Review Cerveja: Baden Baden 1999

“Review da bitter ale 1999 da Baden Baden. Coloração espetacular, gosto muito bom. Enfim, uma ótima cerveja dessa família.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (12 votes, average: 8.58 out of 10)
Loading...

Garrafa e copo Baden Baden 1999Créditos: rodrigot

A Baden Baden é uma das cervejas artesanais brasileira mais conhecida e premiada. E vamos representar nesse review a versão Bitter Ale 1999. Longe de ser barata como as mais consumidas no país, mas o seu preço vale cada gole.

Descrição detalhada Baden Baden 1999

Assim como toda a linha da microcervejaria Baden Baden, de Campos do Jordão, a bitter ale 1999 é uma cerveja refinada, realmente artesanal, como anunciado por seus produtores.

À primeira vista, já surpreende o degustador com uma espuma vistosa e cremosa, de ótima aparência e coloração, com grande permanência no copo. Sua coloração âmbar é pautada por uma claridade normal e densidade fina, consistência rala essa que talvez seja a sua maior ‘falta’.

Os aromas são variados, englobando notas de melado, citrus (puxando para a laranja), vinho do porto ruby e álcool. Alguns deles se destacam mais no final, quando a cerveja já apresenta temperatura mais amena.

No paladar, a primeira impressão é um misto de amargor e doçura leves, conduzidos por um copo que envolve a língua em uma textura aguada e um corpo intermediário entre leve e médio. No meio do gole, nota-se uma leve carbonatação, percebendo-se algumas notas marcantes de cevada. Seu final apresenta forte amargor, sensação metálica e perdura por um longo tempo no palato, como toda bitter ale de respeito.

Não vejo distinção climática para aprecia-la, mais uma vantagem. Para os fissurados por pilsen e/ou recém-iniciados, pode ser complexa demais.

Curiosidade

Foi com esse tipo de cerveja, bitter ale, que 4 amigos deram início em 1999 a uma das mais conhecidas cervejarias artesanais, seguidora da Lei da Pureza Alemã.

Custo-benefício

Adquirida no Sam’s Club de Curitiba por R$ 4,50 (já a encontrei por até 250% desse valor, que ainda vale a pena) , foi uma barganha, principalmente para os que querem conhecer.

Nota: 230 skols

Informações

  • Origem: Brasil
  • Estilo: Bitter Ale
  • Grad. Alc.: 5.2%

Você também gostará desses

Review cerveja: Saint Nicholas Blond Ale Depois do review de natal com a Eisenbahn, vamos pra mais uma cerveja natalina, a Saint Nicholas Blond Ale, da cervejaria nacional Bamberg. Muito boa,...
Review cerveja: Schofferhofer Hefeweizen-Mix Grape... Review de uma cerveja que mais parece fanta laranja do que uma cerveja, a alemã Schöfferhofer Hefeweizen-Mix Grapefruit. Bem fraca, doce, boa para mul...
Review Cerveja: Double Chocolate Wells & Youn... Review de uma deliciosa cerveja, a Double Chocolate Stout. Uma cerveja com toques, aromas de chocolate. Baixo teor alcoólico, doce com tons amargos.
Review cerveja: Wexford Review de uma cerveja inglesa, com um efeito 'areia' semelhante ao da Guinness. Boa formação de colarinho, belo aroma e aparência.
Beba Antes de Morrer: Brewdog Punk IPA Degustamos a deliciosa cerveja do estilo IPA que é um tapa na cara: a Brewdog Punk IPA. Com um início tímido, mas que ao entrar no organismo mostra su...
Review Cerveja: Barley Pilsen Um review de mais uma cerveja nacional, a Barley Pilsen, que é do Rio Grande do Sul. Uma American Lager de baixo custo e gosto muito bom, óitmo custo/...

Tags:

Compartilhe:

  • João

    Quando você fala:

    "Para os fissurados por pilsen e/ou recém-iniciados, pode ser complexa demais."

    Esses fissurados por pilsen você quer dizer bebedores de cervejas industriais brasileiras?

    Pois pra um fissurado por pilsens de verdade, uma 1999 é uma boa pedida.

    Abraços.

  • Arvro

    Nossa… 4,50 me atacou a lumbriga!! Aqui em Londrina, nas redes de Supermercado não sai por menos de 9,49… Tem tempo que tenho vontade de experimentá-la…

  • Guga

    Mais uma vez fiquei com água na boca! Vou procurar…..acho que sou um fissurado por pilsen, mas como tb me considero um recém iniciado, é iniciando que se inicia alguma coisa né? Complexo demais? I don't think so! Keep drinking! Abraços a todos.

  • Sou doido para experimentar essa cerveja. Assim como os amigos de cima, sou um fissurado por pílsen e iniciante.

    Tenho uma dúvida, por qual motivo não encontramos comercias deste tipo de cerveja?

    Nem na TV fechada eu vejo.

  • R$4,50?! CARALHO!!! Aqui em Juazeiro do Norte (CE) só consigo comprá-la por R$11,75!

  • Jones Comoreto

    caro Zeca, não dá pra ser fissurado por pilsen e ser iniciante, pq pilsen de verdade simplesmente não se vende comercialmente no Brasil. O autor cometeu um leve deslize quando tentou generalizar os bebedores normais de cerveja (povão (por definição, não por preconceito)) como fissurados por pilsen. O que acontece na realidade é que o brasileiro em geral não entende de cerveja. Só diferencia gelada de quente e amarga de "desce redondo". Agora sim, direto ao tópico! Comprei uma dessas para experimentar, no BIG em Floripa, pq aqui em Londrina custa mais de R$ 9,00 as Baden, o que é um absurdo!!! Comprei exatamente essa bitter ale a meros R$ 6,00. Sou iniciado no prazer cervejístico há apenas um ano. Espero que essa Baden bitter me surpreenda. Uma dica para os colegas: Erdinger, no paraguay, vem direto da alemanha e custa apenas U$$ 2,00. Eu trouxe uma dúzia de lá na minha última viagem.

    • Jones, no Brasil vende sim, apesar de ser bem mais difícil. Mas eu compro direto a Pilsner Urquel, pra mim a melhor do estilo Pilsen que já bebi.

      Não é tão fácil achar, mas já comprei várias vezes.

    • Lucas Tsunami

      Comprei duas aqui em Poços por R$29,85 e.e perfeita.. simplesmente…

  • Fred

    Aqui na minha cidade uma Baden Baden nao sai por menos de R$17,00. mas quando vou no carrefour ja encontro por R$4,50

  • Fernando Mazer

    Cara, eu acabei de comprar uma e tomar. Como eu retirei direto do freezer da padaria Cepam (sim aquela que fabrica panetone mas que tem uma padarias super badalada em São Paulo).
    Veja o meu caso: eu estou me iniciando na arte de degustação de cervejas agora. Comecei pela Erdinger Weibbier onde de principio eu percebi que era diferente das cervejas industrializadas. Bom. eu decidi experimentar a Therezópolis Gold onde pude perceber o que é uma cerveja artesanal. Hoje experimenteia Baden Baden 1999, atraído pela descrição do rótulo. Quando eu dei o primeiro gole, eu senti o amargo que você descreveu e pensei – Caramba que cerveja ruim! – mas ai pensei – Não estou tomando uma cerveja qualquer vou tentar saber mais dessa Baden. Foi quando eu entrei na internet e vi o seu site. Confesso que a descrição que você fez foi a mesma que eu tive ao tomar essa bitter ale com excessão do gosto amargo e metálico que você descreve no final (ai talvez a temperatura da cerveja ou algum outro elemento artesanal da que tomei tenha influênciado).
    Particularmente, eu gostei muito dela!
    Agora só mudando um pouco de assunto, eu quero te parabenizar pelo site. Espero que você continue com suas críticas e sugestões. Num dos posts mais antigos, você dizia que era um iniciante, ou talvez hoje um amador nessa arte de degustação e, algumas pessoas o criticaram. Particularmente achei corajosa sua iniciativa de “dar a cara a tapa” ante tantos mestres cervejeiros virtuais. É assim que se aprende, dizendo o que acha e pensa, sem medo de errar e, errando corrigindo os equivocos. Essas são as pessoas que realmente aprendem alguma coisa na vida, pois aprendem na prática e com os erros. Muitos talvez, se achando os máximos estejam essas horas tomando uma cerveja artesanal ou importada que não gosta, porque um cursinho de beer sommelier ensinou que aquela cerveja era boa! Mais uma vez parabéns e perseverança!