Cerveja hidrata que nem água depois da prática esportiva

Essa notícia bem meio bombástica, pra acabar com a opinião de muita gente que acha que cerveja não serve pra nada, só fode o organismo e tudo mais. Tudo que fica dentre os números admissíveis, que não exagerem ao extremo pra chegar numa cirrose, é bom, fica dentro do esperado e até melhor. E esse estudo mostra que cerveja hidrata tão bem quanto a água.

Cerveja hidrata tanto quanto água

Corpo se alongando com um copo de cerveja na frente

Vem nimim SUA LINDA!

Foi feito um estudo modafoca em Bruxelas, que comprova que o consumo moderado de cerveja após exercícios físicos pode ter os mesmos resultados que a água para a hidratação. Especialistas em medicina e nutrição da União Europeia participaram dessa pesquisa e chegaram, também, a esta conclusão no VI Simpósio Europeu de Cerveja e Saúde.

Um dos pesquisadores, o nobre Manuel Castillo, da Universidade de Granada, lançou seus resultados do estudo que consistiu em medir como o corpo reage de acordo com a quantidade de cerveja que o energumeno manda pra dentro da pança e daquela outra bebida também, a água, depois da realização de esforço físico intenso. Veja o que o malandro falou:

Realizamos o estudo para comprovar se o costume de tomar cerveja depois do exercício era recomendável.

Não é porque a cerveja hidrata que devemos encher a cara

Gordo sentado colocando cachorro pra fazer exercício

Assim já é demais, não é verdade?

Depois de uma dessas, geralmente a galera se empolga e já leva no squeeze uma bela dose de cerveja e vai bebendo durante a corrida, caminhada e no final de tudo, enche a cara de cerveja. MAs logicamente, sabemos que não é assim que a banda toca. Todo esse estudos e coisas sobre cerveja fazer bem é com uma quantidade moderada da digníssima.

Ou seja, tanto faz tu beber água ou beber cerveja depois do exercício físico, o resultado é o mesmo. Mas claro, isso serve para os modafocas que não tenham nenhuma contraindicação. Sempre tem os “poréns”, mas fazer o quê né? Veja o que o nobre Castillo complementou:

Não foi encontrado nenhum efeito negativo que pudesse ser atribuído à ingestão de cerveja em comparação com a ingestão de água.

A grande lenda: Cerveja dá barriga ou não?

Barriga de chopp

Tudo culpa da calabresa acebolada…

Já falamos sobre isso de cerveja dar ou não barriga aqui no Papo de Bar. E como o nobre Castillo resolveu mexer nesse ponto de saúde com cerveja, resolveu bater nesse ponto que muitos questionam e poucos acreditam.

E pasmém, também afirmou que durante as conferências será apresentado outro estudo que descarta que exista “qualquer relação” entre o consumo da bebida e a tendência a desenvolver “barriga de chope”. Sensacional. Mas porra, é meio óbvio, pelo menos pra mim. Existe todas as questões de biotipo e também de comer petiscos durante as cervejas. Eu NUNCA vou pedir uma salada num boteco, vai ser frango a passarinho, calabresa, provolone, entre outros petiscos sensacionais de botecos.

Mas claro, a mesma coisa do consumo moderado

Um outro modafoca da medicina, o Ramón Estruch, do Hospital Clínico de Barcelona, disse que realmente os resultados dos estudos mostram que o consumo, moderado (não esqueçam disso), de cerveja pode prevenir até mesmo acidentes cardiovasculares, isso por causa dos efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios das artérias.

Cerveja melhora a saúde!

Símbolo das olimpíadas com copos de cerveja

A medalha de ouro \\o/

Pica das galáxias isso, sério mesmo, cada vez mais me surpreendo com a nobre loira gelada. E já falamos sobre essa questão da cerveja fazer bem pra saúde, confira.

Fora que também proporciona proteção contra fatores de risco cardiovascular, como diabetes, melhora a pressão arterial, regula o colesterol e previne a arterioesclerose (nem sei o que é isso, mas se o cara disse, estamos aqui pra mostrar).

E a cerveja sem álcool?

Isso pra mim não é cerveja :D, inclusive vamos falar sobre elas nessa semana ;), mas os estudos mostram que a cerveja com álcool tem mais efeitos positivos do que as sem álcool. Ainda estão confirmando tudo e tal, estão fazendo uns testes e estudos em cima disso.

Cerveja faz bem até para mães lactantes

Bezerro bebendo cerveja

Não vamos exagerar, certo?

Créditos: Mirjam Pouw

Admito que essa foi a parte mais bizarra, que mais me impressionou. Mas antes que venham metralhar a pesquisa, essa parte das mães lactantes são só para cervejas sem álcool 😉

Uma das pesquisadoras da Agência da Saúde de Valência, a nobre Maria Teresa Fernandez Aguilar, que falou sobre esses benefícios da cerveja sem álcool para as mães. Ela citou o estudo que demonstrou que crianças amamentadas por mães que consumiram duas cervejas sem álcool durante a lactação têm menos possibilidades padecer de doenças como câncer e arteriosclerose (ó a doença bizarra de novo aí), devido à transmissão dos componentes antioxidantes de bebida.

Coca-cola é o caralho, meu nome é cerveja \m/

Pé de pato com lata de cerveja em cima

Já que faz bem, vamos começar os trabalhos 🙂

Créditos: dars72

E ela ficou que nem eu quando soube:

Os resultados nos surpreenderam.

Não foi só a você nobre Maria Fernandez, acredito que todos que lerem essa matéria vão ficar com caras de bunda olhando “não é possível essa porra”. E o fodástico, mas não tão surpreendente, é que ela afirmou que a cerveja sem álcool seria mais recomendável que outras bebidas gasosas com base química. Não que não seja surpreendente, pois bebidas gasosas e cheias de químicas fodem bastante, mas o que surpreende mesmo é a comparação com a cerveja.

Finalizando

O que vocês acharam dessa?

Fonte: http://exame.abril.com.br/estilo-de-vida/saude/noticias/cerveja-hidrata-igual-a-agua-apos-pratica-esportiva

Você também gostará desses

Michael Jackson, o rei da cerveja Uma homenagem do PdB ao grande Beer Hunter, Michael Jackson. Não o rei do Pop e sim o rei da cerveja. Conheça mais sobre essa ilustre figura important...
Amstel na Libertadores da América O futebol ganha mais um patrocínio cervejeiro. Agora temos a cerveja Amstel na Libertadores da América, para reforçar a marca e seu marketing.
Guinness The 1759: Guinness lança cerveja comemora... A Guinness lançou uma versão comemorativa e bem limitada, lindíssima e deliciosa Guinness The 1759, data em que o contrato da primeira fábrica foi ass...
Impostos: Mais da metade da sua cerveja pertence a... Veja o quanto você paga na cerveja e o quanto disso vai para o governo, ou seja, são impostos. O Brasil é o país com os maiores impostos e preços de c...
A cerveja Duff ganha vida A grande cerveja Duff, do desenho Os Simpsons, ganha vida no México. Depois de tentativas de acordo com a Fox, sem retorno, um mexicano lança sua vers...
10 cervejas para você beber depois de morrer Veja uma lista inusitada de 10 cervejas que você deve beber depois de morto. São cinco cervejas "dos deuses" e mais cinco cervejas "do capeta", pra vo...