Steinhaeger com cerveja faz pirar

Quem disse que alemão só entende de cerveja? Hoje vou falar sobre uma destilada um pouco forte, a Alemã Steinhaeger.

Mas que droga é essa? Com graduação alcóolica em média 38%, a bebida é destilada a partir do centeio e aromatizada com juniperus (zimbro), um fruto da região.

A nobre história do Steinhaeger

Garrafas de Steinhaeger

A história do Steinhaeger começa há aproximadamente 400 anos, nas encostas dos Alpes, em uma aldeia chamada Steinhägen, que significa aldeia de pedra. Foi nesta aldeia que uma saborosa e incolor bebida bi-destilada foi extraída das bagas de Zimbro (Wacholder). Ela ficou mundialmente conhecida como Steinhaeger, uma finíssima bebida.

A produção do Steinhaeger

Na produção, as frutas de juniperus são esmagadas junto com grãos de trigo e  depois de fermentada. Depois essa “pasta” é destilada em alambiques. De acordo com a Lei do Monopólio da Aguardente da Alemanha, que é a lei que dita as regras da produção do Steinhäger no país, a bebida não pode sofrer adição de nenhum produto químico na mistura de zimbro e trigo.

Como o Steinhaeger é embalado?

Maleta do Steinhaeger

O Steinhaeger é embalado em uma garrafa de louça, que ajuda a manter suas propriedades aromáticas por muito mais tempo, além de garantir o estilo único que a bebida recebe com garrafas estampadas.

A degustação do Steinhaeger

Drink Submarino

Na Alemanha ela é degustada de forma similar a vodka, em temperatura ambiente ou bem gelada. Pode também ser misturado ao chopp no drink submarino, um nobre conhecido etílico por aqui no Brasil. Que levou fama também por causa da música Cabroró, da banda Tianastácia que tem uma parte que fala:

Steinhaeger com cerveja faz pirar

Acredito que vocês já tenham ouvido, veja no vídeo acima qualquer coisa 😉

E lembrando que o submarino pode ser feito também com tequila e não somente e obrigatoriamente com o Steinhaeger 😉

Finalizando

Caipirinhas feitas com Steinhaeger

E falando de Brasil, o Steinhaeger pode dar numa boa caipirinha, substituindo a caipirinha, vodka, ou outro destilado que você possa usar. Além de muito sabor, traz um aroma muito particular.

Espero que curtam a bebida. Abraço e até a proxima.

Você também gostará desses

Tiquira. Bebida pra macho Já ouviu falar na Tiquira? Uma bebida típica de Maranhão pouquíssima conhecida no Brasil. É uma aguardente forte e que possui suas lendas locais bem b...
Drinks refrescantes – Parte 2: Mango Martini Mais um delicioso drink bem refrescante para tomar nesse calor infernal. É a vez do Mango Martini, bem simples e que leva manga, limão, Contreau, Vodc...
Pinga, cachaça, branquinha, marvada… Se você é chegado numa branquinha ou amarelinha, aprenda a degustar com categoria esse produto originalmente brasileiro, com classe e moderação!
Licor 43, o licor mais velho que o mundo Conheça o Licor 43, um licor muito antigo, datado aproximadamente em 209 anos a.C, na mística Cartagena, Espanha. Chamado antigamente como Liqvor Mira...
Só se aprende sobre vinhos bebendo Só se aprende a beber de uma forma: bebendo. Isso nós sabemos e com vinho é a mesma coisa. A complexidade das uvas, produções, harmonizações, degustaç...
Carnaval em Juquehy Uma dica para passar o carnaval, dessa vez é a cidade de Juquehy, vulgo Juqueí, é uma ótima e bela opção para se passar o carnaval. Diga para quem que...