Repense Cerveja: Isso sim é que é festival cervejeiro!

Eu sei que todo mundo só quer saber de política nestes dias, mas, além de eleição, também teve a quarta edição do Repense Cerveja, um evento da Cervejaria 2 Cabeças e convidados ótimos do Brasil inteiro, onde mais de 30 rótulos – nenhum abaixo de bom – puderam ser degustados livremente – SELF SERVICE – pelo público. É muita felicidade!

O Local

copo repense cerveja

O evento se deu na Casa de Espanha no Humaitá, Rio de Janeiro. O local não é muito fácil de chegar, nem muito bonito e nem estava sinalizado (o que me fez rodar um tanto perdida no começo), mas atendeu às necessidades do evento plenamente.

O Evento

publico repense cerveja

Mó galerão

Comprei meu ingresso no segundo lote a R$175,00. Inicialmente parece caro, mas quando você para pra pensar que dá R$60 para o Mondial de la Biére NO SECO e que no dia do evento cada dose custa em torno de R$12, aí se dá conta que R$175 tá muito bom, principalmente pela qualidade dos rótulos oferecidos. Além da 2 Cabeças, participaram a 3 Cariocas, Cervejaria Dádiva, Lagos, Odin, Koala San Brew, Three Monkeys, Overhop e outras. Só pedrada!

Os copos oferecidos eram muito lindinhos e você podia escolher entre modelos diferentes. Achei muito legal essa, digamos, gentileza com o público.

E as Cervejas do Repense Cerveja?

taças duas cabecas

Amizade, vou ter que dizer uma coisa: não tinha cerveja ruim! Tinha cerveja boa, muito boa, fantástica e sensacional! Impossível não ser feliz por lá! Porém, algumas das cervejas não vinham muito bem carbonatadas e acho que isso deu uma leve prejudicada na degustação.
Outro ponto que eu não curti é que nem todos os rótulos programados estavam plugados desde o início, então a gente teve que ficar bem esperto para tomar ciência das mudanças nas torneiras. Em compensação eu curti muito perceber que foram oferecidos outros rótulos além dos que estavam previstos na taplist do evento. Maneiro, né?

O Ranking

Com cerveja liberada a gente até se deu ao luxo de construir uma ficha de avaliação, com critérios estabelecidos, e eleger as melhores do evento. Ao total foram 34 rótulos degustados e julgados (recebendo notas de 0 a 5) de acordo com as categorias:

  • Expectativa: a expectativa que a descrição do rótulo me gerou. Pra não prejudicar as brejas surpresas (não dá pra ter expectativa de algo que você não sabe que vai acontecer) e as que eu já conhecia (eu já conheço, então já sei o que esperar), acabei abolindo este critério na contagem final.
  • Aparência: se a cerveja está bonita, condizente com o estilo, os adjuntos, etc.
  • Aroma: auto-explicativo
  • Paladar: auto-explicativo
  • Coerência: se a cerveja está condizente com o estilo (IPA com gosto de IPA) e com os adjuntos (se tem pimenta eu tenho que sentir pimenta)!

As Campeãs do Meu Coração! <3

Baseada nestes critérios, eis as cervejas que eu mais amei no evento:

Torta Alemã – 2 Cabeças + Freigeist

torta alemã

A 2 Cabeças se juntou com a alemã Freigeist e inventaram de brassar uma “versão líquida da torta alemã”. E não é que funcionou? Essa Baltic Porter com nibs de cacau foi uma das minhas preferidas e superou as expectativas, que não eram baixas.

Coffee Craving – Overhop

Confesso que esperava uma oferta maior de NE IPAs no evento, mas as poucas que estavam lá fizeram bonito. Foi o caso da Coffee Craving, uma NE IPA de respeito com o aroma delicioso do café. Amo quando adicionam café em cervejas mais claras!

Pinochio – Suricato Ales

Quando olhei que a Suricato Ales ia levar uma Sour Pumpkin Ale meu primeiro pensamento foi “essa coisa de Sour já foi londe demais”, mas graças a Deus eu quebrei a cara! Deliciosa, condimentada, equilibradíssima! Poderia beber litros!

Nuclear Fusion – Koala San Brew

Se uma NE IPA é bom, imagina uma Double NE IPA! Essa não deixou por menos! Gostosa, cheirosa, tudo o que uma boa NE IPA deve ser!

Fênix #8 – 2 Cabeças

A Fênix é uma ideia interessante: uma Imperial IPA que, a depender do número, é feita com lúpulos diferentes. Ideia simples, boa, bem executada! Posso beber até a Fênix #945895125!

Spicy Treat – Koala San Brew

spicy treat

Eu sou suspeita, amooooo as pumpkins! E justamente por amar tanto eu provo muitas e me decepciono várias vezes. Pumpkin tem que ter abóbora, mas principalmente tem que ter tempero! Essa tinha mel, camomila e canela. O resultado? Uma Pumpkin Ale que quase me fez chorar de saudade do doce da minha avó!

Menção Honrosa – Gaspacho – Three Monkeys Beer

Pelos critérios que eu mesma estabeleci, a Gaspacho não ficou nas cabeças (por pouco!), mas eu não poderia deixar de citar aqui: uma Gose com PEPINO E TOMATE. Ainda tinha uma garrafinha de molho de pimenta do lado da torneira para acompanhar. Uma cerveja que tinha tudo pra ser esquisita mas é muito boa, resfrescante e com ótimo drinkability (coisa que nem toda Gose tem). Compraria várias garrafas dela de boa e tomaria antes de comer, me parece um ótimo abridor de apetite. E Chico Science já dizia: uma cerveja antes do almoço é muito bom, né?

Finalizando

O Repense Cerveja foi foda! Como eu queria um desses todo mês!

PONTOS POSITIVOS:

  • Variedade maravilhosa de rótulos à vontade.
  • Facilidade para conseguir uma cerveja, tudo self-service.
  • Todos os copos de vidro, lindos e você ainda poderia escolher o modelo.
  • Limpeza do salão e dos banheiros impecável.

PONTOS NEGATIVOS:

  • Não tinha nem uma musiquinha tocando.
  • Pouquíssimos lugares para sentar na área das cervejas.
  • As garrafas de água poderiam ser melhor posicionadas ou ainda, estarem em mais quantidade.
  • Só tem uma vez no ano.

Você também gostará desses

Rótulos de cervejas animados Trevor Carmick, um designer e cervejeiro resolveu inovar e criar rótulos de cervejas animados no seu tumblr. Ele pega rótulos que de cervejas que gost...
Lugares para beber! Um TCC sobre Copos de Cerveja ... A continuação da produção do TCC cervejeiro conta história de lugares onde se bebia antigamente. As antigas tavernas, alehouses, pubs, dentre outros. ...
Snake Venom: A cerveja mais forte do mundo! A galera da cervejaria escocesa Brewmeister lançou, novamente, a cerveja mais forte do mundo. Agora é a vez da Snake Venom, mais forte que a Amageddon...
Bar é multado por dar cerveja em troca de topless Bar lança uma campanha inusitada, de dar cerveja de graça para as mulheres que fizessem topless. Mas claro que teve gente reclamando. Se isso vira mod...
Como é medido o teor alcoólico da cerveja? Um artigo mostrando como é medida a graduação alcoólica, o percentual alcoólico das cervejas através dos valores de densidade original e final, entre ...
8 Cervejas que você poderia deixar de beber Você se preocupa tanto com o que você bebe, quanto o que você come? Se sim, essas são cervejas que você poderia deixar de beber.