brindes amigos

A bebida aproxima

“Você acredita que a bebida aproxima as pessoas? Você acha que isso é possível? Tanto diretamente quanto indiretamente, sim, isso é possível. Confira!”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (1 votes, average: 10.00 out of 10)
Loading...

Hola, nobres comparsas etílicos. Falo “hola” porque escrevi esse texto no Chile, durante meu mochilão pela América do Sul, indo de Santiago para Calama. Mas não vim falar sobre vinho ou neve, vim dissertar sobre como a bebida aproxima.

“A bebida aproxima as pessoas” parece meio óbvio

Sim, minhas(meus) nobres, de um certo ponto, sim. Mas se pensarmos de forma rígida, vamos imaginar que a bebida separa quando bebemos sozinho, o que não é verdade.

brinde com a cerveja adriática

Falei um pouco sobre isso no artigo sobre baldes de gelo, mas é sempre bom reforçar que a bebida te seduz a encontrar com ela, seja sozinho em casa ou seja no boteco pé sujo com os amigos. Ou também sozinho no bar ou reunindo os amigos dentro de casa.

Outras formas da bebida atrair

Você pode andar com uma camisa engraçada relacionada à bebida, alguém vai rir. Seja te abordando ou seja o cara rindo sozinho. Talvez até com a amiga(o) do lado ou a(o) própria(o) namorada(o), a bebida faz pessoas interagirem indiretamente.

A bebida aproxima, até de uma forma tensa

Nem sempre conseguimos segurar a onda. Tem vezes que exageramos, nessa hora sempre (ou quase) temos amigos por perto.

Os taxistas, muitas vezes odiados, têm vezes que nos ajudam, levam no hospital, se preocupam. Mas claro, isso se você não garotear e vomitar no carro dele, né?

Até mesmo com obras de arte a bebida aproxima

Médica analisando um raio x do cérebro do Homer Simpson

Sim. Não digo uma Monalisa, mas sempre rimos com alguma gravura dos Simpsons, por exemplo. Seja com o Homer, seja o Barney, seja o Moe, certamente que vamos rir e, quem sabe, relembrar uma história etílica das antigas.

Ou até mesmo uma arte surrealista, que por ser tão psicodélica, pode te fazer rir, caso ela esteja presente na casa de alguém enquanto vocês brincam de algum Drunk Game.

Finalizando

Sim, meu nobre, a bebida aproxima e interage. Muitas vezes de forma indireta, tão imperceptível que nem percebemos. E você, já passou por alguma história engraçada? Já teve influência indireta da bebida? Conte nos comentários.

Aquele abraço.

Você também gostará desses

Devaneios etílicos: mulheres, estrias e celulites.... Toda mulher merece ser valorizada, mesmo tendo celulite ou estria. E você, concorda?
Porque eu nunca fiz amigos bebendo leite Levantando a grande questão dos bares e botecos da vida: eu nunca fiz amigos bebendo leite! As grandes histórias sempre têm álcool envolvido. Confira!...
Somos todos Papo de Bar O #EstiloPdB é um marco, um nível de comportamento acima do normal, onde se aproveita a vida de forma saudável, sem preconceitos e com grandes amizade...
A incrível geração de pré e pós parties Nem só de balada e festas vive o ser humano. Existem as pré e pós parties, que é quando as festas realmente começam e realmente terminam.
Parece que, aparentemente… Aparentemente é uma palavra espetacular, que serve para várias coisas e situações de um bêbado e seus amigos. Tanto ela como "caralho", "parece que",...
Obrigado, Rodrigo Hilbert Vamos falar um pouco de Rodrigo Hilbert. Um cara bonito, bem sucedido e que tem mostrado diversos dotes que geralmente homem nenhum tem. Confira agora...

Compartilhe: