Guitarrista com lata de cerveja

Público prefere ficar bêbado e usar drogas a assistir shows

“Uma pesquisa mostra que o público que frequenta festivais de música prefere ficar bêbado e usar drogas a assistir shows. Nossa opinião sobre essa atitude de ficar completamente bêbado e drogado e não curtir a música.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (1 votes, average: 10.00 out of 10)
Loading...

Como já escrevemos aqui em outros posts, teremos muitos festivais de música na nossa terrinha em 2013. O Rock in Rio é o mais falado, e também o mais popular, mas não para por aí! Foi anunciada uma nova edição do Monsters of Rock, que já tem confirmada a participação da bandas Slipknot, Aerosmith, Korn, Whitesnake, Limp Bizkit, Ratt, Hatebreed, Queensryche, Killswitch Engage, Gojira e Buckcherry.

Muitos shows em 2013

http://globoesporte.globo.com/futebol/copa-das-confederacoes/noticia/2013/06/policia-de-pe-confirma-investigacao-sobre-furto-polemico-da-espanha.html

Créditos: Alexandre Fumeron

Também tivemos uma nova edição do Lolapalooza, que trouxe como principal atração o Pearl Jam. Além disso, faz tempo que o país entrou na rota dos shows internacionais. Kiss, Iron Maiden, Bon Jovi, U2 e Paul Macartney, dentre outros, fazem turnês regulares por aqui.

No último post sobre festivais, explicamos como beber e assistir os shows ao mesmo tempo. Um verdadeiro guia de sobrevivência!

Pesquisa revela que o público prefere ficar bêbado do que assistir o show

Recentemente uma pesquisa realizada pelo MSN me chamou atenção: a maior parte do público prefere ficar bêbado e usar drogas a assistir shows. O resultado da pesquisa é, no minimo, curioso.

O que diz, realmente, a pesquisa?

Duas mil pessoas foram questionadas sobre seus hábitos e opiniões acerca dos festivais, e o resultado revelou que a maior parte do público acaba passando o tempo usando drogas, fazendo sexo e bebendo, em vez de assistir a algum show.

Gordinho bêbado com latas de cerveja

Vambebê!

Créditos: Dragos Bardac

A pesquisa trouxe outro dado bastante curioso: esses hábitos “nada musicais” não se restringem aos jovens. Cerca de 9% das pessoas classificadas na pesquisa como de meia-idade (45-54 anos) admitiu ter usado drogas, um quinto disse que bebeu além da conta e 10% confessou ter dormido com alguém por lá. Só 45% do público foi a festivais por causa da música – menos da metade.

No total, 47% das duas mil pessoas contou ter feito algo que “nunca faria fora do contexto do festival”. A pesquisa também revelou que muitas pessoas procuram os festivais pela atmosfera que os mesmos trazem, para socializar com os amigos e também pela oportunidade de fugir do cotidiano.

Pode isso Arnaldo?

Se hoje temos uma oferta grande de shows, pagamos caro por eles. Os preços praticados no Brasil estão entre os maiores do planeta. Então, se você paga caro para ver a sua banda preferida, não me parece um comportamento muito coerente passar todo o tempo bebâdo e se drogando. O foco principal em um show ou em um festival deve ser a música, sempre!

Mas não posso ficar bêbado e me divertir?

Mulher segurando um copo de Heineken

Vamos beber socialmente e fazer amigos 😉

Créditos: Marte Ramstad

Claro que pode! Isso não significa que você não pode beber se divertir. É possíve tomar as sua geladas e socializar com os amigos curtindo os artistas que estão no palco sem ficar bêbado. O festival de Woodstock marcou uma geração e nos deixou um legado riquíssimo: música é sinônimo de liberdade. Mas confundir liberdade com liberalidade não me parece uma coisa muito sensata.

Vale a pena pagar caro para assistir um show do Kiss ou do Roger Waters e ficar o tempo todo bebâdo? Certamente não! Mas vale muito a pena beber algumas para curtir a sua banda preferida, é saber dosar as coisas.

Concluindo

Leia o nosso guia de sobrevivência em festivais, e curta essa experiência de forma plena. Levar a máxima sexo, drogas e rock and roll ao pé da letra não vai tornar seu show mais divertido. Curta a música, as pessoas e a sua cervejinha. Se você fizer tudo na dose certa, certamente terá um dia inesquecível.

No mais, beba com parcimônia, e ouça rock sem moderação!

Você também gostará desses

Uns Drinks – Velhas Virgens: MdB FM Agora é a vez da banda nacional Velhas Virgens na nossa rádio etílica, a MPB FM, Música para Bebedores. A música é a fodástica Uns Drinks, um clássico...
Rock: suas vertentes e suas cervejas Muitas bandas possuem sua própria cerveja ou sua própria bebida. Mas para todo fã que se preze, quer uma cerveja da sua banda favorita. Mas se ela não...
Eu bebo sim – Elza Soares: MdB FM Voltamos com a nossa rádio etílica, a MPB FM, Música para Bebedores. Agora com a voz marcante da nobre Elza Soares cantando o clássico, o hino dos bêb...
Abuso de drogas e álcool entre os músicos, escrito... Veja como o abuso de drogas e álcool leva a artistas, escritores e outros gênios da cultura mundial a um rumo como a morte, dependência, dentre outros...
Mmmhops: Hanson lança cerveja inspirada em música ... A boy band das antigas, o Hanson, lançou uma cerveja chamada Mmmhops em homenagem ao grande sucesso que alavanvou a banda, o grande hit MMMBop. Confir...
Banda de Rock cultua “Cheap Beers” Confira o que uma banda punk norte americana chamada Fidlar fez: criaram um videoclipe onde eles batem e ironizam todas as cervejas artesanais, dando ...

Compartilhe: