Wäls Unique

“A cervejaria Wäls resolveu inovar e lançou uma White Barley Wine, a Wäls Unique.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (1 votes, average: 10.00 out of 10)
Loading...

Se tem um estilo de cerveja que eu e a Dona Cervejeira gostamos é o Barley Wine. Cevada de vinho, um nome bem sagaz, bem direto no ponto. Geralmente elas são fortes, únicas. Pensando nisso a Wäls resolveu lançar uma novidade sagaz, a Wäls Unique.

Conte mais sobre a Wäls Unique

Um nome bem apropriado, curti bastante. Mas não é simplesmente uma barley wine, é uma White Barley Wine maturada em dorna de cerejeira por meses. O interessante é que houve uma mudança considerável se compararmos com o tradicional estilo English Barley Wine, que geralmente é escuro. Ao invés dos maltes, grãos tostados, eles adicionaram maltes claro e de trigo, mudando bastante.

Garrafa e copo da Wäls Unique

A cerveja tem um alto teor de amargor, com 100 IBU’s e possui um aroma amadeirado devido às dornas de cerejeira.

No primeiro gole já é possível sentir toda a elegância da Wäls Unique. Há algum tempo queria criar uma cerveja que fosse diferente, uma releitura em cima de um estilo tradicional e consagrado como o English Barley Wine. A receita da Unique reescreve a cerveja de uma forma única, é uma pérola para dividir com os nossos consumidores.
Conta José Felipe Carneiro, da Wäls.

Além de amarga, a Wäls Unique é forte

Não é porque ela é clara que ela não terá força. Além do alto amargor ela possui 12% de teor alcoólico. Isso mesmo, 12%, no nível de muito vinho por aí, uma porrada na cara pra quem não está preparado. E achei o rótulo interessante, com uma pérola dentro de uma ostra, simbolizando bastante o valor. Eu prefiro uma pegada mais artística, como a Bohemia tem feito, principalmente com a Bohemia Oito e Um, e o trio recente de cervejas artesanais que ela lançou recentemente.

Onde eu consigo a Wäls Unique?

A Wäls Unique já está à venda em garrafas de 375ml com exclusividade no Empório da Cerveja e no Tasting Room da Wäls, em Belo Horizonte. O preço sugerido é de R$ 36,90, pelo menos é esse o preço que está lá no site do Empório da Cerveja. 😀

Nanoarte com Wäls Unique

Nanoarte com Wäls Unique

Algo diferente também no lançamento da Wäls Unique é que a cervejaria chamou o prestigiado artista plástico Enio Longo, especialista em nanoarte. Foi uma série de 21 telas por meio do ousado processo de nanoarte, que pela primeira vez transformou a bebida em telas.

Mas o que é essa tal de nanoarte?

O estilo é uma expressão artística desenvolvida a partir da mistura de arte, tecnologia e ciência, e utiliza habitualmente a prata e o ouro. Só que aí está a grande sacada, ao invés desses “ingredientes”, por que não usar os ingredientes da cerveja? Claro, claro, é extremamente possível, Dono do Bar. Tivemos pela primeira vez uma cerveja e telas feitos com os mesmos ingredientes.

Obra nanorte pintada a mão a partir das imagens microscópicas do malte usado pela Wäls.

Obra nanorte pintada a mão a partir das imagens microscópicas do malte usado pela Wäls.

Outra inovação foi o processo de criação da nanoarte. Normalmente, utiliza-se um microscópio eletrônico de varredura com posterior coloração das figuras por Photoshop. Para criar as telas de Wäls, o artista plástico criou algo original, com um trabalho minucioso de pintura a mão as telas. Ele chegou a levar 16 horas seguidas trabalhando em um único quadro.

Degustar a cerveja me ajudou muito na hora desenvolver as telas. Cada característica e a complexidade do sabor foram inspiração. Provei o líquido em várias etapas e fui anotando tudo o que parecia relevante e que pudesse contribuir para o resultado final.
Conta Enio.

Finalizando

O que acharam? Eu gosto muito do estilo, portanto, estou bem curioso com essa variação, quero logo experimentar para ver o resultado. Sou fã de cervejas com mais de 10% de teor alcoólico, acredito que esteja sensacional. É a Wäls mostrando que não está de bobeira, deixando de lado essa parada que a galera pensou que fosse virar cervejaria totalmente comercial, as cervejas piorarem, etc.

Beijo na alcatra.

Você também gostará desses

1842 – A cerveja mais antiga do mundo Historiadores descobriram no fundo do mar, em um navio, a cerveja mais antiga do mundo, a Stallhagen Historic Beer 1842. Reproduziram algumas garrafas...
Por que a lata da Brahma é branca? Por que a lata da Brahma é branca? Muitos se fizeram essa pergunta depois do comercial da cerveja. Agora eles vieram com a resposta, uma novidade, uma...
Ambev colorida! Ops… Colorado!!! Agora é sério, a Ambev comprou a Cervejaria Colorado. A gigante do mercado de bebidas aumenta seu leque de cervejarias nacionais compradas, logo após ...
Up On The Roof: Heineken lança o bar do verão em S... Heineken lança o Up On The Roof, um bar temático em São Paulo, em uma cobertura fodástica e temporária, que fica até o dia 28 de fevereiro de 2014. Co...
Heineken Cube: A garrafa de cerveja conceitual qua... O designer francês Petit Romain lançou um projeto conceitual usando a marca Heineken para uma garrafa de cerveja quadrada, sustentável. É uma garrafa ...
A Itaipava Premium de cara nova O Grupo Petrópolis resolveu deixar a Itaipava Premium de cara nova. Agora ela está bem diferenciada da Itaipava pilsen, que eram bem semelhantes. Conf...

Compartilhe: