Clã Guinness Oyster Festival

“Depois de comentar sobre o evento, o Dono do Bar foi até São Paulo para participar dele e conhecer mais dessa inusitada mistura de cerveja e ostras.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (3 votes, average: 8.33 out of 10)
Loading...

Marca do Clã Guinness Oyster Festival

Como eu já tinha comentado semana passada, nesse domingono domingo, dia 09/11, eu fui para São Paulo, convidado pela Brastemp e pela cerveja Guinness para participar do evento. Foi um evento bem modafoca e valeu a pena o dinheiro gasto para fazer esse bate-volta em Sampa. Experimentei as novas cervejas e pude ver de perto o PLA feito pela Brastemp para a Guinness.

O que rolou por lá?

Um evento, digamos, bem modafoca e chique. Comida boa, cerveja então nem se fala. Meio frescura e tudo mais, não estou muito acostumado com isso, mas é bem no estilo de ser da Guinness: frutos do mar, temperos e recheios para cada cerveja, para combinar direitinho. Foi bem legal, pensaram em tudo.

Local

Foto do Balneário das Pedras

Foi no Balneário das Pedras, em Pinheiros – São Paulo. Um local bem legal, com uma bela decoração, bem no clima que combina com a Guinness, que não tem um pouco a ver com boteco e algo do gênero.

Ok, muito fru-fru pro meu gosto e creio que muitos aqui se comparam com vikings, que bebem até a morte, com um mega arroto antes do falecimento. Mas garanto que vale a pena, caso possível, fazer algo do gênero. É bem interessante.

Pla Guinness. Um frigobar com a cara da Brastemp e Guinness

PLAs da Guinness

O evento foi para a apresentação de um novo produto da Brastemp, o PLA com o tema Guinness. Na verdade o PLA já existe tem um tempo, mas o tema Guinness não. E você pode comprar o seu também. Comentei sobre isso no post sobre o evento.

Então o evento foi basicamente para apresentar o produto?

Rapaz segurando Guinness

Basicamente sim, mas não ficou baseado somente nisso. Além da degustação das cervejas, rolou um bom bate papo, um clima muito agradável que o espaço oferece, atendimento muito bom, tirando alguns esquecimentos que me deixaram meio puto, depois de tanto pedir cervejas, ostras, copos e alguns garçons esquecendo. Mas isso étranquilo, não me fez ficar revoltado e reclamar, nem nada. No mais foi interessante.

Ostras… Hmmmm

Olha, pra te ser sincero eu não curti muito não. Mas confesso que combina com o estilo da Guinness, Kilkenny e Harp. E tiveram vários recheios, até de caviar, que eu experimentei aquele monte de caroço de mamão tamanho PP e não achei nada demais. O melhor pra mim foi um com farofa e bacon e o de tangerina.

E as cervejas?

Marca da Guinness

Das três eu preferi a Harp. No início eu pensei que fosse preferir a Kilkenny, pelo perfil dela, mas acabou que não, preferi mesmo a Harp, depois a Guinness e depois a Kilkenny. Gosto da Guinness e já tinha experimentado, logicamente. Mas as stouts não fazem muito meu estilo. Gosto é gosto, fazer o que. Sei que é um pecado não achar a Guinness a melhor 😀

Farei um review de cada uma delas, individualmente, para mostrar para vocês. Mas vale experimentar cada uma delas.

Finalizando

O evento valeu a pena a viagem que fiz do Rio até São Paulo, não só pelas cervejas e ostras, mas também por conhecer algumas pessoas legais e também o Balneário. E foi bom também ver de perto o PLA da Guinness

Valeu Brastemp

Foi legal conhecer a Rafaela, representante da Brastemp que entrou em contato comigo, falando do evento e do PLA e me convidou. Aguardo novos eventos, oportunidades e um PLA desse pra sortear aqui no Papo de Bar 😀 E também rever camaradas como o Guilherme, do Papo de Homem, que representou bem o blog e batemos um bom papo sobre os “Papos” 😀

Aquele abraço e um brinde.

Você também gostará desses

Evento: Um dia de Canarinho A Nike lança uma campanha "Movimento Canarinho" num bar na Lapa, em homenagem ao jogo do Brasil contra o Uruguai.
Cervejeira Consul Mais: Um bar na sua casa A Consul lançou um frigobar especial para cervejas, o Cervejeira Consul Mais. Cabe 75 latinhas de 350ml, mas sua temperatura só vai até 4 graus, o que...
Jack Daniel’s Saloon reabre com história par... Jack Daniel’s prepara a segunda edição do bar pop-up no berço do rock’n’roll paulistano
Terroirs do Brasil, no Museu do Amanhã O Papo de Bar foi convidado ao evento Terroirs do Brasil, no Museu do Amanhã, Rio de Janeiro. Confira como foi o evento, com bastante comida e vinhos....
Lançamento Veuve Clicquot Rich Confira o novo lançamento da Veuve Clicquot, o Veuve Clicquot Rich. Seu diferencial é ter uma dosagem mais alta de açúcar (60g de açúcar por litro)....
St Patricks Day em Belo Horizonte, agora melhor e ... E as comemorações para o St. Patricks Day continuam, veja o que vai rolar em Belo Horizonte, no bairro Savassi, bem no fervo e na parte boa da bebedei...

Tags:

Compartilhe:

  • Carlos Portuga

    Ola amigo dono do bar,vejo que no final vc se divertiu né? ainda bem eu aqui na suiça tb bebo mto a guiness e adoro,sempre adorei uma bela morena kkk.Mas sem ser chauvinista e puxar a brasa a minha sardinha,direi que a nossa(portuguesa) Sagres ou a Superbock morenas estao mto perto da qualidade da Guiness.Eu provei isso quando tinha meu restaurante em Portugal e tinha bastantes ingleses e irlandeses que o confirmaram.

    Abraço e o artigo esta mto bom.Quando for a Samp vou visitar esse Balneario,me pareçeu legal.