Novas (talvez não tão novas) sobre mulheres…

Que a mulher ganha cada vez mais espaço no mercado de trabalho vocês já sabem. Mas o que muitos de vocês não sabem é que enquanto os maridos saíam, a mulherada lá da antiguidade que ficava em casa era muito mais inteligente. Não, elas não tinham amantes. Elas faziam cerveja!

Mulheres inteligentes criadoras de cervejas

Mulher com taças de cerveja

Manda mais!

Créditos: Gianluca Bove

Segundo a historiadora Jane Peyton foi a mulher que criou a cerva! É que fazer cerveja naquela época era para os europeus umas das tarefas regulares de uma mocinha dona de casa, assim como limpar a casa e cuidar dos filhos. Alguns homens até exaltavam essa tarefa e consideravam que apenas belas mulheres deveriam fabricar a “breja de cada dia”.

Nossa influência no mundo cervejeiro é tão grande que até a deusa suméria da cerveja é fêmea. A verdade é que desde muito tempo a figura feminina foi usada em propagandas, especialmente de cerveja.

No início, a mulher aparecia bem comportada e chique. Como nessas duas abaixo:

Posters de cerveja com mulheres

Sem feminismo nenhum, gente! Mas um tempo depois, o homem tratou de ser mal agradecido e colocou a fabricante de cerveja como objeto de consumo, ou seja, criou a mulher objeto (e devassa) nos comerciais. Porém, macharada, que atire a primeira pedra quem nunca curtiu um comercial desses por aí…

Mudanças estão por vir…

Já deve ser uma tendência de mercado… Uma galera já percebeu que as mulheres aparecem cada vez menos “gostosas” e mais engraçadas nos comerciais. Ou seriam vingativas? Um exemplo é o comercial da Brahma aí embaixo:

http://www.youtube.com/watch?v=Za6uxwjcr4Q

Mulheres ganhando espaço no mundo cervejeiro

Outro exemplo de que a guerra dos sexos não tá com nada é que as mulheres conquistaram novamente o mundo cervejeiro. Embora os homens sejam maioria na profissão de beer sommelier, o número delas por aí cresce a cada dia. Segundo Kathia Zanatta, sommelier brasileira formada na Alemanha, as mulheres que optam por trabalhar com cerveja costumam levar algumas vantagens.

Kathia Zanatta

Créditos: Alfredo Luís Barcelos Ferreira

As mulheres desde pequenas acabam desenvolvendo mais o olfato e geralmente se dão bem como degustadoras de alimentos e bebidas. Mas, de modo geral, homens e mulheres tem o que chamamos de “memória sensorial” que surge de acordo com nossa frequência de exposição aos aromas e sabores. Por este motivo, há muitos sommeliers (homens) com sucesso na profissão. Mesmo que história da cerveja seja confundida com a história delas.

Veja uma entrevista com a Kathia Zanatta.

Você também gostará desses

Bar é multado por dar cerveja em troca de topless Bar lança uma campanha inusitada, de dar cerveja de graça para as mulheres que fizessem topless. Mas claro que teve gente reclamando. Se isso vira mod...
Dia do Químico 18 de Junho é o dia do químico, então nada melhor do que juntar as duas coisas que me movem todo dia: química e álcool. Confira agora!
O Rock in Rio 2017 chegou: Saiba tudo sobre o prim... Dia 15 de setembro começa o Rock in Rio 2017. A maior versão do evento ocorrerá no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro. Confira os detalhes do primeiro...
Como assim uma cerveja que não esquenta? Você já imaginou uma cerveja que não esquenta? Pare de imaginar e vamos para a praia, chegou a japonesa Kirin Frozen, a cerveja que não esquenta!
Lugares para beber! Um TCC sobre Copos de Cerveja ... A continuação da produção do TCC cervejeiro conta história de lugares onde se bebia antigamente. As antigas tavernas, alehouses, pubs, dentre outros. ...
Nutricionista diz como beber cerveja sem engordar A grande pergunta de um milhão de dólares: Como beber cerveja sem engordar? A cerveja não engorda muito, o problema é o excesso.