Retrospectiva Etílica 2011

“Uma retrospectiva etílica do ano de 2011. O que de mais importante aconteceu no ano de 2011 que tenha relação com bebidas alcóolicas, cerveja, whisky, vodka, dentre outros.”

Vote neste artigo:
SóbrioAlegrinhoSemi-modafocaModafocaTem futuroNo brilhoAlucinadoCom a alma no céuComa AlcóolicoJeremias - O Retorno (3 votes, average: 9.33 out of 10)
Loading...

Mês de dezembro, final do mês, final do ano, época de festas, encher a cara até morrer, rever os amigos, falar merda, aturar aquelas ceias de natal chatas pra caralho na maioria das vezes, aturar os tios e tias chatos e tudo mais. Mas também é época de relembrar o que rolou no ano que passou, certo?

Coisas boas com cerveja que aconteceram em 2011

Não somente com cerveja, claro, todo o mundo etílico está envolvido. Não falaremos da porra toda que aconteceu no ano, só algumas coisas que lembrei e que a grande maioria foi comentada aqui no Papo de Bar. Vamos a elas:

Mês etílico: Janeiro

Latas vermelhas: Brahma e Itaipava

Não foi um mês tão movimentado, pelo menos aqui no Papo de Bar. Um “causo” que chamou a atenção nesse mês foi o processo que a Ambev abriu contra a Cervejaria Petrópolis, em respeito a Itaipava Stock Car por causa da latinha vermelha que eles lançaram para a cerveja Itaipava, citando que era um plágio da nova lata vermelha da Brahma.

Mês etílico: Fevereiro

Garrafas da Vodka Diva

Um artigo que deu o que falar foi a vodka mais cara do mundo, a vodka Diva, que custa um milhão de dólares. Isso mesmo, um milhão de dólares. A vodka tem dentro várias pedras preciosas, o que é meio estranho, pois não remete o valor a qualidade da vodka e sim pelas pedras que estão dela né, mas fiquei curioso em provar.

Mês etílico: Março

Sandy garota propaganda da cerveja Devassa

Então tá né Sandy

O mês de março já começou pegando fogo quando a Devassa anunciou sua nova garota propaganda, a Sandy. O assunto deu um rebú filha da puta nas redes sociais, muita gente criticando, elogiando, falando de tudo. Se queriam que falassem sobre, conseguiram muito bem, principalmente depois de terem colocado a Paris Hilton como garota propaganda da Devassa no ano anterior.

Outra coisa legal foi o primeiro contato da Ketel One conosco aqui do Papo de Bar. Foi quando começou a se infiltrar no Brasil, da apresentação do projeto de inserção no mercado em abril, e em maio tivemos o primeiro encontro presencial com o pessoal e, depois, em agosto, tivemos o evento final da primeira fase da vodka Ketel One, ótima vodka por sinal.

Mês etílico: Abril

 

Garrafa da cerveja Brewdog de viagra

Ohhhhhhhh!!!

Próximo da data do casamento do ano, o do Príncipe William com aquele espetáculo chamado Kate Middleton, a cervejaria BrewDog lançou a cerveja Royal Virility Performance, a primeira cerveja que tem Viagra em sua composição. Depois do mundo inteiro falando desse casamento, nada mais inusitado para ser lançado do que uma cerveja pro príncipe não brochar na hora H.

Mês etílico: Maio

Garrafas da Vodka Cupcake

Não tão polêmico como a cerveja de viagra, no mês de maio tivemos o lançamento de uma vodka digamos, no mínimo diferente. É a Cupcake Vodka, a vodka sabor de… Cupcake o.O Isso mesmo, aquele doce que mó galera se amarra virou sabor de uma vodka. Ainda não experimentei, mas fiquei curioso, mas acho que deve ser meio enjoativa.

Mês etílico: Junho

No mês das festas juninas rolou em Belo Horizonte a Expo Cachaça, dos dias 02 a 05 e nos dias 23 a 25 rolou também o Concurso Nacional de Cervejas Artesanais que a ACervA Catarinense organizou lá em Santa Catarina.

Mês etílico: Julho

Marca da feira Brasil Brau

No início do mês de julho tivemos a Feira Brasil Brau, que é bienal. Um grande evento, que cresce a cada biênio. Muitas informações, produtos, cervejas, dentre outros. O que acho é que eles poderiam abrir espaço também para aqueles que querem entrar no mercado cervejeiro, estão iniciando, o que falta lá ainda.

Mês etílico: Agosto

Gostei da garrafa

Modelos da Budweiser[ /caption]

Final de agosto, época que a nobre cerveja Budweiser entra no mercado brasileiro. Muitos já tinham ouvido falar, mas nem todos tinham bebido a cerveja, pois ela vira e mexe aparece em filmes, eventos do exterior, dentre outros. E de quebra ainda veio para o Brasil com uma nova Identidade Visual.

Mês etílico: Setembro

Foto da Heineken no Rock in Rio

Um evento de grande proporção no mês de setembro foi o Rock in Rio de volta ao Brasil e com a Heineken investindo bem forte no evento, colocando tirolesa, pessoas vendendo chopp com coolers pra não precisar ir até algum caixa comprar, etc.

Mês etílico: Outubro

Jack Daniel's

Falar de outubro e não citar a Oktoberfest é praticamente impossível, mas vamos deixar o evento um pouco pra lá, já que sempre acontece, certo?  O acontecimento sagaz desse mês foi o lançamento da nova garrafa de Jack Daniel’s e da festa de aniversário de 161 anos que faria Mr. Jack. A garrafa ficou mais ogra, masculina, com mudanças sutis, mas bem fodásticas.

Mês etílico: Novembro

Ah danada...

Cerveja Duff no gelo[ /caption]

Um acontecimento histórico para os adoradores do seriado Simpsons foi a cerveja Duff começar a ser vendida no Brasil. Vi muitas felicidades, desespero das pessoas querendo comprar. Lembrando que a cerveja Duff já existia em alguns outros países, como a Argentina.

Um acontecimento importante no mercado cervejeiro também foi a venda do grupo Schincariol para a empresa japonesa Kirin, que em novembro conseguiu a compra de 100% da companhia.

Mês etílico: Dezembro

Garrafa Johnnie Walker Double Black

Não, eu não falarei da comilança filha da puta e a encheção de cara que acontece no natal e no ano novo, mas merecem ser lembrados aqui :D. Em dezembro aconteceu um lançamento sagaz da Johnnie Walker, o whisky Double Black, que é uma variante do clássico Black Label, mas com maltes exclusivos, defumados, com aromas especiais, turfados e sem uma idade específica.

Finalizando

Bom, é isso. Vocês gostariam de citar mais algum evento que aconteceu no ano de 2011? Qual foi o mais importante?

Você também gostará desses

Uísque de urina Já pensou num whisky feito de urina? Bizarro não? Um designer e pesquisador chamado James Gilpin é portador da diabetes tipo 1 e começou esse projeto ...
Basta beber e… SEUS PROBLEMAS ACABARAM! Conheça a The Problem Solver, uma cerveja criada para as mentes criativas. Ela possui uma marcação do limite de cerveja que precisamos para ficarmos c...
A Lenda do primeiro xixi Quem nunca ouviu falar da lenda que depois do primeiro xixi, você vai muito mais pro banheiro? Veja agora o real culpado, acredite, não é a cerveja e ...
Museu da Cerveja Não são todos que gostam de Museus, mas quando se é um Museu da Cerveja, isso muda e todo mundo tem a curiosidade de visitar. Peças bem antigas, histó...
Ressaca: Toda felicidade tem seu fim Atire a primeira garrafa quem nunca teve uma ressaca. Toda bebida dá ressaca, mais umas dão mais que as outras. Veja aqui a lista e o porquê dessas be...
A Adriática e sua história Saiba mais sobre a Adriática e sua história, uma cerveja para desbravadores, com pegada, para beber com os amigos. Uma bela história que ressurgiu das...

Compartilhe:

  • Mé do Moya

    As novelinhas foram demais.

    • guilherme

      concordo ! ! !