Janeiro de “bico seco”. Você está fazendo isso?

“Bico seco” é um nome muito estúpido para uma tradição não muito inteligente : abstenção de álcool. Como o mês de dezembro é rico em festas (natal, ano novo, confraternização da empresa, de amigos, de colegas da faculdade, do segundo grau, da pelada, de vizinhos, etc) é no mês de janeiro que esta prática é mais comumente adotada.

Bico seco em janeiro é detox

Ficar de “bico seco” em janeiro é tão antigo quanto a própria bebida. Porém, nos últimos anos, ficar sem beber em janeiro ganhou um adjetivo mais hype: detox.

Ao longo dos anos o detox tem atraído cada vez mais adeptos. Sim. Tá dificil arrumar parceiros para ir a um bar em janeiro. Tá todo mundo bebendo suco verde e indo pra academia. Nos EUA a prática é tão comum que ganhou um nome tão bacana quanto o nosso detox: drynuary. Perceberam a relação? Isso mesmo: janeiro de “bico seco”.

Esse fenômeno me fez parar para pensar: tá certo parar de beber em janeiro?

Não beber em janeiro é uma estupidez!

Carro com um aviso "parei de beber"

Tá fazendo isso errado…

Créditos: xuxu kato

Eu bebo o ano todo, e vou na academia o ano todo também. Por isso, é muito dificil eu entender esse movimento. Não beber em janeiro é algo totalmente sem sentido. Pense bem: janeiro é aquele mês meio deprê, onde você percebe que todas aquelas resoluções de ano novo provavelmente não serão concretizadas.

Você se dá conta que o primeiro dia do ano é um dia como outro qualquer: não tem mágica. Percebe que a sua vida continuará a mesma a não ser que se esforce para mudar.

Profundo, né?

Vai pensar em tudo isso de “cara dura”? Acredite: em janeiro você irá precisar dos efeitos calmantes do álcool. Além disso, o mês de janeiro no hemisfério sul é quente, com dias lindos de sol forte e céu azul. Nada melhor nesses dias do que se refrescar com uma boa cerveja gelada.

Estudos comprovam que o consumo de bebidas aumenta absurdamente em fevereiro, ou seja, você não bebe nada em janeiro e compensa tudo no mês seguinte. É o mês da vingança!!!

Que legal…

O seu corpo já não está mais tão habituado ao álcool, e o resultado será a maior ressaca do ano no primeiro por que você tomar. E não culpe a bebida por isso. A culpa é toda sua por querer o bico seco!

Outro risco que você corre é o de substituir a bebida por algum outro item que não te fará muito bem. Geralmente é comida. Sim. Você comerá compulsivamente por estar de bico seco! E o pior de tudo: nem vai se dar conta.

Você não está emagrecendo e a academia é ruim? Claro que não. Mais uma vez a culpa é toda sua. Pare de comer de forma abusiva. Você já fez isso em janeiro. Volte para a sua rotina.

Tenha um relacionamento saudável com a bebida

Bloco Parei de Beber, nada de bico seco

Créditos: wallace serpa

Se você precisa abster-se de beber durante um grande período do ano, então provavelmente tem um problema com a bebida. Sim, algumas pessoas que possuem problemas físicos ou psicológicos com o álcool podem até se beneficiar de períodos de abstinência. Mas se você é um bebedor comum, o que você sai ganhando? Eu te respondo: nada!

Períodos de total abstenção, na minha opinião, só devem ser adotados caso você queira realmente parar de beber. Tem que ser algo definitivo. Caso contrário, não se prive deste prazer.

A bebida, como tudo na vida, tem que te fazer bem.

Conclusão

Jimmy Breslin, famoso jornalista americano e ganhandor do Pulitzer, disse o seguinte:

Em um mundo onde existe uma lei contra as pessoas que demostram suas emoções, ou libertam suas vidas dos dias cinzentos, uma bebida não é uma ferramenta social. É uma coisa que você precisa para viver.

Beber geralmente está associado a diversão. Além de ter que lidar com todas as ansiedades e frustrações que janeiro traz, você terá que pagar o material escolar dos seus filhos, as prestações das compras de natal, a parcela do pacote de férias, o IPVA… Cadê a diversão?

Enfrente o modismo. Seja fiel ao que você é. Pare de pensar em bico seco e “preto no branco” ou você terá um janeiro cinzento, e dias cinzas não são legais.

Beba! E se for beber, me chame. Tá dificil arrumar cia!

Você também gostará desses

5 cervejas puro malte que você deveria provar Semana passada falamos de quais cervejas você poderia deixar de beber. Essa semana pra compensar temos 5 cervejas puro malte que você deveria experime...
História das tampinhas e dos abridores de garrafas... Confira como surgiram as tampinhas de garrafa e como surgiu os abridores de garrafa de cerveja. Os dois foram invenções irlandês William Painter no an...
5 bares desconhecidos do Rio de Janeiro que você p... Veja uma lista com 5 bares desconhecidos do Rio de Janeiro, desde o boteco mais pé-sujo até o especializado em cerveja artesanal. CONFIRA AGORA!
Vivendo melhor através do álcool Muitos condenam uma vida de alguém que beba álcool, uma vida ativa e com muita cervejas, bebidas alcoólicas em geral. É possível viver melhor através ...
Hambúrguer com Cheddar de Jack Daniels Hambúrguer com cheddar de Jack Daniels, será isso mesmo possível? Sim, é possível e muito interessante. Confira o review do Papo de Bar sobre o sandui...
Isoporzinho na cerveja dos outros é refresco A febre do Isoporzinho chegou ao PdB. O que você acha? Isoporzinho é certo ou errado? O que o movimento anda causando nos bares do país? Descubra agor...