St. Patrick’s Day no Frei Tuck em Belo Horizonte

“A comemoração do St. Patrick's Day em Belo Horizonte, no Pub Frei Tuck, que na verdade fechou algumas ruas. Muita confusão, falta de cerveja, mas ainda sim deu pra comemorar.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (5 votes, average: 8.80 out of 10)
Loading...

Continuando nossa saga de comemoração do St. Patricks Day, vamos falar agora de um pub localizado em Belo Horizonte, o Frei Tuck. Ambiente bem agradável, um pouco pequeno, mas é legal pra caramba. Estão com uma quantidade pequena de cervejas artesanais, mas ainda possuem uns bons rótulos.

Pois é, não é só de pão de queijo que BH vive, por aqui somos ótimos bebedores também. Graças à isso, o dia de São Patrício é uma ótima desculpa para enchermos a cara até em minas. Um já tradicional bar cervejeiro daqui, o Frei Tuck, organizou este ano uma festa em homenagem ao santo no sábado dia 20 regado a muita cerveja e com lotação máxima.

“tudo lotado de um lado da rua”

“e do outro também”

Apesar de ter chegado bem tarde (estava marcado para começar as 12h e só cheguei por volta de 17h) a rua ainda estava bem cheia e com isso alguns probleminhas surgiram:

Cadê o banheiro?

Pois é, a organização disse que não contava que o evento enchesse tanto, a divulgação foi só no boca-a-boca e com isso faltou banheiro químico pra todo mundo. Dizem que havia alguns dentro de um estacionamento da rua, eu não tive saco para ir lá ver.

O Chopp verde acabou!

Quando cheguei já não tinha mais chopp verde à venda, minha principal desculpa para ir até lá. Também não vi comida típica alguma, só o clássico espetinho mesmo. Lá pras 18h o Chopp normal também estava acabando, pararam de vender fichas e eu preferi ir embora pra evitar a confusão da dispersão de todo mundo.

Briga, briga, briga, confusão!

Esse foi um ponto positivo, apesar de lotado, havia MUITOS policiais, em um espaço de 60m de comprimento havia pelo menos 5 viaturas, o que provavelmente inibiu qualquer tipo de briga, pois não vi nem fiquei sabendo de nenhuma.

opa, deixa eu passar eu ainda tenho ficha pra tomar mais uma

[ /caption]

Um dos últimos sortudos com ficha de cerveja na mão se destacou na foto

A festa durou bastante ainda, por volta de meia noite, quando voltei pra região e entrei em um bar, havia várias pessoas de verde e algumas com as camisas que estavam a venda na festa. Fica a sugestão para o ano que vem:

Continuem com a música típica, estava foda. Mas sirvam mais cerveja, organizem um pouco melhor essa baderna ae, porque St Patrick’s Day sem cerveja é osso!

Você também gostará desses

Feliz ano novo, com cerveja e responsabilidade Aproveitar a virada de ano com juízo e comemorações, mesmo enchendo a cara. É isso que todos do PdB querem e desejam.
Brasil Brau: Primeiro Dia – Degusta Beer O Papo de Bar participou do primeiro dia da Brasil Brau 2013 e conta nesse artigo o que rolou no Degusta Beer, o espaço de degustação de cervejas arte...
God Save The Beer Em Curitiba rolou um grande evento cervejeiro chamado God Save The Beer. Cerveja de graça pra tatuados, dentre outras novidades. Confira!
OktoberJack, a Oktoberfest no Rio de Janeiro Vem aí o evento etílico OktoberFest. Mas para quem não tem condições de ir para Blumenau, tem um acessível pra galera no Rio de Janeiro, o OktoberJack...
Carnaval 2011 no Rio de Janeiro: diversão e revolt... Um breve comentário sobre o carnaval 2011 no Rio de Janeiro, os pontos bons, diversão, fantasias, mas também as críticas por banheiros, cerveja e educ...

Compartilhe:

  • Como disse, não cheguei a ir até o banheiro, mas olhando de fora, tava foda entrar no estacionamento :/

  • eu tava ali na frente do caminhao branco… a nossa sorte foi uma mulher que começou a vender breja no isopor…

    e a respeito dos banheiros, não tive problema nenhum com isso… tinham 5 banheiros para homens (e nao sei quantos pras mulheres) dentro do estacionamento… tava jóia…

    🙂

  • Fala Pedro, é meu caro faltou mesmo bebidas…. mas esse povo de BH entorna… eu tive que andar três quarteirões para encontra uma cerveja gelada… não tinha em lugar algum próximo ao evento… ninguém suportou tantas pessoas que bebem sem ter medo de ser feliz …. e outra coisa o banheiro tava de boa…

  • William

    E eu que nem fiquei sabendo ? que triste!

    Fui para o koyote com uns amigos se soubesse que tava rolando isso ae ai ai

  • @Megale cara, 5 banheiros, pelo menos na minha opinião, é muito pouco, principalmente quando você começa 😀

    @Tiago pelo que eu vi falta um pouco mais do espírito “ambulante” em BH 🙂