Review Cerveja: Wals Pilsen

Garrafa e copo da Wals PilsenCréditos: Edu Passareli

Descrição detalhada Wals Pilsen

Me arrisco a dizer que essa é a melhor Pilsen que já tomei até hoje, o que é um grande orgulho por tratar-se de um rótulo nacional. O que é estranho é que, apesar da mesma possuir muitos elementos do estilo – como concentração de malte e lúpulo – também lembra um estilo que aprecio muito, a Bitter inglesa. Pode ser que eu tenha sido tendencioso em conta disso, mas como especialistas de muito mais gabarito que eu, como o chef Edu Passarelli, também teceram elogios (até mesmo elegendo-a como a “melhor Pilsen brasileira), creio que eu não esteja exagerando tanto assim.

Ao despejá-la no copo, ainda não pude perceber todo seu potencial. Sua espuma alva apresentou aparência inicial média e cremosa, com reduzida longevidade. O corpo, de claridade normal, densidade média e um belo tom amarelo-escuro apresentou moderada formação de colarinho. O aroma, bem tradicional, apresentou a esperada presença de pão claro e moderadas lufadas de lúpulo e malte, bem como suaves toques de mel. Nada que prenunciasse a gratíssima surpresa que vinha pela frente…

O primeiro contato com a língua foi algo diferente de tudo que eu já havia provado em uma Pilsener: um amargor moderado, complexo, que foi se tornando pesado até o final do gole (relembrando, como dito acima, uma respeitável Bitter), este de média duração. No paladar, um também surpreendente corpo médio, de textura seca, forte carbonatação e final de sensação chalky (lembrando giz).

Vale ressaltar o sabor marcante de lúpulo durante toda a experiência. No entanto, pode que os bebedores das tradicionais cervejas comerciais não a achem tão palatável das primeiras vezes, ou seja, é uma cerveja de média drinkability, ao menos para quem ainda não tem um paladar diversificado o suficiente.

Custo-benefício

Garrafa de 350ml adquirida por cerca de R$ 6 no Armazém da Serra (Mercado Municipal de Curitiba-PR). Excelente negócio.

Nota: 150 Skol OU 3.4/5.0

Informações

  • Origem: Brasil
  • Estilo: Pilsen
  • Grad. Alc.: 5.0%

Você também gostará desses

Review cerveja: Wexford Review de uma cerveja inglesa, com um efeito 'areia' semelhante ao da Guinness. Boa formação de colarinho, belo aroma e aparência.
Review: Cerveja Paulaner Kristallklar O primeiro review do Papo e Bêbado começa com o lançamento da Paulaner no Brasil, a deliciosa Kristallklar.
Review cerveja: Petra Bock Review dessa bock brasileira. Faz um papel razoável no quesito das cervejas Bocks, mas seu preço não vale muito a pena, podendo se achar outras bem me...
Beba Antes de Morrer: Brewdog Punk IPA Degustamos a deliciosa cerveja do estilo IPA que é um tapa na cara: a Brewdog Punk IPA. Com um início tímido, mas que ao entrar no organismo mostra su...
Review Cerveja: A outra Mais um review de cerveja nacional, a vez é de uma cerveja lager, no estilo Standard American Lager, o nome é A Outra.
Review Cerveja: Achel 8 Blond Mais uma cerveja belga aparecendo no PdB, agora é a trappiste Achel 8. Cerveja agradável, porém pecou em alguns pontos importantes e poderia ser bem m...