ELA: Coletivo cervejeiro feminino

E aí, nobres cervejeiros e cervejeiras. Vira e mexe nós postamos aqui no PdB que o público feminino está cada vez mais forte no mercado cervejeiro. O ELA, coletivo cervejeiro feminino é a prova disso.

Nós mesmos aqui do PdB abrimos muito mais espaço para as mulheres fãs de cerveja, tanto a Dona Cervejeira, Senhorita Cerevisae e a Etanólica são provas disso.

Com essa ideia surgiu o ELA

meninas do ELA

Exatamente, um grupo de amigas resolveu criar o coletivo para enaltecer e alavancar ainda mais o esforço e trabalho que as mulheres estão fazendo no mercado. E isso inclui o machismo presente nas propagandas, dentre outros.

Pra mostrar o resultado desse trabalho elas vão lançar no Booze Bar, na Lapa, às 19h, uma cerveja homônima. Será lançada nessa quinta, dia 25 de agosto.

E qual o estilo da cerveja da ELA?

Foi aí que elas ousaram ainda mais, criaram uma American Barley Wine, uma variação do estilo Barley Wine, que eu gosto bastante. É bem mais amargo, pra mostrar que as mulheres também curtem cervejas que não sejam suaves, doces.

É uma porrada líquida com 10% de graduação alcoólica e que tem maltes torrados (gosto muito) e lúpulos americanos (entendeu o American?) tanto de aroma quanto de amargor.

Verba para ajudar as mulheres

garrafa ELA

O mais maneiro é que o lucro da venda da cerveja será para ajudar entidades que ajudam mulheres vítimas de violência.

Aline Smaniotto Tiene, gerente comercial e de marketing da Cervejaria Dádiva e uma das idealizadoras do projeto, disse o seguinte:

“Essa história de peito e bunda na cerveja já deu, né? Estamos no mundo da cerveja tanto quanto eles, trabalhamos tanto quanto eles e precisamos de respeito.”

Tudo isso devido ao machismo que envolve as propagandas de cerveja, que sempre vinculam mulheres seminuas em suas propagandas.

O coletivo ELA é formado por professoras, especialistas, empresárias, dentre outros ramos, mostrando que elas metem a mão na massa com muita qualidade.

E elas mesmas que meteram a mão na massa, quer dizer, no malte. Todo o trabalho sujo, toda a parte trabalhosa foram realizadas por elas mesmas.

E parabéns para a Cervejaria Dádiva, que cedeu o espaço e os equipamentos para elas realizarem esse sonho e iniciativa.

Finalizando

No mês que vem o lançamento será em Curitiba, no dia 3 de setembro, às 15h, na Cervejaria Masmorra. Também teremos lançamento em Porto Alegre, no dia 6, às 18h, na Penz Bier.

Acho bem foda essa iniciativa e acho que deve ser levado também para o nordeste, onde as mulheres sofrem bastante com essa estereotipagem.

O que acharam?

Vimos com a galera do Saideira.

Você também gostará desses

Como fazer cerveja em casa, da cevada ao copo Quer aprender a fazer cerveja em casa? Compre o livro Da cevada ao copo, Aprenda a fazer cerveja por apenas R$37 o ebook e R$57 o livro físico.
Chocolate com cerveja: Skol lança ovo de Páscoa de... A Skol resolveu inovar e criar um ovo de páscoa feito com cerveja e chocolate trufado nessa páscoa de 2012. Com proposta de reinventar a páscoa e seus...
Bebendo sem pré-conceitos. Yes, we can! Quem vê cara não vê coração: dicas valiosas para apreciar uma cerveja pelo que ela é, não pelo que se fala dela. Sim, toda cerveja merece uma segunda ...
Mitos Cervejeiros – Parte 1 Hoje em dia existem muitos mitos cervejeiros, clássico em toda categoria, tanto de bebidas, entre outros assuntos. Confira três dos principais mitos....
Carnaval em Muriquí Crônica divertidíssima de um carnaval em Muriquí, com direito a fantasia e altas peripécias baseado em fatos reais.
Prazer, meu nome é Gelbinsky Apresentando Lud Gelbinsky, nosso colaborador que é um craque dos fermentados.