O bêbado feliz!

Amigos de copo. Estava aqui pensado porque as pessoas bebem. Por que será? Hoje em dia tem muito do politicamente correto. E isso é chato pra caramba! Um exemplo é que eu queria escrever um palavrão no lugar de caramba, mas simplesmente não posso ou não devo, enfim, é considerado errado pela maioria, mas eu sou um bêbado feliz e vou ao assunto.

Mas voltando as bebedeiras de um bêbado feliz

Gente, beber é bom demais! A pessoa se solta, fala e faz o que tem vontade, dança e canta como quer, interage com outras pessoas, muitas vezes até desconhecidos. Entendo que todos deveriam fazer isso tudo sem beber, mas muitos simplesmente não conseguem e os que conseguem fazem mais e melhor quando bebem e se transformam num bêbado feliz.

Passar do ponto do bêbado feliz

Claro que às vezes passamos do ponto. Mas isso é só com bebidas? E quando somos chatos demais com algo simples? E quando deixamos nossa casa ou um simples quarto bagunçados até a alma? Ou quando comemos até quase passar mal? Todos exageramos em algum momento, com alguma situação. Então sem blablablá em relação aos bêbados e nos deixem ser felizes!

Responsabilidade acima de tudo

Operação Lei seca

Operação Lei Seca, nós apoiamos

Ok! Temos que ser responsáveis, ainda mais quando sua cachaçada envolve outras pessoas. Perder a noção não é argumento pra depredar um estabelecimento ou um simples orelhão na rua. Bêbados não podem ofender ou brigar com outras pessoas, mesmo que naquele momento o motivo pareça ser a maior ofensa do mundo. Resolva depois, sóbrio. Nunca dirija! Coisas simples, que todos sabemos, mas que acontecem e não era para acontecer.

Quando bebemos não podemos querer problemas. Só alegria! Porque no Carnaval ou em boates e festas o consumo de cerveja é extremamente alto? Porque as pessoas ali estão comemorando! Estão felizes e querem confraternizar!

Finalizando

Então chego à conclusão que a receita é simples:

  • Chatos: Sejam legais e se possível BEBAM!
  • Bêbados: Não sejam chatos, aproveitem a onda que o álcool te dá e (a palavra da moda) CURTAM ao máximo!!!

E que no fim, bebendo ou não, sejamos todos felizes!

Beijo no fígado 😉

Você também gostará desses

Cachaças, aviões e o preconceito Um papo sobre preconceito, viagens de avião e a cachaça. Um belo paralelo e a infelicidade do preconceito com a cachaça, que hoje em dia é subjulgada....
The point of no return The point of no return, ou o ponto sem volta, nada mais é do que onde algumas várias doses de tequila pode te levar a fazer ou onde não ir. Confira!...
A saga de Jeremy envolvendo abuso de poder e batid... Mais uma saga de nosso Jeremy rumo a uma das mais famosas batidas do Rio, a do Oswaldo. Passagem na delegacia, abuso de autoridade e muito mais.
Is bin derzafan pra dedéu Como um bom anfitrião, saiba como promover o porre inesquecível do seu ilustre convidado! Divirta-se com essa história baseada em fatos reais!
Chapeuzinho Vermelho e suas garrafas de whisky Era uma vez uma linda menina, no auge de seus 19 aninhos, chamada Chapeuzinho Vermelho etílica.
Ô lá em casa Os problemas de se ter um relacionamento com uma mulher que não bebe. Você não pode ir num boteco, tem que dormir no sofá, entre outras patadas. Confi...