Latas de cerveja

Por que bebemos cerveja?

“Você já parou pra se perguntar por que bebemos cerveja? Nós do Papo de Bar resolvemos levantar essa questão que mexe com as cervejas artesanais e tradicionais e o consumo que fazemos delas.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (9 votes, average: 9.56 out of 10)
Loading...

Fala galera! Estava aqui pensando sobre a vida, batendo papo com os amigos, bebendo uma cerveja. Opa, para! Cerveja! Por que bebemos cerveja, esse líquido dos deuses? Não há uma explicação muito lógica para esse consumo “insano” de cerveja em nosso país. Ou há?

Afinal, por que bebemos cerveja?

Quando falo em cervejas, me refiro às marcas cervejeiras consideradas tradicionais e posso citar os nomes mais comuns. São elas: Brahma, Antarctica, Skol, Itaipava, Polar (que aparece apenas no Sul do Brasil) e um pouco acima, mas ainda normais vêm a Original, Bohemia, Serra Malte e hoje ainda me arrisco a citar as nobres Budweiser, Heineken e Stella Artois.

Por que essas marcas?

Porque em qualquer bar do país que entrarmos para uma “cervejinha” com os amigos, alguma ou todas essas marcas estarão presentes no cardápio e aguardando nos freezers, geladas, prontas para serem pedidas, abertas e degustadas. Mas tem que estar beeeem gelada!

Por quê?

Mulheres bebendo cerveja

Porque gostamos e muito!

Créditos: Joe Reitz

Gente, essas cervejas citadas são produzidas numa escala enorme e tem preços acessíveis, na maioria dos lugares. Por essas e por outras, os materiais utilizados na fabricação não são os melhores disponíveis no mercado. Podem reparar que as propagandas das mesmas não citam esses materiais como um bom motivo para vendê-las. Aparecem, normalmente, geladas e associando uma grande ocasião ao consumo da mesma. Bebam uma dessas “quente” para ver. Não é legal!

Mas isso é ruim?

Não! A cerveja se tornou sinônimo de comemorações, festas e brindes de sucesso! Grandes eventos, como shows e Carnavais Brasil afora, são patrocinados por essas. Entendo a galera que defende as cervejas artesanais. Aliás, gosto muito delas! Mas há quanto tempo elas estão por aqui? Há quanto tempo temos fácil acesso a esses produtos?

Então por isso afirmo que as cervejas normais estão diretamente associadas às coisas boas da vida, mesmo não sendo um primor de qualidade! Mérito dos caras!

Finalizando

Copos de cervejas artesanais

Créditos: Sean Arbuthnot

Hoje quando penso em beber bem, opto por um vinho ou uma cerveja artesanal. Já quando tenho a ideia de beber muito, basicamente beberei qualquer uma. Sei que mesmo entre as normais, cada um tem suas favoritas, mas acabo me envolvendo com a primeira loira gelada que cruzar meu caminho e sou feliz com ela durante aquela noite! Vamos viver um dia de cada vez! Cada um na sua! Bebendo o que curte ou o que pode!

E pra você, por que bebemos cerveja?

Aquele abraço! Um brinde e bom final de semana!

Você também gostará desses

Ouro Preto: A lenda matemática da cerveja Números e cálculos sobre o consumo de cerveja dentro das repúblicas de Ouro Preto no carnaval. Confira os números gigantascos e a quantidade de cervej...
Como transformar cerveja em chopp! Confira mais uma invenção dos japoneses, onde você transforma sua lata de cerveja em um chopp, instantaneamente. Confira mais essa novidade louca dos ...
Bala de cerveja A Jelly Belly, empresa que produz várias balas deliciosas, criou a bala de cerveja, com o estilo de cerveja alemã Hefeweizen. Mas a bala não leva álco...
Mulheres e Bebidas – Um estudo sobre persona... Um estudo sobre a personalidade feminina de acordo com a bebida que ela escolhe beber em um bar. Entenda como isso pode mudar a sua vida, e o placar d...
Cerveja e Marketing Digital Uma ótima campanha feita para uma cervejaria, um desafio feito pela cervejaria Spendrups à sua Agência para conseguir uma Campanha diferenciada, total...

Compartilhe: