Copos Curingas para cervejas

No último post por aqui, expliquei a importância de haver um corpo certo para cada estilo de cerveja e como isso pode influenciar em toda a sua experiência com essa apreciada bebida. Pois bem, cá estou eu novamente para ajudar os amigos numa missão mais que sinistra: Copos Curingas para cervejas.

Copos Curingas para cervejas?

Vários copos de cerveja

Sim, copo curinga. O ideal, caros leitores, é que tenhamos em nosso bar copos que comportem cada cerveja e seu respectivo estilo. Mas, como já disse no outro post, não é porque não temos esse copo que deixaremos de beber a cerveja. Se você quiser que sua experiência seja pelo menos o mais próximo do que seria com um copo adequado, faz-se necessário que você adquira pelo menos três modelos de copo para as principais cervejas que costuma degustar.

Supondo que você aprecie três estilos distintos de cerveja e por isso os consuma em maior quantidade, sendo estes: ALE, WEISS/WIT e BELGIAN STRONG ALE. Como proceder?

Copos Curingas para cervejas do estilo Weiss

Copos de cerveja do estilo Weizenglaeser

O copo weizen apresenta a cerveja ao seu paladar, e eu acho que seria nada a ver você usar um copo de requeijão pra isso. Para com isso! O copo específico para uma cerveja estilo Weissbier, é um copo de base estreita, um pouco mais comprida, com a parte superior de circunferência mais ampla que a base e com o orifício (ui) um pouco mais fechado.

Por que isso?

Ele é um copo maior, porque vai comportar toda ou quase toda a sua garrafinha de cerveja (se você souber servi-la da forma correta, papo pra outro post). Ela vai se manter ali, linda, com seu generoso colarinho (creme) e corpo, sendo refrescante e bem amada por você. Para as cervejas estilo WitBier, um copo similar em escala menor, como o da querida Blanche de Bruxelles, também pode ser adquirido.

No caso da cerveja Hoegarden (outra máxima no que tange às cervejas Wit), o copo é diferentão, mais uma coisa voltada para o marketing e tal, mas permite que a sua experiência seja plena.

Copos Curingas para cervejas do estilo Ale, Pale Ale, Ipa e etc

Pint de cerveja

Pint, Half Pint e Caldereta. Esses são os nomes que vocês devem buscar nas lojas de louças, senhores. Copo tradicional da escola britânica cervejeira, o Pint pode ser carinhosamente chamado de Becker também. Fácil de encontrar, e se adapta a vários outros estilos e subestilos de cervejas. Comporta de 300ml (half/caldereta) a 500 ml ou aproximado a isso (475ml na medida inglesa). Fará com que você aprecie sua cerveja da seguinte forma: cor, turbidez ou ausência dela, corpo, creme e aaaaaaaaaaaah sabor!

Copos Curingas para cervejas do estilo Belgian Strong Ale

Copo do estilo Tulipa

Créditos: alyson

Copinho tulip! Esse gordinho, rechonchudo e cadeirudo recipiente! Morro de amores por ele… Tem o bumbum redondinho, bojudinho mesmo, base de taça e um ligeiro afunilamento próximo à boca do copo. Permite sua Belgian Strong Ale ficar mais atraente que tudo! Sua experiência vai consistir na divisão de creme, corpo, captação de aromas, agitar a cervejas em movimentos circulares entre um gole e outro e viajar na cerveja.

Ideal para Strong Ales, Barley Wines, Bocks, Eisbock e Stouts. Particularmente, acho que uma Imperial Stout servida no tulip fica irresistível! 😉

Agora aproveite a loira em copos Curingas para cervejas

As dicas foram dadas, e agora espero que um copo de requeijão se dirija à sua boca apenas para beber água na casa daquele amigo que começou a morar sozinho tem 15 dias ou se você for daqueles que não consegue beber café em caneca. Fora isso, cada cerveja no seu copinho, hein?

Nota: Logicamente, existem outros estilos tão apreciados como estes mencionados por aqui, mas quis me ater aos estilos e copos que fazem parte do nosso primeiro contato, das primeiras experiências em cervejas especiais, para quem está começando a montar seu bar, sua coleção de copos e etc. Cerveja é coisa séria sim, e o tom de brincadeira no post foi apenas por carinho à bebida. Respeitem suas cervejas, respeitem suas experiências, respeitem toda a cadeia de processos que traz excelentes exemplares da bebida à sua mesa, seja em casa ou no bar com os amigos. Existe muita coisa envolvida para que a sua experiência seja perfeita. Permita que seja! 😉

Você também gostará desses

Cerveja Kriek Boon: Um sabor feminino numa bebida ... Você acha que cerveja não é pra mulher assim como futebol não é? Então confira a Kriek Bonn, cerveja doce, bem nos moldes das mulheres.
Prazer, meu nome é Gelbinsky Apresentando Lud Gelbinsky, nosso colaborador que é um craque dos fermentados.
Cerveja da Grécia: Mythos Uma passagem pelo Leste Europeu e nosso forasteiro traz a principal cerveja da Grécia, a Mythos. Uma cerveja de apelo jovem, com um sabor suave e com ...
Mitos Cervejeiros – Parte 1 Hoje em dia existem muitos mitos cervejeiros, clássico em toda categoria, tanto de bebidas, entre outros assuntos. Confira três dos principais mitos....
Guia prático de como aproveitar a Oktober Oktoberfest é um evento sensacional. Muita cerveja, gente louca, aproveitando ao máximo. Mas é sempre bom manter a postura, um bom senso. Aqui vai uma...
Mil maneiras de abrir uma garrafa Uma garrafa de cerveja gelada e fechada e nenhum abridor por perto? Sem desespero! Nós temos a solução. Confira!