Tem uma alface no meu petisco

“Você já parou pra perceber que tem diversos bares que colocam alface nos seus petiscos? Você já se perguntou por que eles fazem isso? Nós resolvemos avaliar isso e lançar alguns motivos. O que você acha?”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (4 votes, average: 7.75 out of 10)
Loading...

Estava num boteco aqui no Rio, de noite, na tranquilidade, bebendo umas cervejas e jogando conversa fora. Como bom botequeiro (não confunda!) que se preze, pedimos uma porção de carne seca com aipim, um clássico dos petiscos. Até aí tudo bem, mas quando o petisco chega eu faço uma análise meio fodasse sobre ele…

Mas por que tem uma alface nele?

Comemos o petisco e eu tinha observado a alface na tigela, mas continuei comendo. No final do petisco eu dei uma observada novamente, admirei e analisei aquela parada verde e me perguntei: por que nego coloca isso nos petiscos? Debatemos sobre isso, pois não era a primeira vez e não foi a última, claro. Desde então eu fiquei pensando nisso, do porquê nego colocar essa iguaria verde nos petiscos gordurosos dos botecos.

Design?

frango com alface

Seria algo visual? “Vou colocar uma alface pra ficar mais bonito”. Cara, não acho não, acho até meio bisonho, meio feioso e tal, mas ok, cada um na sua diante essa visão Oscar Niemeyer das alfaces, tomates e cebolas.

Limpeza?

Vamos frisar esse ponto, pois limpeza não é, e sim a falta dela. Debatemos sobre a possibilidade da economia de limpeza da tigela, pois se está com uma alface, beleza, a alface ficou cheia de gordura, portanto, o próximo petisco eles podem servir naquela mesma tigela, pois o alface ficará por cima escondendo a sujeira anterior. Apesar que no final da noite teremos um novo ser alienígena bactericida de tanto fodasse rodeado naquela tigela maldita.

Sabor?

Olha, esse ponto eu não acredito muito não, só se você comer a alface, pois não vejo diferença numa carne seca pura e “molhada” numa alface, pra mim é tudo a mesma coisa. Mas eu sou meio tosco, não tenho essa sagacidade gastronômica, sou de comer e vamo que vamo.

Cores?

Aquela teoria sagaz que quanto mais cores, melhor fica o prato, mais apetitoso, mais atraente ele fica. Caralho, se for assim então vai comer uma salada de frutas ou então pega o caderno de desenho do seu filho e come a folha. Só por isso eu tenho que ficar vendo a alface verde e o tomate vermelho combinando com o marrom do frango à passarinho.

Alguém vai comer?

Olha, bem difícil. Eu nunca vi alguém comer uma alface de um petisco. E caso isso tenha ocorrido, certamente eu estava bem bêbado e não lembro de tal fato. O que pode me colocar na lista de um comedor de alface, mas se eu não lembro, fodasse, não fiz, portanto, nunca comi alface. Espero que ninguém tenha alguma foto que comprove esse fato.

Você por acaso já comeu uma alface que estava num petisco gorduroso de um boteco? Por quê? Fico curioso em saber…

Ninguém pede salada, então fodasse…

frango a passarinho

Essa é bem provável. Eu só lembro de uma vez um camarada meu pedir uma Caesar Salad num bar, o que me deixou deveras impressionado. Mas tirando essa ocasião, não lembro de ter visto alguém pedir uma salada num bar, até porque não é um local tão apropriado para tal, mas existindo alguma possibilidade, nego deixa reservado alguma alface, como ninguém pede essa porra praticamente, lança num petisco pra gourmetizar o seu petisco modafoca.

Finalizando

Viajei completamente, mas juro pra vocês, escrevi esse maldito artigo sóbrio. Mas claro, na análise sobre a alface eu não estava sóbrio, só com a mente um pouco mais aberta para eu debater sobre o alien verde, que em alguns momentos parecia falar comigo “Fala sobre mim no PdB”. Então eu resolvi atender esse pedido.

Acho que eu tenho que diminuir a bebida…

Você também gostará desses

Cervejas com designs inspiradores Cervejaria 21st Amendment contrata o designer Joe Wilson para a criação do design das embalagens das suas cervejas. Uma mistura de bom humor com a his...
Musa do Boteco e Papo de Bar A produtora Camaleão lançou um programa em vídeo chamado Musa do Boteco, onde duas musas comem petiscos bem pesados e inimagináveis de se comer. O des...
Procura-se Vodka Samurai Procura-se o paradeiro desta vodka magnífica, com um layout muito bem elaborado e implementado, simulando um corte de espada de um Samurai.
Filho criado em boteco Vocês já viram bebê jogando sinuca? Coisa de filho criado em boteco! Assistam ao vídeo, engraçadíssimo!
Musa do Boteco: Jiló cru O petisco da vez das Musas do Boteco, Betina e Roberta, é o jiló cru. O tão temido petisco amargo, que é vendido bastante em botecos pé sujos das cida...
Beba Local: Cerveja Fresca, boa e barata!!! Já ouviu falar do conceito “beba local? É beber uma cerveja produzida na região de onde você está consumindo, ou seja, tendo ela mais fresca e mantend...

Compartilhe:

  • mara

    É para absorver a gordura..com papel ficaria gordura mais aparente e grudaria papel no petisco…e sim ja comi alface de petisco

    • Então entraria na teoria da higiene. Parabéns, pois nunca tive a sagacidade de comer aquela alface modafoca 😀

  • EU_SP

    Eu já comi a alface ( e eventualmente alguns tomates ) porque eu gosto de salada.
    E salada que vem com os restos da porção ( carnes, maionese e afins ), fica quase uma salada master temperada.
    E mais, às vezes na falta do pão para passar no prato, vai a alface mesmo.