5 bares desconhecidos do Rio de Janeiro, desde o boteco mais pé-sujo até o especializado em cerveja artesanal. CONFIRA AGORA!
Fomos a Vegas, a cidade do pecado Era um sonho antigo e distante, mas com os acasos da vida, conseguimos ir juntos a Las Vegas, a cidade do pecado, curtir festas, jogos, cassinos, etc.

Tags:

Compartilhe:

  • Beatriz Rego

    Cara, eu topo, fiz uma lista para uso pessoal e passo pra vocês depois.
    Para começar:
    Heineken de 600ml gelada, no Zona Sul da São Salvador a R$ 6,00
    Original de 600ml no Quiosque Bacardi na Praia de Copacabana, perto da Bolívar, está a R$ 8,00

    Litrão de Skol (não curto, mas) por R$ 6,00 no Quiosque da Skol na Praia de Copacabana entre a Constante e a Santa Clara.

    • Muito bom Beatriz!

      Vai ser irado desenhar um mapão, se todo mundo começar a ajudar!

  • Rafaela

    Aí guris, aqui no Leblon onde os preços já são abusivos por natureza, ainda me choco ao ver uma latinha de Heineken custando R$ 5,00 no Zona Sul (quente ou gelada). No Belmonte da Dias Ferreira o chopp pode custar até R$ 9,00, se tu tomar ele na rua. Para quem consome bem, um happy hour com os amigos por lá chega aos cem reais fácil, fácil.
    Em contrapartida, no Bar do Bacana, aqui na Cupertino Durão, podemos encontrar cerveja a R$ 6,00 a garrafa.
    No Palaphita Gávea, uma long neck sai a R$ 12,00. Mas se caminharmos alguns metros, conseguimos tomar uma garrafa de Original a R$ 7,00, no BG Bar.

    • É esse o problema, tem muita diferença entre o caro do bairro e o abusivo!

  • Cecilia Soares

    Na Tijuca, no Bar du Bom, o chopp Brahma custa R$1,99 toda segunda-feira a noite toda e terças e quartas até 20h!