After Party: Quando a balada acaba é que a diversão começa

“Às vezes o melhor da noite fica após a festa, o famoso after party, onde todo mundo vai pra alguma lugar, um posto, casa de amigo ou ver o pôr do sol.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (6 votes, average: 7.00 out of 10)
Loading...
468x60 - Acessorios

“Eu tenho bebida em casa. Bora pra lá!”

É assim que começa. Você está com a última garrafa de cerveja da noite em uma das mãos e um Marlboro na outra, pronto para pagar a conta, pegar um táxi e ir descansar. Sua energia já acabou, mas sempre aparece alguém querendo dar uma “recarregada” no finalzinho da noite e te levar pra algum outro lugar onde a diversão não tem fim.

Dar uma esticada, ou ir a uma after party, é como escalar até o pico do Monte Everest e em seguida virar para os seus amigos e dizer: “Maneiro. Irada a vista. Agora vamos quebrar os tobogãs e ver o quão rápido podemos descer o outro lado desse morro!

A idéia parece emocionante. Mas certamente alguns sofrerão acidentes durante a descida. Mas peraí! Você já curtiu a noite, ainda está sob efeito do álcool e não há razão para não dar aquela “esticada”. Pensando bem, descer o Everest correndo feito um louco é uma idéia excelente!

“Vamos continuar a zueira! Por que a noite já tem que terminar?”

after party

Créditos: 

Uma voz sussurra em seus ouvidos. Mas quem disse isso? O segurança? O relógio na parede? Um amigo seu?

E os seus planos para amanhã? Uma caminhada na praia. Um almoço com seus pais. Um cinema… “Se eu continuar bebendo to fodido para acordar. Sem contar a ressaca”, você pensa. “Foda-se amanhã!” a voz continua falando no seus ouvidos, mas dessa vez ela está furiosa. “O amanhã é seu inimigo se ele te rouba o agora. Bêbados reais vivem o agora”.

É exatamente este tipo de pensamento que uma after party demanda. Você já bebeu por quatro horas seguidas. Por que não beber por mais duas? Seis ou sete horas de bebericagem irão te proporcionar alegria suficiente para reabastecer o vaso da vida, que todos os dias se esvazia. Mas muitas pessoas acham que pedir a saideira é o suficiente. Se você quer continuar a dificil tarefa de passar por essa vida com um pouco de prazer e diversão, procure pelas pessoas que irão transcender a saideira. É com essas pessoas que você passará pelo vale da loucura. Essas pessoas são espirituosas, guerreiras e lutarão com você lado a lado para que essa noite sejam bem mais do que digna de ser esquecida.

Tipos de After Party

Você deve estar ciente de que frases como “Eu tenho alguma bebida na minha casa” ou ‘Bora assistir o nascer do sol” têm muitos significados diferentes.

Cervejinhas no pé sujo

Esse é o tipo de after party mais comum. Você sai da balada e para naquele boteco da esquina, onde a cerveja é gelada e barata e os petiscos são gostosos e gordurosos. Não pense que essa esticada vai render muitos momentos de diversão, mas ela irá te ajudar a ter uma ressaca mais branda, além de render boas risadas com seus amigos ao se lembrarem dos acontecimentos da noite.

O sujeito com o bar bem abastecido

Esse tipo de after party é mais perigosa que a primeira. Quando você era jovem achava que uma pessoa com uma geladeira cheia de cerveja e um bar com todo o tipo de bebida que você imaginar era o máximo. Essa era a definição do “cara foda”. Mas você cresceu e provavelmente chegou à conclusão de que uma grande oferta de álcool na casa de um bêbado é provavelmente a porta para o consumo de outros produtos além do álcool.

Só aceite este tipo de “esticada” se você está na cia de amigos. Felizmente exitem pessoas com bares bem abastecidos que não te levarão para um caminho sem volta.

O posto de gasolina 24 horas

Esta é talvez o segundo mais comum das after party. Se você tiver sorte, ainda encontrará um posto com uma loja de conveniência que tem umas cervejinhas especiais e um microondas para te preparar um Cup Noodles delicioso.

Tá, não é bem uma after party, mas esse posto maravilhoso pode ser o ponto de parada que faltava para você comprar as bebidas que estavam faltando para você continuar sua esticada.

O nascer do sol

After Party: cerveja no pôr do sol

Créditos: 

Ok. Toda cidade possui um lugar onde a vista do por do sol é irada. Não importa se sua cidade está no litoral ou na serra. Passe no posto de gasolina, compre uma ou duas garrafas de bebida e vá com os seus amigos curtir mais algumas horas de diversão e uma vista maravilhosa.

A balada tipo Zombie Walk

Principalmente em cidades grandes, como Rio e São Paulo, você irá encontrar aquelas baladas que só abrem depois que as outras baladas e bares fecham. E elas são extremamente divertidas. Mas não espere encontrar muitas pessoas bonitas e cheias de energia. Algumas se parecerão com zumbis de algum filme de terror. Se você tem energia o suficiente para encarar, vá em frente!

zombie walk

Créditos: 

Conversando depois de horas

Há partes de nossas mentes que servem como prisões para certas idéias. São teorias da conspiração embaraçosas, preconceitos mesquinhos, crenças excêntricas e ressentimentos que quando sóbrios guardamos a sete chaves. Ocasionalmente, depois de bebermos, essas idéias aparecem. Se você acabou a noitada e está curtindo uma after party, o perigo é ainda maior.

Você começa a dizer coisas que você não sonharia dizer sóbrio. Então, se você vai curtir uma esticada, treine seu cérebro. Evite assuntos delicados e tente focar nos acontecimentos da noite. É um fato que você pode obter um vislumbre das almas interiores dos seus amigos quando está bêbado no bar, mas é em uma after party que você verá suas almas expostas em detalhes.

A melhor coisa sobre isso é que, provavelmente, tudo o que você disser será esquecido. Mas tenha cuidado: algumas pessoas são imunes a blackouts e amnésia alcoólica.

A festa acabou

Uma festa normal começa devagar, chega ao seu ápice, mantém algumas horas de diversão e de repente acaba. Uma after party funciona de forma inversa: começa no topo e logo em seguida começa um declínio lento e gradual em direção ao esquecimento. É um jogo de resistência.

A maioria das pessoas chegará em casa em segurança, mas muitos estarão deitados em sofás de baladas abraçados a garrafas de bebidas ou estarão se arrastando pelas calçadas feitos mortos-vivos em busca de uma condução que os leve para o conforto de seus lares. Parece arriscado, e é.

Mas, a noite foi foda, não foi? Você desceu o Everest correndo e viveu para contar como foi. Você viajou muito além das fronteiras do mapa e, talvez, terá algumas histórias bem fodas para contar por causa dessa after party.

Você também gostará desses

Esquenta, um jogo de bêbado Mais um joguinho divertido de bêbado, pra variar. Você é representado por um copo de uma bebida, preferencialmente tequila. Veja mais detalhes!
Cerveja em pó. Pó bota o pó aê Mais uma novidade, digamos estranha, no mundo da cerveja. Lançaram uma cerveja em pó no saquinho. Boa para mobilidade, mas não contém álcool. Bola For...
Viva a República! Uma breve e divertida história sobre as nossas repúblicas, com seus estudantes, eventos, cervejas, muitos jovens e muitas histórias pra contar, princi...
Bêbado feito um Macaco Confira o Alcoólatra Assumido fazendo uma simpática comparação do seu estado de embriaguez com as remotas origens da humanidade.
Nada como um bom motivo para beber Indicações do que leva um bêbado ao copo e mais algumas observações sem sentido por uma bebedora também sem sentido.
Carnaval: A arte de permanecer de pé Quer saber exatamente o que fazer (e o que não fazer) para curtir esse carnaval sem ressaca e com muita disposição? Então não deixe de ler as dicas do...

Tags:

Compartilhe: