A melhor cerveja do mundo

Créditos: kahala

Já me perguntaram, algumas vezes, qual a melhor cerveja do mundo na minha opinião. Pergunta amplamente complexa de ser respondida, por quem quer que seja, ou um especialista ou um bêbado que se satisfaz com uma cerveja nacional de baixíssima qualidade.

Eu não bebi todas as cervejas do mundo para ter essa resposta. Mas ae alguém vem e pergunta qual a melhor cerveja que eu já bebi. Ok, tudo bem, ficaria até mais fácil responder tal pergunta por motivos óbvios. Mas não é fácil coisa nenhuma. Eu diria ainda que impossível…

A melhor cerveja do mundo não é somente sabor, aroma…

É importante, mas não é só isso

Existe muita coisa além desses fatores, desses sentidos. E eu acredito que isso se encaixa em todas as bebidas, não somente com a cerveja, claro. Existe uma energia dentro de nós, que pede tal tipo de bebida, tal tipo de cerveja. Por exemplo, você jogando um futebol uma hora seguida, correu bastante, se divertiu, marcou seus gols. Cara, uma cerveja bem gelada logo depois desce mais fácil que uma água natural sem gás. Sério!

Assim como uma Stout cai muito bem naquele frio intenso de Campos do Jordão, São Paulo, ou no Sul do país, ou Petrópolis, interior do Rio de Janeiro. A cerveja não precisa estar geladíssima, algo em torno dos 6, 8 graus e fica tudo perfeito. Isso mostra que a temperatura da cerveja deve ser respeitada, por vários motivos, além do clima e tudo mais. Falamos sobre isso no artigo sobre Temperatura da cerveja, vale dar uma olhada depois.

A melhor cerveja do mundo é emoção, sentimento…

Cerveja é muito mais do que paladar, olfato e visão, é o sentimento, o prazer, o tesão pelo momento em si e não somente a cerveja. Sempre que falo de cervejas eu cito mulheres como comparação. Muitas não gostam, mas o sexo em si é a mesma coisa. Muitos dizem que sexo com amor é bem melhor, certo?

E que troféu hein…

Créditos: easy outdoors

Um sexo feito de uma forma brilhante, com momentos e atitudes certas é sempre melhor. Diferente de um sexo com uma garota de programa, que pode ser a mais gostosa do mundo, mas ainda sim não vai ter aquela essência.

É mais ou menos com a cerveja também. Não adianta você querer tomar uma Karmeliet numa praia com um calor de 40 graus, naquele momento uma cerveja pilsen vai lhe cair muito bem, até mesmo uma Brahma, Antarctica da vida, assim como uma Bohemia e Original (bem melhor não?). E com uma Pilsner Urquell seria sensacional, no mesmo estilo e altamente superior.

Isso é tudo viadagem, eu quero é beber

Seria essa a melhor cerveja do mundo?

Sempre vão falar isso, acho normal. Citei muito esses pontos no artigo que escrevi pro Papo de Homem sobre Beber por prazer ou encher a cara. Não quero chegar nesse ponto, só quero chegar no ponto que não existe uma única “melhor cerveja do mundo”, existe sim a melhor cerveja para aquele momento.

E logicamente que entendo o ponto da “viadagem”. Tem vezes que quero beber mesmo, foda-se, o que vier é lucro, mas como eu disse, é o momento em si. Muita gente bebe pra ficar bêbado, mal gostam de cerveja ou qualquer outra bebida, rumo ao chão pra depois levantar e continuar bebendo, esse é o objetivo, principalmente em carnavais e festas do estilo.

Oportunidades e objetivos

O amor é lindo

Créditos: painter girl

Dois pontos interessantes também. Poucas pessoas tiveram a oportunidade de provas cervejas artesanais, especiais, importadas, etc. Com isso, muitas ficam com preconceito, muitas pessoas não gostam das pseudo-cervejas oferecidas nos bares, acham amargas, ae, com isso, não ficam com vontade de beber outros estilos de cerveja.

Mas também por causa dos preços. Hoje os impostos encarecem muito as cerveja, tornando difícil ter esse hábito saudável de saborear, degustar e harmonizar uma cerveja. Mas hoje você consegue comprar cervejas em supermercados comuns, o que há alguns anos atrás era difícil. E você acha ótimas cervejas, tanto nacionais quanto internacionais de até R$20.

E o objetivo?

Um objetivo digno, não é verdade?

Créditos: M @ X

O nome já diz e que entra um pouco em tudo que eu falei. Além das oportunidades, temos os objetivos. Tem gente que bebe pra pegar mulher, pra perder a timidez e conseguir “chegar junto”. Tem que gente que bebe por prazer, pra hamonizar, seja harmonização com ótimos vinhos ou então degustação e harmonização de comidas com cervejas. Ou por quê não uma ótima harmonização de whiskies com charutos?

Beber por diversão, pegação, pra fazer amigos e socializar, seja lá pra o que for, existe sempre um objetivo. E sempre vai existir uma cerveja pra cada tipo de objetivo. Não somente uma, claro, podem ser várias, por que não?

Finalizando

Bom, como diria o ditado, a melhor cerveja do mundo é aquela que você está bebendo no momento. Não diria que é um erro não, muitas vezes é verdade. O que importa mesmo é você estar feliz no momento da bebedeira, estar rindo, conhecendo novas pessoas, ou até mesmo fazendo sexo e usando a cerveja, por quê não? (aliás, isso dará um futuro artigo que sairá em breve 😉 ).

Amigos, o melhor troféu possível

Créditos: babylegschicago

Abrace seus amigos, brinde com seu pai, seu irmão, pra toda minha família e pra você. Ok, tosco, foda-se. Pegue uma cerveja e faça um brinda a ela mesmo, comemore por estar vivo, tem gente que não bebe e está morrendo, não é verdade?

E você? Ta olhando o quê? Comenta logo ae embaixo e diga sua opinião sobre o artigo e a abordagem e tema 😉

Você também gostará desses

Yahoo Posts: Papo de Bar entra em campo O Papo de Bar entra em campo, literalmente, e participa do Projeto Yahoo Posts! Direto do Pacaembu, com a participação de vários blogs importantes. Co...
The New Heineken Experience: Amsterdam Heineken Experience, uma jornada interativa na história da marca e seu processo de fermentação com cafezinho e tudo! Opa, cafezinho da Heineken?
Itaipava é “gente grande”! A cerveja Itaipava vem crescendo bastante nos últimos anos, batendo de frente com a Ambev em alguns aspectos. Veja o que a Itaipava tem feito na área ...
Steinhaeger Becosa quer conquistar o Brasil Um destilado alemão, produzido no Brasil, busca fazer sucesso por aqui. Apresentamos algumas maneiras de beber o Steinhaeger Becosa.
A cerveja Duff ganha vida A grande cerveja Duff, do desenho Os Simpsons, ganha vida no México. Depois de tentativas de acordo com a Fox, sem retorno, um mexicano lança sua vers...
Budweiser apresenta embalagem de material reciclad... Confira as novas garrafas de vidro com embalagem de material reciclado da Budweiser. Design exclusivo, feitas com 45% de material reciclado. O Brasil ...